CBO 6234-20 - Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 6234-20 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores na criação de insetos e animais úteis que pertence ao grupo dos trabalhadores na pecuária, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis CBO 6234-20 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 6234-20

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca.
    • Trabalhadores na exploração agropecuária.
      • Trabalhadores na pecuária.
        • Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis.

Descrição dos cargos da categoria Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis

Os Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis CBO 6234-20 manejam animais e insetos, tais como abelha, bicho-da-seda, minhoca e animais produtores de veneno, extraem produtos de animais e insetos, providenciam alimentação para animais e insetos, classificam animais, insetos e seus produtos. Controlam pragas e doenças e preparam instalações e materiais de trabalho.

Condições de trabalho

Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis rabalham em associações, cooperativas e propriedades rurais que desenvolvem apicultura, minhocultura, sericultura e criatórios de animais venenosos. São assalariados ou porcenteiros, que trabalham sob supervisão. A maioria dos trabalhadores em serpentário é encontrada em instituições públicas, criadoras de animais, com o objetivo principal de extrair veneno para produção de soros. Podem trabalhar em locais abertos ou fechados, nos horários diurnos e, às vezes, irregulares. Algumas atividades são exercidas em alturas e em posições desconfortáveis, com exposição a material tóxico, fumaça e contato com animais e insetos perigosos.

Exigências do mercado de trabalho

O exercício profissional requer, no mínimo, quarta série do ensino fundamental e curso profissionalizante de aproximadamente duzentas horas-aula. Os que atuam em parceria geralmente têm escolaridade e qualificação elevada. O pleno desempenho das atividades ocorre após um ou dois anos de experiência.

Funções dos Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis CBO 6234-20

Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis devem:

  • controlar pragas e doenças;
  • extrair produtos de animais e insetos Úteis;
  • preparar instalações;
  • manejar animais e insetos Úteis;
  • preparar materiais de trabalho;
  • providenciar alimentação para animais e insetos Úteis;
  • demonstrar competências pessoais;
  • classificar animais e insetos Úteis e seus produtos;
  • Atividades dos cargos CBO 6234-20

    Entre as principais atribuições dos Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis CBO 6234-20 estão as de:

    • repor substâncias no pé-de-lúvio;
    • cortar ramas de amoreiras;
    • amolar instrumentos de trabalho (enxada, foice para cortar amoreira etc.);
    • desmontar bosques;
    • desinfetar utensílios e vestimentas de trabalho;
    • realizar pequenos reparos em instalações e equipamentos;
    • lubrificar equipamentos;
    • arar solo para cultivo das amoreiras;
    • medicar animais e insetos úteis;
    • controlar alimentação de animais e insetos úteis;
    • eliminar predadores e ectoparasitas;
    • monitorar encasulamento;
    • classificar casulos segundo qualidade;
    • trabalhar em equipe;
    • retirar casulos das cartelas ou bosques de plástico;
    • concentrar-se;
    • queimar resíduos do ciclo anterior;
    • selecionar utensílios (formão, pinça etc.);
    • dar provas de destreza manual;
    • montar bosques;
    • controlar ventilação de criatório;
    • aplicar cal nas camas de criação do bicho-da-seda;
    • capinar plantação de amoreiras;
    • limpar local de instalação da criação;
    • podar amoreiras;
    • agir com prudência;
    • conferir maturação do mel, crisálida e húmus;
    • pelar casulos;
    • retirar restos de alimentação;
    • distribuir lagartas nas camas de criação;
    • adubar amoreiras;
    • desinfetar bosque e barracão do bicho-da-seda;
    • preparar vestimentas de trabalho;
    • corrigir solo para cultivo das amoreiras;
    • recepcionar animais e insetos úteis;
    • coletar amostra de solo para análise;
    • preparar transporte de ramas de amoreiras;
    • descartar lagartas mortas e não encasuladas;
    • empregar medidas de segurança individual;
    • armazenar ramas de amoreiras;
    • separar anafalha;
    • controlar umidade de criatório;
    • acondicionar produtos;
    • plantar amoreiras;
    • reagir frente ao perigo;
    • posicionar bosques para encasulamento;
    • substituir materiais danificados;
    • localizar focos de predadores;
    • identificar estágio de desenvolvimento das lagartas;
    • controlar temperatura de criatório;
    • identificar doenças;

    Cargos e salários CBO 6234-20 - Trabalhadores na criação de insetos e animais úteis

    Salário Trabalhador na Sericicultura

    Trabalhador na Sericicultura: Brasil

    • 210
    • Brasil
    • 1.418 - 2.380
    • 44h
    O profissional no cargo de Trabalhador na Sericicultura CBO 6234-20 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.418 e 2.380 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 210 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6234-20.
    Salário Criador de Bicho-da-seda - Conta Própria

    Criador de Bicho-da-seda - Conta Própria: Brasil

    • 217
    • Brasil
    • 1.426 - 2.390
    • 44h
    O profissional no cargo de Criador de Bicho-da-seda - Conta Própria CBO 6234-20 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.426 e 2.390 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 217 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6234-20.
    Salário Parceiro do Bicho-da-seda

    Parceiro do Bicho-da-seda: Brasil

    • 210
    • Brasil
    • 1.418 - 2.380
    • 44h
    O profissional no cargo de Parceiro do Bicho-da-seda CBO 6234-20 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.418 e 2.380 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 210 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6234-20.
    Salário Sericicultor - Exclusive Conta Própria e Empregador

    Sericicultor - Exclusive Conta Própria e Empregador: Brasil

    • 210
    • Brasil
    • 1.418 - 2.380
    • 44h
    O profissional no cargo de Sericicultor - Exclusive Conta Própria e Empregador CBO 6234-20 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.418 e 2.380 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 210 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6234-20.
    Salário Sericultor - Exclusive Conta Própria e Empregador

    Sericultor - Exclusive Conta Própria e Empregador: Brasil

    • 210
    • Brasil
    • 1.418 - 2.380
    • 44h
    O profissional no cargo de Sericultor - Exclusive Conta Própria e Empregador CBO 6234-20 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.418 e 2.380 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 210 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6234-20.