CBO 6232-15 - Trabalhador da suinocultura - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos trabalhadores na pecuária de animais de médio porte

O profissional no cargo de Trabalhador da suinocultura CBO 6232-15 executa atividades do manejo de suínos, cuidando da alimentação, acompanhando todas as etapas da criação, fazendo o abate e efetuando o beneficiamento de produtos Zela pela sanidade, reprodução, prevenção e tratamento de doenças, sob orientação de médico-veterinário.

Planta, colhe e processa alimentos para os animais Prepara suínos para exposição e venda Efetua limpeza e conservação de instalações, máquinas e equipamentos.

Cumpre normas de saúde e conforto animal, normas de biossegurança e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

CBO 6232-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores na pecuária de animais de médio porte que pertence ao grupo dos trabalhadores na exploração agropecuária, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Trabalhador da suinocultura, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte CBO 6232-15 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 6232-15

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca.
    • Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte.
      • Trabalhadores na exploração agropecuária.

O que faz um Trabalhador da suinocultura

O Trabalhador da suinocultura CBO 6232-15 programa, organiza e executa atividades de manejo de suínos Reúne, conduz, conta e identifica os animais com números em “tags”.

Usa métodos racionais de imobilização e condução animal.

Constrói piquetes Planta alimentos para os suínos, operando máquinas agrícolas.

Monitora e combate o aparecimento de pragas - como moscas, insetos em geral, roedores e plantas invasoras -, nas plantações Colhe alimentos.

Prepara a ração, misturando os componentes e classificando a concentração.

Molha a ração Distribui a ração nos comedouros.

Monitora a qualidade da água, em bebedouros.

Executa procedimentos sanitários Cuida do bem-estar, verifica o comportamento, examina sinais vitais e fisiológicos, monitora condições físicas e acompanha ciclos de vida dos suínos, seguindo protocolos atualizados de biossegurança Auxilia na prestação de cuidados a animais feridos ou doentes, identificando e relatando doenças e problemas de saúde, coletando material biológico para exames, administrando medicamentos por via oral, pulverizando medicamentos na pele e fazendo curativos, sob orientação de médico-veterinário.

Auxilia nos procedimentos cirúrgicos, como castração Ajuda na aplicação de vacinas Isola animais contaminados.

Armazena medicamentos Auxilia em processos relativos à reprodução de suínos.

Escolhe reprodutores e matrizes Prepara os machos e as fêmeas, controlando seus pesos e higienizando-os Identifica ou induz o cio de fêmeas e organiza cruzamentos.

Em processos de inseminação artificial, auxilia na coleta de sêmen, nos processos de resfriamento para conservação de sêmen e na inseminação da fêmea Acompanha a gestação, controlando o peso da fêmea Monitora o parto e corta o umbigo do recém-nascido.

Auxilia na colocação de brincos, no uso de “microchips” ou na realização de outro processo para identificação do animal Desmama o recém-nascido e remaneja sua alimentação, fornecendo-lhe colostro em mamadeira Pode auxiliar na aplicação de técnicas modernas ou alternativas de reprodução, para melhoramento genético animal.

Prepara suínos para exposição e venda, selecionando animais por raça e origem Numera, marca e pesa animais Transporta os animais para o local da exposição Executa procedimentos de abate de suínos Retalha carcaça e extrai vísceras e peles.

Descarta as partes inservíveis, de acordo com as normas ambientais Realiza o beneficiamento de produtos suínos, seguindo normas e preceitos da inspeção e registro federal de alimentos Defuma e embute carne, depura gordura e mói ossos Produz e embala carne, banha, bacon e outros subprodutos Pode trabalhar com sistemas mecanizados ou automatizados, aplicando princípios e práticas da pecuária de precisão Pode trabalhar com balanças e plataformas automáticas para monitoramento dos animais Pode operar máquinas, equipamentos, instrumentos e implementos automáticos Pode usar veículos agropecuários automatizados, para transporte de animais e para preparo e transporte da alimentação Pode monitorar condições físicas e fazer identificação de animais com uso de informática, imagens e internet Efetua manutenção de instalações, incluindo cercas, piquetes e criadouros Cerca instalações com tela e monitora temperatura e luminosidade Varre baias com cal Limpa, higieniza e fumiga celeiros, piquetes e baias Retira e trata esterco, para adubação ou outra finalidade Higieniza máquinas, equipamentos e implementos agropecuários Esteriliza instrumentos de inseminação ou cirúrgicos.

Funções do cargo

O funcionário CBO 6232-15 deve demonstrar competências pessoais, ordenhar suínos, caprinos e ovinos, controlar reprodução de suínos, caprinos e ovinos, abater suínos, caprinos e ovinos, cuidar da gestação e lactação de ovinos, caprinos e suínos, beneficiar produtos da pecuária de médio porte, trabalhar com biossegurança, alimentar suínos, caprinos e ovinos, aplicar medicamentos em suínos, caprinos e ovinos, preparar suínos, caprinos e ovinos para exposição e venda.

Condições de trabalho dessas profissões

Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte trabalham em pequenas, grandes e médias propriedades rurais de criação de ovelhas, cabras e porcos. O regime de trabalho é assalariado, com carteira assinada. Trabalham a céu aberto, em horários diurno e irregulares, sob supervisão permanente.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 6232-15

O pré-requisito mínimo de escolaridade situa-se entre quarta e sétima série do ensino fundamental. Há tendência de aumento das exigências, com ocorrência de granjas que requer em escolaridade de nível médio completo. A qualificação é obtida com o aprendizado prático no local de trabalho, com duração que varia entre um e dois anos.

Atividades exercidas por um Trabalhador da suinocultura CBO 6232-15

Um Trabalhador da suinocultura (ou sinônimo) deve higienizar máquinas e equipamentos, passar medicamentos no casco, isolar animais contaminados, transportar animais, classificar concentração de ração, atentar para detalhes do comportamento de animais, escolher reprodutores e matrizes, demonstrar afinidade com a atividade, defumar carne, selecionar animais por raça e origem, triturar milho, trigo, sorgo e soja, escolher animais para abate, organizar cruzamentos, monitorar partos, depurar gordura, pintar baias, diluir sêmen, guardar carne e leite em locais refrigerados, armazenar medicamentos e vacinas em ambiente fechado, demonstrar paciência, coletar amostras para exame, armazenar medicamentos e vacinas em local refrigerado, pelar suínos, tatuar recém-nascidos, castrar animais, cortar dente de suínos recém-nascidos, retirar vísceras, medicar por via oral, retirar pele, recolher sobra de ração, trabalhar em equipe, demonstrar agilidade em manejo de animais, controlar peso do macho, controlar peso de fêmea, misturar leite em pó em água, pesar animais, conduzir animais para defecagem e alimentação, pasteurizar colostro de caprinos, numerar animais, varrer baias com cal, monitorar temperatura e luminosidade, armazenar colostro, coletar sêmen, espantar aves, induzir cio de fêmeas, retirar esterco, cortar cauda de recém-nascidos, lavar fêmeas e reprodutores, monitorar qualidade de água em bebedouros, anotar peso do animal, marcar animais, pulverizar medicamentos na pele, eliminar roedores, insetos e parasitas, distribuir ração em comedouros, separar descarte de animal abatido, induzir partos, tosquiar animais, esterilizar materiais, aparar casco, retalhar carcaça, cortar umbigo de recém-nascidos, cercar instalações com tela, matar animais por choque, vestir uniforme, remanejar amamentação de filhotes, matar animais por sangria, embutir carne, demonstrar sensibilidade com animais, resfriar sêmen, construir piquete, desmamar recém-nascidos, distribuir água em bebedouros, moer ossos, distribuir leite em bebedouros e mamadeiras coletivas, demonstrar responsabilidade, manipular medicamentos conforme fórmula, molhar ração para suínos, inserir mossa em recém-nascidos, construir apriscos, identificar cio de fêmeas, fazer curativos, inseminar fêmea, injetar vacinas e medicamentos, balancear peso de fêmea durante gestação, higienizar instalações, extrair colostro para alimentação de recém-nascidos, colocar animais para monta, misturar componentes da ração.

Cargos e salários CBO 6232-15 - Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte

Salário Trabalhador da Suinocultura

Trabalhador da Suinocultura: Brasil

  • 20.919
  • Brasil
  • 1.641 - 2.666
  • 43h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.641 e 2.666 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 20.919 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Suinocultor - Exclusive Conta Própria

Suinocultor - Exclusive Conta Própria: Brasil

  • 20.919
  • Brasil
  • 1.641 - 2.666
  • 43h
O profissional no cargo de Suinocultor - Exclusive Conta Própria CBO 6232-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.641 e 2.666 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 20.919 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura

Trabalhador da Suinocultura: Minas Gerais

  • 4.243
  • Minas Gerais
  • 1.560 - 2.405
  • 43h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Minas Gerais, ganha entre 1.560 e 2.405 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.243 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura

Trabalhador da Suinocultura: Paraná

  • 3.854
  • Paraná
  • 1.731 - 2.471
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Paraná, ganha entre 1.731 e 2.471 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 3.854 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Campo Grande

Trabalhador da Suinocultura: Campo Grande, MS

  • 128
  • Campo Grande, MS
  • 1.354 - 1.808
  • 43h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Campo Grande - MS, ganha entre 1.354 e 1.808 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 128 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura São Paulo

Trabalhador da Suinocultura: São Paulo, SP

  • 80
  • São Paulo, SP
  • 1.493 - 2.187
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.493 e 2.187 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 80 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Patos de Minas

Trabalhador da Suinocultura: Patos de Minas, MG

  • 295
  • Patos de Minas, MG
  • 1.808 - 2.749
  • 43h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Patos de Minas - MG, ganha entre 1.808 e 2.749 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 295 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Videira

Trabalhador da Suinocultura: Videira, SC

  • 193
  • Videira, SC
  • 1.767 - 2.548
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Videira - SC, ganha entre 1.767 e 2.548 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 193 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Nova Mutum

Trabalhador da Suinocultura: Nova Mutum, MT

  • 479
  • Nova Mutum, MT
  • 1.559 - 2.257
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Nova Mutum - MT, ganha entre 1.559 e 2.257 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 479 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Rio Verde

Trabalhador da Suinocultura: Rio Verde, GO

  • 821
  • Rio Verde, GO
  • 1.804 - 2.780
  • 43h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Rio Verde - GO, ganha entre 1.804 e 2.780 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 821 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Sorriso

Trabalhador da Suinocultura: Sorriso, MT

  • 223
  • Sorriso, MT
  • 1.638 - 2.557
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Sorriso - MT, ganha entre 1.638 e 2.557 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 223 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura Itu

Trabalhador da Suinocultura: Itu, SP

  • 105
  • Itu, SP
  • 1.622 - 2.162
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Itu - SP, ganha entre 1.622 e 2.162 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 105 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura

Trabalhador da Suinocultura: Santa Catarina

  • 4.243
  • Santa Catarina
  • 1.668 - 2.471
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Santa Catarina, ganha entre 1.668 e 2.471 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 4.243 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura

Trabalhador da Suinocultura: Mato Grosso do Sul

  • 1.583
  • Mato Grosso do Sul
  • 1.609 - 2.505
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Mato Grosso do Sul, ganha entre 1.609 e 2.505 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 1.583 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Trabalhador da Suinocultura

Trabalhador da Suinocultura: Mato Grosso

  • 1.694
  • Mato Grosso
  • 1.618 - 2.413
  • 44h
O profissional no cargo de Trabalhador da Suinocultura CBO 6232-15 trabalhando em Mato Grosso, ganha entre 1.618 e 2.413 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 1.694 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.
Salário Suinocultor - Exclusive Conta Própria

Suinocultor - Exclusive Conta Própria: Santa Catarina

  • 4.243
  • Santa Catarina
  • 1.668 - 2.471
  • 44h
O profissional no cargo de Suinocultor - Exclusive Conta Própria CBO 6232-15 trabalhando em Santa Catarina, ganha entre 1.668 e 2.471 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 4.243 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-15.