Cuidador de Idosos Domiciliar - Salário, piso salarial, o que faz e mercado de trabalho

CBO: 5162-10

O que faz um Cuidador de Idosos

O Cuidador de Idosos Domiciliar atua no cuidado e assessoria a idosos em suas residências, sendo responsável por auxiliar na rotina do dia a dia do idoso, como apoio na higiene pessoal, alimentação, administração de medicamentos, proporcionando momentos de lazer ao idoso e o acompanhando em consultas, exames e tratamentos médicos quando necessário.

Como é o mercado de trabalho para Cuidador de Idosos Domiciliar

Em sua maioria este profissional atua de forma domiciliar, indo até onde o idoso se encontra e prestando seus serviços no formato home care. O Cuidador de Idosos Domiciliar deverá possuir um perfil educado, atencioso, resiliente, respeitoso, flexível, observador e com auto controle, sendo capaz de manter um espírito otimista e alegre no exercício de suas atividades.

Atividades e funções mais comuns para a profissão

  • Manter a calma em situações críticas;
  • Prestar cuidados especiais a pessoas com limitações e/ou dependência física;
  • Levantar informações sobre a pessoa;
  • Ajudar a pessoa na alimentação;
  • Preparar o leito de acordo com as necessidade do cjai;
  • ver mais...

Quanto ganha um Cuidador de Idosos Domiciliar em 2023

Hoje um Cuidador de Idosos Domiciliar ganha em média R$ 1.521,25 no mercado de trabalho brasileiro para uma jornada de trabalho de 41 horas semanais.

As informações são de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto a dados oficiais do Novo CAGED, que reúne dados do CAGED, eSocial e Empregador Web com um total de 68.747 salários de profissionais admitidos e desligados pelas empresas no período de Outubro de 2022 a Outubro de 2023.

Faixa salarial e piso salarial 2023

A faixa salarial do Cuidador de Idosos Domiciliar fica entre R$ 1.479,70 (média do piso salarial 2023 de acordos coletivos), R$ 1.482,00 (salário mediana da pesquisa) e o teto salarial de R$ 2.304,56, levando em conta o salário base de profissionais em regime CLT de todo o Brasil.

O perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 40 anos, ensino médio completo, do sexo feminino que trabalha 44h semanais em empresas do segmento de Instituições de longa permanência para idosos.

A cidade com mais ocorrências de contratações e por consequência com mais vagas de emprego para Cuidador de Idosos Domiciliar é São Paulo - SP.

Salário de Cuidador de Idosos Domiciliar - Série histórica

Salário de Cuidador de Idosos Domiciliar por região do Brasil

Quanto ganha um Cuidador de Idosos Domiciliar nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Cuidador de Idosos Domiciliar na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
41 1.552,39 1.595,98 2.411,89 7,83 6.298
41 1.411,37 1.451,00 2.192,79 7,05 3.772
41 1.679,34 1.726,49 2.609,12 8,45 2.157
40 1.420,13 1.460,01 2.206,41 7,36 1.973
40 1.459,78 1.500,77 2.268,01 7,58 1.573
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a Busca Salarial.

Cálculo salarial para Cuidador de Idosos Domiciliar

Divisões salariais com base no salário bruto no cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 1.480 17.756 370 7,23
Média Salarial 1.521 18.255 380 7,44
1º Quartil 1.327 15.920 332 6,48
Salário Mediana 1.482 17.784 371 7,24
3º Quartil 1.758 21.091 439 8,59
Teto Salarial 2.305 27.655 576 11,26
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Cuidador de Idosos Domiciliar negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais no cargo de Cuidador de Idosos Domiciliar da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para o cargo

Cuidador de Idosos Domiciliar é um cargo que está com altíssima demanda no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Outubro de 2022 e Outubro de 2023, tivemos um aumento de 14.01% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Cuidador de Idosos Domiciliar pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web no período de Outubro de 2022 e Outubro de 2023.

Quanto ganha um Cuidador de Idosos Domiciliar por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa
Estado Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
São Paulo 41 1.512,28 1.554,74 2.349,58 7,58 27.255
Minas Gerais 41 1.381,89 1.420,69 2.146,99 6,93 10.045
Rio Grande do Sul 41 1.470,03 1.511,30 2.283,92 7,37 7.232
Paraná 41 1.632,83 1.678,67 2.536,86 8,19 4.716
Santa Catarina 42 1.684,49 1.731,79 2.617,13 8,25 3.756

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
8711-5/02 Instituições de longa permanência para idosos 41 1.466,51 1.507,68 2.278,46 7,33 34.130
9430-8/00 Atividades de associações de defesa de direitos sociais 40 1.506,42 1.548,71 2.340,46 7,68 8.165
8711-5/01 Clínicas e residências geriátricas 42 1.446,94 1.487,56 2.248,05 7,16 3.508
8800-6/00 Serviços de assistência social sem alojamento 39 1.566,75 1.610,75 2.434,21 8,32 2.438
8712-3/00 Atividades de fornecimento de infra-estrutura de apoio e assistência a paciente no domicílio 42 1.380,91 1.419,69 2.145,48 6,80 1.942
7830-2/00 Fornecimento e gestão de recursos humanos para terceiros 40 1.361,00 1.399,21 2.114,53 7,01 1.698
8730-1/99 Atividades de assistência social prestadas em residências coletivas e particulares 41 1.517,53 1.560,14 2.357,74 7,57 1.446
8711-5/05 Condomínios residenciais para idosos 41 1.434,24 1.474,51 2.228,32 7,21 1.306
9491-0/00 Atividades de organizações religiosas 41 1.570,64 1.614,74 2.440,24 7,94 1.183
9609-2/99 Outras atividades de serviços pessoais 41 1.395,20 1.434,37 2.167,67 7,05 1.072
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas).

Quanto ganha um Cuidador de Idosos Domiciliar concursado

Profissionais com ensino médio completo contratados para exercer o cargo de Cuidador de Idosos Domiciliar também podem almejar um emprego público através de concurso.

O salário de Cuidador de Idosos Domiciliar concursado é de R$ 1.605,58 para uma jornada de 40 horas semanais, segundo dados de 244 profissionais contratados por concúrso público para órgãos municipais, estaduais ou federais.

Sem dúvidas seguir uma carreira concursada de Cuidador de Idosos Domiciliar é uma ótima pedida, já que o salário no setor público é cerca de 5% maior do que a média salarial do setor privado.

Quanto ganha um Cuidador de Idosos Domiciliar por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 68.747 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Cuidador de Idosos Domiciliar em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
37.495 44 220 1.508,12 6,86
18.457 36 180 1.535,64 8,53
5.307 40 200 1.556,98 7,78
2.022 42 210 1.525,93 7,27
719 38 190 1.511,60 7,96
714 30 150 1.473,58 9,82

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por nível profissional e porte da empresa

Um Cuidador de Idosos Domiciliar Nível I ganha em média R$ 1.585,10, o Nível II recebe cerca de R$ 1.793,11, já o Nível III tem uma média salarial de R$ 2.153,94 mensais de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto aos dados oficiais do CAGED de profissionais demitidos no mercado de trabalho.

Metodologia: Salários de 29.520 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Nível I Nível II Nível III
Micro 1.547,62 1.651,63 1.832,04
Pequenas 1.556,96 1.660,96 1.841,38
Médias 1.580,20 1.684,21 1.864,62
Grandes Empresas 1.560,55 1.664,56 1.844,97
  • *Cuidador de Idosos Domiciliar Nível I: até 4 anos;
  • *Cuidador de Idosos Domiciliar Nível II: de 4 a 6 anos;
  • *Cuidador de Idosos Domiciliar Nível III: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Gráficos de pesquisa

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Cuidador de Idosos Domiciliar pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Cuidador de Idosos Domiciliar