Auxiliar de Enfermagem - Salário, piso salarial, o que faz e mercado de trabalho

CBO: 3222-30

Na área de saúde, o papel de um Auxiliar de Enfermagem é essencial para garantir um sistema de apoio vital. Os Auxiliares de Enfermagem desempenham um papel fundamental na prestação de cuidados e assistência aos pacientes, ajudando a garantir o bem-estar e a segurança deles. Neste artigo, exploraremos o que um Auxiliar de Enfermagem faz, como trabalhar nessa profissão e a importância desse papel no sistema de saúde.

O que um Auxiliar de Enfermagem faz

Um Auxiliar de Enfermagem desempenha uma variedade de tarefas importantes no cuidado aos pacientes. Eles ajudam na higiene pessoal dos pacientes, auxiliam na alimentação e na administração de medicamentos prescritos. Eles também são responsáveis ​​por monitorar os sinais vitais dos pacientes e garantir que eles estejam confortáveis ​​e seguros.

Os Auxiliares de Enfermagem também desempenham um papel crucial na comunicação entre os pacientes e a equipe de saúde. Eles são o ponto de contato direto para os pacientes, ouvindo suas preocupações, respondendo a perguntas e fornecendo apoio emocional. Eles são responsáveis ​​por manter registros precisos do estado dos pacientes e relatar qualquer alteração aos enfermeiros responsáveis.

Como trabalhar como Auxiliar de Enfermagem

Para se tornar um Auxiliar de Enfermagem, é necessário obter uma qualificação específica na área. Existem cursos de formação profissional disponíveis, que ensinam as habilidades necessárias para trabalhar como Auxiliar de Enfermagem. Esses cursos geralmente incluem treinamento teórico e prático, tem duração média de 18 meses proporcionando uma base sólida para a prática profissional.

Além da qualificação, é importante ter algumas características pessoais essenciais para trabalhar como Auxiliar de Enfermagem. Empatia, paciência e habilidades de comunicação eficazes são fundamentais para esse papel. Os Auxiliares de Enfermagem precisam ser capazes de lidar com situações estressantes e estar dispostos a ajudar os pacientes em suas necessidades diárias.

Qualificações e requisitos para se tornar um Auxiliar de Enfermagem

Para se tornar um Auxiliar de Enfermagem, é necessário atender a certos requisitos e possuir as qualificações adequadas. Geralmente, é necessário ter um diploma ou certificado de um curso de Auxiliar de Enfermagem reconhecido pelo órgão regulador da profissão. Além disso, é preciso ter um registro atualizado junto ao COREN – Conselho Regional de Enfermagem para exercer legalmente a profissão.

Outros requisitos podem variar dependendo da instituição de saúde em que se pretende trabalhar como Auxiliar de Enfermagem. Algumas instituições podem exigir experiência prévia na área ou a conclusão de um período de estágio supervisionado. É importante pesquisar os requisitos específicos de cada local para garantir que todos os critérios sejam atendidos.

A importância do Auxiliar de Enfermagem no sistema de saúde

Os Auxiliares de Enfermagem desempenham um papel vital no sistema de saúde. Eles são uma parte essencial da equipe de saúde, fornecendo apoio e assistência aos enfermeiros e médicos. Sem os Auxiliares de Enfermagem, a carga de trabalho sobre os enfermeiros seria ainda maior, tornando difícil a prestação de um atendimento de qualidade a todos os pacientes.

Além disso, os Auxiliares de Enfermagem são frequentemente os primeiros a interagir com os pacientes e suas famílias. Eles ajudam a estabelecer um ambiente de confiança e cuidado, essencial para o bem-estar dos pacientes. Sua presença e atenção aos detalhes ajudam a garantir que cada paciente receba o cuidado adequado e se sinta confortável durante sua estadia no hospital.

Oportunidades de carreira e desenvolvimento profissional para Auxiliares de Enfermagem

Carreira para auxiliar de enfermagem

A profissão de Auxiliar de Enfermagem oferece uma variedade de oportunidades de carreira e desenvolvimento profissional. Com a qualificação adequada e experiência, os Auxiliares de Enfermagem podem avançar para posições de maior responsabilidade, como técnico de enfermagem, enfermeiros supervisores ou coordenadores de equipe. Além disso, eles também podem optar por se especializar em uma área específica, como cuidados intensivos ou geriatria.

Existem também oportunidades de desenvolvimento profissional contínuo para Auxiliares de Enfermagem. Eles podem participar de cursos de atualização e treinamentos para aprimorar suas habilidades e conhecimentos. Além disso, eles podem buscar certificações adicionais que possam abrir portas para oportunidades de carreira mais avançadas.

Reconhecendo e valorizando o papel do Auxiliar de Enfermagem na área da saúde

É importante reconhecer e valorizar o papel dos Auxiliares de Enfermagem na área da saúde. Eles desempenham um papel vital na prestação de cuidados e assistência aos pacientes, trabalhando lado a lado com a equipe de enfermagem e médica. Seu trabalho árduo e dedicação ajudam a garantir a segurança e o bem-estar dos pacientes, e isso merece reconhecimento e gratidão.

É importante garantir que os Auxiliares de Enfermagem tenham um ambiente de trabalho seguro e favorável. Eles devem receber salários justos e benefícios adequados, além de oportunidades de desenvolvimento profissional contínuo. Ao valorizar o papel dos Auxiliares de Enfermagem, estamos investindo no futuro da saúde e garantindo a qualidade dos cuidados prestados aos pacientes.

Quais cidades pagam os melhores salários para Auxiliares de Enfermagem

Se você está pensando em seguir uma carreira como Auxiliar de Enfermagem, é natural querer saber quais cidades oferecem os melhores salários nessa profissão. Embora os salários possam variar dependendo da região e do país, algumas cidades são conhecidas por oferecerem salários mais altos para Auxiliares de Enfermagem.

São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília são algumas das cidades brasileiras que geralmente têm salários mais altos para Auxiliares de Enfermagem. Essas cidades têm uma demanda maior por profissionais de saúde e uma maior capacidade de pagamento. No entanto, é importante considerar outros fatores, como o custo de vida e as oportunidades de emprego, ao decidir em qual cidade trabalhar.

Atividades e funções mais comuns para a profissão

  • Registrar intercorrências e procedimentos realizados;
  • Administrar produtos quimioterápicos;
  • Auxiliar em reanimação de paciente;
  • Arrumar camas;
  • Providenciar limpeza concorrente e terminal;
  • Instalar hemoderivados;
  • Coletar material para exames;
  • Esterilizar instrumental;
  • Lavar mãos antes e após cada procedimento;
  • Demonstrar capacidade de atenção;
  • Fornecer roupa;
  • Verificar a quantidade de compressas cirúrgicas;
  • ver mais...

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem em 2024

Hoje um Auxiliar de Enfermagem ganha em média R$ 2.147,55 no mercado de trabalho brasileiro para uma jornada de trabalho de 39 horas semanais.

As informações são de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto a dados oficiais do Novo CAGED, que reúne dados do CAGED, eSocial e Empregador Web com um total de 49.969 salários de profissionais admitidos e desligados pelas empresas nos últimos 12 meses.

Faixa salarial e piso salarial 2024

A faixa salarial do Auxiliar de Enfermagem fica entre R$ 1.959,08 salário mediana da pesquisa e o teto salarial de R$ 3.834,30, sendo que R$ 2.088,90 é a média do piso salarial 2024 de acordos coletivos levando em conta profissionais em regime CLT de todo o Brasil.

O perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 23 anos, ensino médio completo, do sexo feminino que trabalha 36h semanais em empresas do segmento de Atividades de atendimento hospitalar.

A cidade com mais ocorrências de contratações e por consequência com mais vagas de emprego para Auxiliar de Enfermagem é São Paulo - SP.

Solicite suas sessões grátis Curso de manutenção de celulares

Salário de Auxiliar de Enfermagem - Série histórica

Salário de Auxiliar de Enfermagem por região do Brasil

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Auxiliar de Enfermagem na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
São Paulo, SP 38 2.490,31 2.560,23 3.869,10 13,33 15.674
Sorocaba, SP 40 2.111,87 2.171,17 3.281,13 10,88 1.442
Santo André, SP 38 2.357,24 2.423,43 3.662,36 12,64 1.150
Guarulhos, SP 38 2.153,82 2.214,30 3.346,31 11,55 1.126
Ribeirão Preto, SP 38 1.961,21 2.016,28 3.047,06 10,50 1.110
Rio de Janeiro, RJ 40 1.620,92 1.666,43 2.518,36 8,31 1.035
Jundiaí, SP 37 2.155,54 2.216,06 3.348,97 11,96 936
São Bernardo do Campo, SP 38 2.474,90 2.544,39 3.845,16 13,44 911
Belo Horizonte, MG 39 1.833,82 1.885,31 2.849,14 9,60 869
São José do Rio Preto, SP 37 2.114,71 2.174,09 3.285,55 11,67 826
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a nossa Pesquisa Salarial.

Cálculo salarial para Auxiliar de Enfermagem

Divisões salariais com base no salário bruto no cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 2.089 25.067 522 10,75
Média Salarial 2.148 25.771 537 11,05
1º Quartil 1.530 18.363 383 7,87
Salário Mediana 1.959 23.509 490 10,08
3º Quartil 2.924 35.090 731 15,04
Teto Salarial 3.834 46.012 959 19,73
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Auxiliar de Enfermagem negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais no cargo de Auxiliar de Enfermagem da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para o cargo

Auxiliar de Enfermagem é um cargo que está com altíssima demanda no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Dezembro de 2022 e Dezembro de 2023, tivemos um aumento de 15% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Auxiliar de Enfermagem pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web nos últimos 12 meses.

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa para Auxiliar de Enfermagem na localidade
UF Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
38 2.210,31 2.272,37 3.434,07 11,82 38.144
40 1.680,58 1.727,77 2.611,05 8,65 2.550
39 1.721,66 1.770,00 2.674,88 8,98 2.284
40 1.625,94 1.671,59 2.526,16 8,35 1.458
41 1.538,84 1.582,05 2.390,84 7,78 813
42 1.965,82 2.021,02 3.054,23 9,71 664
40 1.534,29 1.577,37 2.383,77 7,93 639
40 2.164,08 2.224,84 3.362,25 11,13 420
42 1.380,17 1.418,92 2.144,32 6,70 279
42 1.596,28 1.641,10 2.480,08 7,73 248
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada um dos estados da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outros estados além desses utilize a Busca Salarial.

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial
8610-1/01 Atividades de atendimento hospitalar 2.229,24 2.291,83 3.463,48
8610-1/02 Atividades de atendimento em pronto-socorro e unidades hospitalares para atendimento a urgências 1.935,86 1.990,22 3.007,67
8711-5/02 Instituições de longa permanência para idosos 1.686,64 1.734,00 2.620,47
6550-2/00 Planos de saúde 2.425,14 2.493,23 3.767,84
8630-5/02 Atividade médica ambulatorial com recursos para realização de exames complementares 2.058,63 2.116,43 3.198,42
8630-5/03 Atividade médica ambulatorial restrita a consultas 2.068,63 2.126,71 3.213,95
8660-7/00 Atividades de apoio à gestão de saúde 2.288,47 2.352,73 3.555,52
8640-2/02 Laboratórios clínicos 1.781,18 1.831,19 2.767,35
8690-9/99 Outras atividades de atenção à saúde humana 1.907,55 1.961,11 2.963,68
7820-5/00 Locação de mão-de-obra temporária 2.486,55 2.556,37 3.863,26
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas). Para ver a pesquisa salarial completa para o segmento, clique nas empresas da lista. Para ver outros segmentos e pesquisas em estados e cidades específicas, utilize a nossa Pesquisa Salarial e filtre a busca por CNAE.

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem concursado

Profissionais com ensino médio completo contratados para exercer o cargo de Auxiliar de Enfermagem também podem almejar um emprego público através de concurso.

O salário de Auxiliar de Enfermagem concursado é de R$ 1.898,52 para uma jornada de 38 horas semanais, segundo dados de 890 profissionais contratados por concúrso público para órgãos municipais, estaduais ou federais.

Seguir uma carreira concursada de Auxiliar de Enfermagem não parece ser uma boa idéia, já que a remuneração no setor público é cerca de 12% menor do que a média salarial do setor privado. Talvez compense pela estabilidade e jornada de trabalho menor, mas precisaria pesar bem os prós e contras.

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 49.969 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Auxiliar de Enfermagem em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
23.157 36 180 2.178,18 12,10
13.675 44 220 1.946,96 8,85
4.922 40 200 2.347,47 11,74
2.285 42 210 2.392,16 11,39
1.891 38 190 2.166,52 11,40
1.029 41 205 2.262,07 11,03

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por nível profissional e porte da empresa

Um Auxiliar de Enfermagem Nível I ganha em média R$ 2.237,69, o Nível II recebe cerca de R$ 2.531,34, já o Nível III tem uma média salarial de R$ 3.040,73 mensais de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto aos dados oficiais do CAGED de profissionais demitidos no mercado de trabalho.

Metodologia: Salários de 23.064 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Nível I Nível II Nível III
Micro 2.244,61 2.391,44 2.646,13
Pequenas 2.056,89 2.203,72 2.458,41
Médias 2.158,98 2.305,81 2.560,50
Grandes Empresas 2.322,55 2.469,38 2.724,07
  • *Auxiliar de Enfermagem Nível I: até 4 anos;
  • *Auxiliar de Enfermagem Nível II: de 4 a 6 anos;
  • *Auxiliar de Enfermagem Nível III: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem PCD

Num levantamento com 232 salários de Técnicos e auxiliares de enfermagem PCDs - Pessoas Com Deficiência no cargo de Auxiliar de Enfermagem, a média salarial em todo o Brasil é de R$ 2.518,48 para uma jornada de trabalho de 38 horas semanais.

O salário médio aqui mostrado não difere o tipo de deficiência do trabalhador, podendo esta ser permanente, ou até mesmo um trabalhador readaptado que retorna de afastamento do trabalho pelo INSS.

Gráficos de pesquisa

Simulador de gastos da empresa com o salário mensal de um Auxiliar de Enfermagem

  • Salário Base: R$ 2.147,55
  • Salário-educação (3%): R$ 64,43
  • Sistema S (2%): R$ 42,95
  • INSS Patronal (20%): R$ 429,51
  • RAT - Risco Ambiental do Trabalho (1%): R$ 21,48
  • FGTS (8%): R$ 171,80
  • Férias 1/12: R$ 178,96
  • Auxílio Transporte: R$ 220,00
  • Auxílio Alimentação: R$ 440,00
  • Adicional Noturno (20%): R$ 429,51
  • Periculosidade (30%): R$ 644,27
  • Insalubridade (20%): R$ 288,00
  • Plano de Saúde: R$ 300,00
  • 1/3 de Férias: R$ 59,65
  • 13º Salário: R$ 178,96
  • FGTS sobre Férias: R$ 14,32
  • FGTS sobre 1/3 de Férias: R$ 4,77
  • FGTS sobre 13º: R$ 14,32
  • Aviso Prévio: R$ 178,96
  • FGTS sobre Aviso Prévio: R$ 14,32
  • Multa Rescisória FGTS: R$ 178,96

Os valores referem-se somente a uma simulação de gastos mensais proporcionais e médios do mercado de trabalho. Alguns benefícios não são pagos ao mesmo tempo. Procure seu contador para maiores detalhes.

Fique por dentro dos seus direitos trabalhiistas

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Auxiliar de Enfermagem pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Auxiliar de Enfermagem