Trabalhador da Suinocultura - Salário, O Que Faz, Piso Salarial 2024

R$ 1.696,76/mês

Atualizado em

Hoje um Trabalhador da Suinocultura ganha em média R$ 1.696,76 para uma jornada de trabalho de 44 horas semanais de acordo com pesquisa do Portal Salario junto a dados de 21.297 profissionais admitidos e desligados em regime CLT nos últimos 12 meses divulgados pelo Novo CAGED.

Em 2024 a remuneração para Trabalhador da Suinocultura pode variar entre o piso salarial mínimo de R$ 1.650,42 e o teto salarial de R$ 2.681,48, dependendo do segmento da empresa, localidade, formação, experiência na função e política de cargos e salários da empresa.

Você pode conferir logo abaixo na tabela salarial, mais dados da pesquisa como piso salarial 2024, salário mediana, salário por hora, mensal e anual para saber exatamente quanto ganha um Trabalhador da Suinocultura.

Tópicos dessa pesquisa salarial:

Salário por cidade

Perfil Profissional

De acordo com nosso levantamento o perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 24 anos, ensino médio completo, do sexo masculino que trabalha 44h semanais em empresas do segmento de Criação de suínos de todo o Brasil.

A cidade com mais ocorrências de contratações no estado e por consequência com mais vagas de emprego para Trabalhador da Suinocultura é Rio Verde.

Metodologia

Essa pesquisa salarial leva em consideração somente o salário base de Trabalhador da Suinocultura, não entram no cálculo nenhum adicional salarial como bônus, comissões, horas extras, adicional noturno, periculosidade, insalubridade nem nada do tipo. Somente o salário base registrado em carteira e no contrato de trabalho entram na amostragem.

Os dados salariais são atualizados mensalmente de acordo com divulgação dos dados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

O que faz um Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15

O Trabalhador da Suinocultura programa, organiza e executa atividades de manejo de suínos Reúne, conduz, conta e identifica os animais com números em “tags” Usa métodos racionais de imobilização e condução animal.

Constrói piquetes Planta alimentos para os suínos, operando máquinas agrícolas Monitora e combate o aparecimento de pragas - como moscas, insetos em geral, roedores e plantas invasoras -, nas plantações Colhe alimentos.

Prepara a ração, misturando os componentes e classificando a concentração Molha a ração Distribui a ração nos comedouros.

Monitora a qualidade da água, em bebedouros Executa procedimentos sanitários Cuida do bem-estar, verifica o comportamento, examina sinais vitais e fisiológicos, monitora condições físicas e acompanha ciclos de vida dos suínos, seguindo protocolos atualizados de biossegurança Auxilia na prestação de cuidados a animais feridos ou doentes, identificando e relatando doenças e problemas de saúde, coletando material biológico para exames, administrando medicamentos por via oral, pulverizando medicamentos na pele e fazendo curativos, sob orientação de médico-veterinário.

Auxilia nos procedimentos cirúrgicos, como castração Ajuda na aplicação de vacinas Isola animais contaminados Armazena medicamentos Auxilia em processos relativos à reprodução de suínos.

Escolhe reprodutores e matrizes Prepara os machos e as fêmeas, controlando seus pesos e higienizando-os Identifica ou induz o cio de fêmeas e organiza cruzamentos.

Em processos de inseminação artificial, auxilia na coleta de sêmen, nos processos de resfriamento para conservação de sêmen e na inseminação da fêmea Acompanha a gestação, controlando o peso da fêmea Monitora o parto e corta o umbigo do recém-nascido.

Auxilia na colocação de brincos, no uso de “microchips” ou na realização de outro processo para identificação do animal Desmama o recém-nascido e remaneja sua alimentação, fornecendo-lhe colostro em mamadeira Pode auxiliar na aplicação de técnicas modernas ou alternativas de reprodução, para melhoramento genético animal.

Prepara suínos para exposição e venda, selecionando animais por raça e origem Numera, marca e pesa animais Transporta os animais para o local da exposição Executa procedimentos de abate de suínos Retalha carcaça e extrai vísceras e peles.

Descarta as partes inservíveis, de acordo com as normas ambientais Realiza o beneficiamento de produtos suínos, seguindo normas e preceitos da inspeção e registro federal de alimentos Defuma e embute carne, depura gordura e mói ossos Produz e embala carne, banha, bacon e outros subprodutos Pode trabalhar com sistemas mecanizados ou automatizados, aplicando princípios e práticas da pecuária de precisão Pode trabalhar com balanças e plataformas automáticas para monitoramento dos animais Pode operar máquinas, equipamentos, instrumentos e implementos automáticos Pode usar veículos agropecuários automatizados, para transporte de animais e para preparo e transporte da alimentação Pode monitorar condições físicas e fazer identificação de animais com uso de informática, imagens e internet Efetua manutenção de instalações, incluindo cercas, piquetes e criadouros Cerca instalações com tela e monitora temperatura e luminosidade Varre baias com cal Limpa, higieniza e fumiga celeiros, piquetes e baias Retira e trata esterco, para adubação ou outra finalidade Higieniza máquinas, equipamentos e implementos agropecuários Esteriliza instrumentos de inseminação ou cirúrgicos.

Algumas funções no exercício da profissão

  • cuidar da gestação e lactação de ovinos, caprinos e suínos;
  • demonstrar competências pessoais;
  • alimentar suínos, caprinos e ovinos;
  • preparar suínos, caprinos e ovinos para exposição e venda;
  • beneficiar produtos da pecuária de médio porte;
  • ordenhar suínos, caprinos e ovinos;
  • aplicar medicamentos em suínos, caprinos e ovinos;
  • abater suínos, caprinos e ovinos;
  • controlar reprodução de suínos, caprinos e ovinos;
  • trabalhar com biossegurança;
  • fazer curativos;
  • demonstrar afinidade com a atividade;
  • lavar fêmeas e reprodutores;
  • cercar instalações com tela;
  • balancear peso de fêmea durante gestação;
  • isolar animais contaminados;
  • misturar leite em pó em água;
  • escolher animais para abate;
  • misturar componentes da ração;
  • ver mais...

Salário de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 - Série histórica

Quanto ganha um Trabalhador da Suinocultura por região do Brasil

Quanto ganha um Trabalhador da Suinocultura nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Trabalhador da Suinocultura na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
Rio Verde, GO 44 1.810,13 1.860,96 2.812,33 8,48 924
Nova Mutum, MT 44 1.563,58 1.607,48 2.429,27 7,31 470
Patos de Minas, MG 44 1.799,96 1.850,50 2.796,53 8,48 296
Sorriso, MT 44 1.605,50 1.650,58 2.494,40 7,50 231
Videira, SC 44 1.811,13 1.861,99 2.813,89 8,46 191
Campo Grande, MS 44 1.348,86 1.386,73 2.095,67 6,31 126
Itu, SP 44 1.640,35 1.686,41 2.548,55 7,67 100
São Paulo, SP 44 1.493,39 1.535,33 2.320,23 6,98 80
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a nossa Pesquisa Salarial.

Tabela salarial para Trabalhador da Suinocultura

Tabela salarial referentes ao salário base do cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 1.650 19.805 413 7,54
Média Salarial 1.697 20.361 424 7,76
1º Quartil 1.467 17.608 367 6,71
Salário Mediana 1.612 19.344 403 7,37
3º Quartil 2.045 24.540 511 9,35
Teto Salarial 2.681 32.178 670 12,26
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Trabalhador da Suinocultura negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais CBO 6232-15 da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para o cargo

Trabalhador da Suinocultura é um cargo que está com altíssima demanda no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Junho de 2023 e Maio de 2024, tivemos um aumento de 19.25% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web nos últimos 12 meses.

Quanto ganha um Trabalhador da Suinocultura por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa para Trabalhador da Suinocultura na localidade
UF Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
44 1.572,37 1.616,51 2.442,92 7,43 4.335
44 1.676,13 1.723,19 2.604,14 7,85 4.284
44 1.739,78 1.788,63 2.703,03 8,16 3.906
44 1.625,54 1.671,18 2.525,54 7,66 1.931
44 1.620,99 1.666,50 2.518,47 7,58 1.679
44 1.608,03 1.653,18 2.498,33 7,53 1.613
44 1.815,71 1.866,69 2.821,00 8,52 1.410
44 1.665,00 1.711,75 2.586,85 7,78 1.018
42 1.349,68 1.387,57 2.096,94 6,60 231
41 1.688,93 1.736,35 2.624,03 8,44 154
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada um dos estados da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outros estados além desses utilize a Busca Salarial.

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial
0154-7/00 Criação de suínos 1.644,74 1.690,92 2.555,38
0151-2/01 Criação de bovinos para corte 1.649,31 1.695,62 2.562,46
0115-6/00 Cultivo de soja 1.783,40 1.833,47 2.770,80
0161-0/99 Atividades de apoio à agricultura 1.620,71 1.666,22 2.518,04
0155-5/01 Criação de frangos para corte 1.705,86 1.753,76 2.650,34
0111-3/02 Cultivo de milho 1.522,45 1.565,19 2.365,37
0119-9/99 Cultivo de outras plantas de lavoura temporária 1.724,90 1.773,33 2.679,92
0151-2/02 Criação de bovinos para leite 1.553,78 1.597,40 2.414,04
0134-2/00 Cultivo de café 1.770,65 1.820,37 2.750,99
1012-1/03 Frigorífico - abate de suínos 1.722,88 1.771,26 2.676,78
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas). Para ver a pesquisa salarial completa para o segmento, clique nas empresas da lista. Para ver outros segmentos e pesquisas em estados e cidades específicas, utilize a nossa Pesquisa Salarial e filtre a busca por CNAE.

Quanto ganha um Trabalhador da Suinocultura por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 21.297 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
20.163 44 220 1.701,66 7,73
623 40 200 1.507,66 7,54
218 36 180 1.755,18 9,75
84 43 215 1.743,01 8,11
64 42 210 1.802,27 8,58
18 41 205 1.584,28 7,73

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por nível profissional e porte da empresa

Metodologia: Salários de 10.371 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Nível I Nível II Nível III
Micro 1.725,20 1.841,20 2.042,43
Pequenas 1.741,41 1.857,41 2.058,64
Médias 1.751,93 1.867,93 2.069,16
Grandes Empresas 1.761,50 1.877,51 2.078,74
  • *Trabalhador da Suinocultura Nível I: até 4 anos;
  • *Trabalhador da Suinocultura Nível II: de 4 a 6 anos;
  • *Trabalhador da Suinocultura Nível III: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Gráficos de pesquisa

Simulador de gastos da empresa com o salário mensal de um Trabalhador da Suinocultura

  • Salário Base: R$ 1.696,76
  • Salário-educação (3%): R$ 50,90
  • Sistema S (2%): R$ 33,94
  • INSS Patronal (20%): R$ 339,35
  • RAT - Risco Ambiental do Trabalho (1%): R$ 16,97
  • FGTS (8%): R$ 135,74
  • Férias 1/12: R$ 141,40
  • Auxílio Transporte: R$ 220,00
  • Auxílio Alimentação: R$ 440,00
  • Adicional Noturno (20%): R$ 339,35
  • Periculosidade (30%): R$ 509,03
  • Insalubridade (20%): R$ 288,00
  • Plano de Saúde: R$ 300,00
  • 1/3 de Férias: R$ 47,13
  • 13º Salário: R$ 141,40
  • FGTS sobre Férias: R$ 11,31
  • FGTS sobre 1/3 de Férias: R$ 3,77
  • FGTS sobre 13º: R$ 11,31
  • Aviso Prévio: R$ 141,40
  • FGTS sobre Aviso Prévio: R$ 11,31
  • Multa Rescisória FGTS: R$ 141,40

Os valores referem-se somente a uma simulação de gastos mensais proporcionais e médios do mercado de trabalho. Alguns benefícios não são pagos ao mesmo tempo. Procure seu contador para maiores detalhes.

Fique por dentro dos seus direitos trabalhistas

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Trabalhador da Suinocultura pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Trabalhador da Suinocultura