Engenheiro Eletricista - Salário, piso salarial, o que faz e mercado de trabalho em Engenharia Elétrica

CBO: 2143-05

A Engenharia Elétrica é um campo em constante crescimento e evolução. A demanda por profissionais especializados na área é cada vez maior, principalmente devido à crescente necessidade de energia elétrica em todas as indústrias e empresas.

O que faz um Engenheiro Elétrico?

Um Engenheiro Elétrico é um profissional graduado que se dedica ao planejamento, construção e manutenção de sistemas para gerar, transmitir e distribuir energia elétrica. Ele é responsável por garantir que a energia chegue a todos os tipos de ambientes de forma segura e eficiente.

Os Engenheiros Elétricos podem atuar em diversas áreas, desde o desenvolvimento de produtos eletrônicos até a geração e distribuição de energia elétrica. Algumas das atividades mais comuns que um engenheiro elétrico pode realizar incluem:

  • Projetar sistemas elétricos eficientes e seguros;
  • Supervisionar a instalação e manutenção de sistemas elétricos;
  • Realizar testes e análises de sistemas elétricos para identificar problemas e fazer melhorias;
  • Pesquisar e desenvolver novas tecnologias para melhorar a eficiência e a eficácia dos sistemas elétricos;
  • Gerenciar projetos de engenharia elétrica, incluindo a supervisão de equipes de projetos e o acompanhamento de cronogramas e orçamentos.

Áreas de atuação do Engenheiro Elétrico

Telecomunicações

Na área de telecomunicações, o engenheiro eletricista atua ao lado de outros profissionais, criando e construindo sistemas de telefonia e transmissão de dados e auxiliando a elaborar projetos de ampliação de empresas.

Automação

Na automação, o engenheiro elétrico pode trabalhar no planejamento, desenvolvimento e manutenção das estruturas de automação industrial, projetando desde componentes simples, até estruturas mais complexas como, por exemplo, a automatização de processos de produção de uma fábrica.

Eletroeletrônica

Na eletroeletrônica, o engenheiro elétrico pode atuar no design, construção e manutenção de equipamentos eletrônicos e sistemas elétricos. Ele pode trabalhar em projetos de pesquisa e desenvolvimento para criar novas tecnologias que melhorem a eficiência, a segurança e o desempenho dos sistemas elétricos.

Construção Civil

Na construção civil, o engenheiro elétrico é muito procurado para projetar os circuitos elétricos e definir os materiais necessários para a parte elétrica de uma edificação. Ele também é responsável por garantir que o sistema elétrico de um edifício seja instalado corretamente e esteja funcionando de maneira adequada.

Mercado de trabalho para o Engenheiro Elétrico

O mercado para engenheiros eletricistas é promissor no Brasil. Grandes obras de infraestrutura, investimentos no setor de energia renovável, a expansão industrial e das telecomunicações são alguns dos fatores que têm influenciado na demanda crescente por bons profissionais da engenharia elétrica.

O engenheiro elétrico pode ser contratado por concessionárias de energia, empresas de telecomunicações, empreiteiras e empresas de engenharia para garantir projetos elétricos funcionais e confiáveis. Ele também pode ser contratado pelo governo para atuar na construção de usinas hidrelétricas, termelétricas e nucleares.

Formação do Engenheiro Eletricista

Para se tornar um engenheiro elétrico, é necessário cursar um bacharelado em Engenharia Elétrica, que geralmente tem duração de cinco anos. Durante o curso, o estudante aprende sobre matemática, física, informática, além de ter aulas práticas em laboratórios.

Após a graduação, é obrigatório obter o registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) para exercer a profissão. Além da formação acadêmica, a experiência profissional prática em projetos elétricos é muito valorizada pelo mercado.

A Escolha da Faculdade

A escolha da faculdade para cursar Engenharia Elétrica é um passo crucial para a formação do profissional. É importante optar por uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e que ofereça uma estrutura de qualidade para o aprendizado teórico e prático.

A carreira de Engenheiro Elétrico oferece muitas oportunidades e desafios interessantes. Com a formação adequada e a experiência prática, é possível se destacar no mercado e contribuir para o desenvolvimento tecnológico do país.

Atividades e funções mais comuns para a profissão

  • Emitir laudos;
  • Supervisionar operação de sistemas e equipamentos;
  • Criar fluxo do processo;
  • Executar testes e ensaios;
  • Desenvolver sistemas;
  • Prestar assistência técnica;
  • Elaborar rotinas de inspeção e testes;
  • ver mais...

Quanto ganha um Engenheiro Eletricista em 2024

Hoje um Engenheiro Eletricista ganha em média R$ 10.138,99 no mercado de trabalho brasileiro para uma jornada de trabalho de 42 horas semanais.

As informações são de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto a dados oficiais do Novo CAGED, que reúne dados do CAGED, eSocial e Empregador Web com um total de 5.755 salários de profissionais admitidos e desligados pelas empresas nos últimos 12 meses.

Faixa salarial e piso salarial 2024

A faixa salarial do Engenheiro Eletricista fica entre R$ 9.862,08 (média do piso salarial 2024 de acordos coletivos), R$ 10.400,00 (salário mediana da pesquisa) e o teto salarial de R$ 19.872,80, levando em conta o salário base de profissionais em regime CLT de todo o Brasil.

O perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 28 anos, formação superior em Engenharia Elétrica, do sexo masculino que trabalha 44h semanais em empresas do segmento de Serviços de engenharia.

A cidade com mais ocorrências de contratações e por consequência com mais vagas de emprego para Engenheiro Eletricista é São Paulo - SP.

Solicite suas sessões grátis Curso de manutenção de celulares

Salário de Engenheiro Eletricista - Série histórica

Salário de Engenheiro Eletricista por região do Brasil

Quanto ganha um Engenheiro Eletricista nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Engenheiro Eletricista na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
São Paulo, SP 42 10.633,00 10.931,55 16.520,09 51,90 679
Rio de Janeiro, RJ 42 12.405,79 12.754,12 19.274,40 61,10 677
Belo Horizonte, MG 42 10.767,75 11.070,09 16.729,45 53,33 332
Brasília, DF 41 11.492,60 11.815,29 17.855,62 58,27 195
Recife, PE 41 13.605,08 13.987,08 21.137,70 68,67 141
Curitiba, PR 42 10.068,52 10.351,22 15.643,08 49,28 120
Salvador, BA 42 10.166,35 10.451,80 15.795,07 49,74 113
Goiânia, GO 41 7.281,21 7.485,65 11.312,55 36,32 111
Campinas, SP 42 10.656,53 10.955,74 16.556,64 52,69 91
Fortaleza, CE 42 9.364,01 9.626,93 14.548,50 46,15 68
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a nossa Pesquisa Salarial.

Cálculo salarial para Engenheiro Eletricista

Divisões salariais com base no salário bruto no cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 9.862 118.345 2.466 47,38
Média Salarial 10.139 121.668 2.535 48,71
1º Quartil 4.894 58.730 1.224 23,51
Salário Mediana 10.400 124.800 2.600 49,96
3º Quartil 15.156 181.870 3.789 72,81
Teto Salarial 19.873 238.474 4.968 95,47
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Engenheiro Eletricista negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais no cargo de Engenheiro Eletricista da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para Engenharia Elétrica

Engenheiro Eletricista é um cargo que está com altíssima demanda no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Dezembro de 2022 e Dezembro de 2023, tivemos um aumento de 12.43% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Engenheiro Eletricista pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web nos últimos 12 meses.

Salário por especialização

Pesquisa: Áreas de atuação com os melhores salários em Engenharia Elétrica (nacional)
CBO Especialização Carga Horária Salário
214320 Engenheiro eletricista de projetos 42 9.794,44
214315 Engenheiro eletricista de manutenção 42 9.380,24
Especializações para formados em Engenharia Elétrica. Note que a nomenclatura das profissões pode ser diferente. São sinônimos presentes na Tabela CBO.

Quanto ganha um Engenheiro Eletricista por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa para Engenheiro Eletricista na localidade
UF Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
42 10.257,70 10.545,71 15.937,00 50,38 1.588
42 11.881,07 12.214,67 18.459,17 58,68 852
42 9.582,55 9.851,61 14.888,04 47,32 660
42 8.698,76 8.943,00 13.514,93 42,69 254
42 8.976,42 9.228,46 13.946,33 44,19 221
42 7.283,04 7.487,53 11.315,38 35,88 214
41 11.492,60 11.815,29 17.855,62 58,27 195
41 12.127,94 12.468,46 18.842,71 60,86 183
41 7.681,32 7.897,00 11.934,18 38,96 176
43 10.369,65 10.660,81 16.110,94 49,64 173
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada um dos estados da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outros estados além desses utilize a Busca Salarial.

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial
7112-0/00 Serviços de engenharia 10.025,36 10.306,85 15.576,02
3514-0/00 Distribuição de energia elétrica 10.102,39 10.386,05 15.695,71
4321-5/00 Instalação e manutenção elétrica 6.576,58 6.761,24 10.217,79
4120-4/00 Construção de edifícios 9.203,92 9.462,35 14.299,79
3511-5/01 Geração de energia elétrica 15.357,19 15.788,39 23.859,88
4221-9/02 Construção de estações e redes de distribuição de energia elétrica 8.865,19 9.114,10 13.773,51
3512-3/00 Transmissão de energia elétrica 13.587,13 13.968,63 21.109,81
8211-3/00 Serviços combinados de escritório e apoio administrativo 10.315,83 10.605,47 16.027,31
6462-0/00 Holdings de instituições não-financeiras 13.867,90 14.257,28 21.546,03
7020-4/00 Atividades de consultoria em gestão empresarial 10.967,59 11.275,53 17.039,92
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas). Para ver a pesquisa salarial completa para o segmento, clique nas empresas da lista. Para ver outros segmentos e pesquisas em estados e cidades específicas, utilize a nossa Pesquisa Salarial e filtre a busca por CNAE.

Quanto ganha um Engenheiro Eletricista concursado

Profissionais com formação superior em Engenharia Elétrica contratados para exercer o cargo de Engenheiro Eletricista também podem almejar um emprego público através de concurso.

O salário de Engenheiro Eletricista concursado é de R$ 6.326,28 para uma jornada de 41 horas semanais, segundo dados de 16 profissionais contratados por concúrso público para órgãos municipais, estaduais ou federais.

Seguir uma carreira concursada de Engenheiro Eletricista não parece ser uma boa idéia, já que a remuneração no setor público é cerca de 38% menor do que a média salarial do setor privado. Talvez compense pela estabilidade e jornada de trabalho menor, mas precisaria pesar bem os prós e contras.

Quanto ganham profissionais de Engenharia Elétrica por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 5.755 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Engenheiro Eletricista em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
3.154 44 220 9.371,57 42,60
1.724 40 200 11.900,77 59,50
111 42 210 10.580,87 50,39
57 36 180 9.024,62 50,14
54 37 185 15.635,23 84,51
52 30 150 7.230,31 48,20

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por porte da empresa e nível profissional

Um Engenheiro Eletricista Júnior ganha em média R$ 10.564,56, o nível pleno recebe cerca de R$ 11.950,95, já o Sênior tem uma média salarial de R$ 14.355,83 mensais de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto aos dados oficiais do CAGED de profissionais demitidos no mercado de trabalho.

Metodologia: Salários de 2.730 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Júnior Pleno Sênior
Micro 9.944,18 10.637,38 11.839,82
Pequenas 10.000,57 10.693,76 11.896,21
Médias 10.967,21 11.660,41 12.862,85
Grandes Empresas 11.213,84 11.907,03 13.109,47
  • *Engenheiro Eletricista Júnior: até 4 anos;
  • *Engenheiro Eletricista Pleno: de 4 a 6 anos;
  • *Engenheiro Eletricista Sênior: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Gráficos de pesquisa

Simulador de gastos da empresa com o salário mensal de um Engenheiro Eletricista

  • Salário Base: R$ 10.138,99
  • Salário-educação (3%): R$ 304,17
  • Sistema S (2%): R$ 202,78
  • INSS Patronal (20%): R$ 2.027,80
  • RAT - Risco Ambiental do Trabalho (1%): R$ 101,39
  • FGTS (8%): R$ 811,12
  • Férias 1/12: R$ 844,92
  • Auxílio Transporte: R$ 220,00
  • Auxílio Alimentação: R$ 440,00
  • Adicional Noturno (20%): R$ 2.027,80
  • Periculosidade (30%): R$ 3.041,70
  • Insalubridade (20%): R$ 288,00
  • Plano de Saúde: R$ 300,00
  • 1/3 de Férias: R$ 281,64
  • 13º Salário: R$ 844,92
  • FGTS sobre Férias: R$ 67,59
  • FGTS sobre 1/3 de Férias: R$ 22,53
  • FGTS sobre 13º: R$ 67,59
  • Aviso Prévio: R$ 844,92
  • FGTS sobre Aviso Prévio: R$ 67,59
  • Multa Rescisória FGTS: R$ 844,92

Os valores referem-se somente a uma simulação de gastos mensais proporcionais e médios do mercado de trabalho. Alguns benefícios não são pagos ao mesmo tempo. Procure seu contador para maiores detalhes.

Fique por dentro dos seus direitos trabalhiistas

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Engenheiro Eletricista pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Engenheiro Eletricista