CBO 3223-05 - Técnico em óptica e optometria - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos técnicos em óptica e optometria

O profissional no cargo de Técnico em óptica e optometria CBO 3223-05 realiza fabricação de lentes de visão simples, especiais, bifocais e multifocais, confecciona óculos prescritos por médicos oftalmologistas, montando lentes em armação com aro, semiaro e sem aro, avalia a viabilidade da utilização de lentes de contato, executa adaptação de lentes de contato, e aplica prótese ocular Efetua exames optométricos, conforme protocolos e procedimentos padronizados.

Comercializa produtos e serviços ópticos Gerencia estabelecimento de artigos de óptica Supervisiona equipes de trabalho, avaliando desempenho e promovendo treinamentos.

Elabora pareceres e laudos técnicos de produtos ópticos Promove ações de educação em saúde visual Cumpre normas técnicas e normas regulamentadoras de biossegurança, de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

CBO 3223-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de técnicos em óptica e optometria que pertence ao grupo dos técnicos de nível médio das ciências biológicas, bioquímicas, da saúde, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Técnico em óptica e optometria, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Técnicos em óptica e optometria CBO 3223-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 3223-05

  • Técnicos de nível médio.
    • Técnicos em óptica e optometria.
      • Técnicos de nível médio das ciências biológicas, bioquímicas, da saúde.

O que faz um Técnico em óptica e optometria

O Técnico em óptica e optometria CBO 3223-05 planeja a fabricação das lentes de visão simples, especiais, bifocais e multifocais - por meio dos processos de surfaçagem -, com base nas especificações de ordem de serviço Seleciona insumos, blocos, equipamentos e ferramentas.

Efetua cálculos de curvatura e espessura de lentes.

Executa a confecção de lentes, utilizando equipamentos e softwares específicos Dá acabamento às lentes, fazendo polimento e adicionando tratamentos às lentes, como endurecimento, antirreflexo e filtros.

Faz a conferência das lentes, utilizando instrumentos específicos, tais como lensômetro e espessímetro Realiza processo de montagem de lentes em armação com aro, armação de semiaro e sem aro, conferindo a dioptria da lente, utilizando o lensômetro e marcando o centro óptico e o eixo, de acordo com as especificações da ordem de serviço.

Executa a montagem dos óculos.

Confere os óculos, de acordo com as especificações da ordem de serviço Pode confeccionar óculos de segurança.

Avalia a viabilidade (ou não) do uso de lentes de contato, classificando as ametropias - conforme a prescrição do especialista - e analisando as informações de anamnese, dos testes de filme lacrimal e das tomadas de medidas.

Adapta lentes de contato, definindo o material e o desenho das lentes de contato, fazendo cálculos dos parâmetros, selecionando as lentes de contato de teste, realizando assepsia das lentes, testando o uso das lentes de contato, avaliando os resultados das lentes de contato de teste, e executando os ajustes necessários Fornece instruções de uso de lentes de contato aos usuários Aplica prótese ocular, analisando a cavidade óptica para moldar e determinar as características – tamanho, cor, entre outras - da prótese.

Confecciona e ajusta a prótese ocular Avalia e, quando necessário, readapta a prótese Realiza exames optométricos, posicionando e orientando o cliente para realização de testes, de acordo com os procedimentos de padrões técnicos.

Mede acuidade visual, analisa estruturas externas e internas dos olhos, mede pressão intraocular (tonometria), identifica deficiências e anomalias relacionadas às alterações da função visual e mede refração ocular (refratometria e retinoscopia) Faz diagnóstico primário de enfermidades que acometem a saúde visual, encaminhando casos patológicos a médicos especializados.

Define compensações e auxílios ópticos Recepciona e atende cliente para o consumo de produtos e serviços ópticos Interpreta prescrição óptica do especialista, identificando a ametropia do cliente.

Sugere a armação mais adequada, considerando estilo, atividade laboral e tipo físico do usuário Indica a lente mais adequada, de acordo com a armação escolhida e a prescrição óptica do especialista Ajusta óculos no rosto de cliente.

Conserta auxílios ópticos Mantém registros de cliente Gerencia estabelecimento de artigos de óptica, administrando compras e vendas, controlando estoque de mercadorias e materiais, providenciando manutenção de equipamentos e instalações, administrando finanças, e controlando qualidade de produtos e serviços.

Administra pessoal, participando de seleção, atribuindo tarefas e acompanhando registros de faltas e atrasos Supervisiona trabalho da equipe, avaliando desempenho e promovendo programas de treinamento Elabora pareceres e laudos técnicos de produtos ópticos, conferindo óculos e lentes de contato, indicando causas para não conformidade, e apresentando possíveis soluções Redige documentos de responsabilidade técnica Promove ações de educação em saúde visual, planejando ações de acordo com as necessidades do público-alvo, ministrando palestras e cursos para a promoção de saúde e prevenção de doenças visuais.

Orienta o descarte de resíduos – em especial os gerados durante o processo de fabricação de lentes oftálmicas -, de acordo com normas ambientais Trabalha com segurança, utilizando Equipamento de Proteção Individual (EPI), analisando mapa de risco e prevenindo acidentes.

Funções do cargo

O funcionário CBO 3223-05 deve adaptar lentes de contato, confeccionar lentes, vender produtos e serviços Ópticos e optométricos, realizar exames optométricos, promover educação em saúde visual, aplicar próteses oculares, comunicar-se, demonstrar competências pessoais, gerenciar estabelecimento, montar Óculos e auxílios Ópticos.

Condições de trabalho dessas profissões

Técnicos em óptica e optometria exercem suas funções em laboratórios ópticos, em estabelecimentos ópticos básicos e plenos, em centros de adaptação de lentes de contato, podendo, ainda, atuar no ramo de vendas e em atividades educativas na esfera da saúde pública. São contratados na condição de trabalhadores assalariados, com carteira assinada e, também, na condição de empregador. Atuam de forma individual e em equipe, sem supervisão, em ambientes fechados e também em veículos, no período diurno.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 3223-05

O exercício dessas ocupações requer curso técnico de nível médio, oferecido por instituições de formação profissional. O pleno desempenho das atividades profissionais se dá após o período de três a quatro anos de experiência.

Atividades exercidas por um Técnico em óptica e optometria CBO 3223-05

Um Técnico em óptica e optometria (ou sinônimo) deve usar equipamento de proteção individual - epi, definir tipo de lente, executar revisões de controle da adapatação de lentes de contato, aferir lentes, escolher materiais orgânicos e minerais, gerenciar compras e vendas, separar insumos e ferramentas, assistir cliente na escolha de armações e óculos solares, calcular parâmetros das lentes, medir pressão intra-ocular - tonometria, orientar família de cliente, evidenciar coordenação motora fina, determinar compensações e auxílios ópticos, projetar lentes - curvas, espessura, prismas, controlar estoque de mercadorias e materiais, providenciar manutenção do estabelecimento, analisar estruturas externas e internas do olho, consertar auxílios ópticos, confeccionar prótese ocular, dar acabamento às lentes, fazer avaliação lacrimal, usinar materiais orgânicos e minerais, conferir montagem dos óculos e auxílios ópticos, adicionar tratamentos às lentes - endurecimento, anti-reflexo, coloração, hidratação e filtros, detectar necessidades do cliente, fundir materiais orgânicos e minerais, determinar características da prótese - diâmetro de pupila e íris, tamanho, cor, etc., fazer anamnese, atualizar-se profissionalmente, assessorar órgãos públicos na promoção da saúde visual, ajustar óculos em rosto de cliente, manter registros de cliente, colocar lentes de teste no olho, organizar local de trabalho, revelar senso estético, auxiliar o cliente na reeducação visual, encaminhar casos patológicos, a médicos, avaliar adapatação da lente, encaixar lentes na armação, medir refração ocular - refratometria e retinoscopia, administrar finanças, analisar cavidade orbitária, lapidar lentes, selecionar lentes de teste, combinar uso de lentes - sobre-refração, indicar tipos de lente, moldar cavidade orbitária, orientar cliente sobre uso e conservação de auxílios ópticos e próteses oculares, ministrar palestras e cursos, orientar na ergonomia da visão, intrerpretar ordem de serviço, coletar medidas complementares - distância naso-pupilar, altura do centro óptico, distância do vértice, etc., interpretar prescrição, preparar ordem de serviço, confeccionar óculos de segurança, elaborar gabaritos ópticos, recomendar produtos de assepsia, modelar lentes, solicitar exames e pareceres de outros especialistas, formar grupos multiplicadores de educação em saúde visual, blocar materiais orgânicos e minerais, emitir laudos e pareceres, gerir recursos humanos, calibrar equipamentos ópticos e optométricos, controlar qualidade de produtos e serviços, readaptar prótese, realizar perícias optométricas e em auxílios ópticos, retocar lentes de contato, participar na promoção de campanhas de saúde visual, prestar primeiros socorros oculares, fotografar rosto do cliente, ajustar prótese ocular, medir córnea - queratometria, topografia, marcar centro óptico e linha de montagem das lentes, identificar deficiências e anomalias relacionadas às alterações da função visual, medir acuidade visual, alinhar óculos e outros auxílios ópticos - telesistemas, equipamentos de aferição óptica, enviar ordem de serviço a laboratório, demonstrar compreensão psicológica, retificar lentes.

Cargos e salários CBO 3223-05 - Técnicos em óptica e optometria

Salário Técnico em Optica e Optometria

Técnico em Optica e Optometria: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Técnico em Optica e Optometria CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Contatólogo

Contatólogo: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Contatólogo CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Óptico Contatólogo

Óptico Contatólogo: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Óptico Contatólogo CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Óptico Oftálmico

Óptico Oftálmico: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Óptico Oftálmico CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Óptico Optometrista

Óptico Optometrista: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Óptico Optometrista CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Óptico Protesista

Óptico Protesista: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Óptico Protesista CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Técnico Optometrista

Técnico Optometrista: Brasil

  • 1.789
  • Brasil
  • 2.069 - 3.991
  • 43h
O profissional no cargo de Técnico Optometrista CBO 3223-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.069 e 3.991 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.789 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Técnico em Optica e Optometria São Paulo

Técnico em Optica e Optometria: São Paulo, SP

  • 291
  • São Paulo, SP
  • 2.254 - 3.982
  • 43h
O profissional no cargo de Técnico em Optica e Optometria CBO 3223-05 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 2.254 e 3.982 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 291 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Técnico em Optica e Optometria

Técnico em Optica e Optometria: São Paulo

  • 655
  • São Paulo
  • 2.198 - 3.767
  • 44h
O profissional no cargo de Técnico em Optica e Optometria CBO 3223-05 trabalhando em São Paulo, ganha entre 2.198 e 3.767 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 655 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Óptico Optometrista São Paulo

Óptico Optometrista: São Paulo, SP

  • 291
  • São Paulo, SP
  • 2.254 - 3.982
  • 43h
O profissional no cargo de Óptico Optometrista CBO 3223-05 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 2.254 e 3.982 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 291 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Óptico Optometrista

Óptico Optometrista: São Paulo

  • 655
  • São Paulo
  • 2.198 - 3.767
  • 44h
O profissional no cargo de Óptico Optometrista CBO 3223-05 trabalhando em São Paulo, ganha entre 2.198 e 3.767 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 655 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.
Salário Técnico Optometrista

Técnico Optometrista: São Paulo

  • 655
  • São Paulo
  • 2.198 - 3.767
  • 44h
O profissional no cargo de Técnico Optometrista CBO 3223-05 trabalhando em São Paulo, ganha entre 2.198 e 3.767 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 655 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3223-05.