CBO 6232-05 - Trabalhador da caprinocultura - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos trabalhadores na pecuária de animais de médio porte

O profissional no cargo de Trabalhador da caprinocultura CBO 6232-05 executa atividades do manejo de caprinos de corte, leite e para produção de peles, cuidando da alimentação, realizando a ordenha, fazendo o abate e efetuando o beneficiamento de produtos, na pecuária do tipo intensiva - em sistemas de baias - e do tipo extensiva, em sistemas de piquetes e em grandes pastagens Zela pela sanidade, reprodução, prevenção e tratamento de doenças, sob orientação de médico-veterinário.

Planta, colhe e processa alimentos para os animais Prepara caprinos para exposição e venda Efetua limpeza e conservação de instalações, máquinas e equipamentos.

Cumpre normas de saúde e conforto animal, normas de biossegurança e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

CBO 6232-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores na pecuária de animais de médio porte que pertence ao grupo dos trabalhadores na exploração agropecuária, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Trabalhador da caprinocultura, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte CBO 6232-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 6232-05

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca.
    • Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte.
      • Trabalhadores na exploração agropecuária.

O que faz um Trabalhador da caprinocultura

O Trabalhador da caprinocultura CBO 6232-05 programa, organiza e executa atividades de manejo de caprinos Reúne, conduz, conta e identifica os animais com números em “tags”.

Confina, transporta e reveza rebanhos, conforme as características climáticas e os objetivos do sistema produtivo.

Usa métodos racionais de imobilização e de condução animal Alimenta caprinos, selecionando pastagens e efetuando rodízio de pasto.

Planta alimentos para animais, operando máquinas agrícolas Monitora e combate o aparecimento de pragas - como formigas, cupins, roedores, parasitas e plantas invasoras -, na plantação.

Colhe, seleciona e processa alimentos para silagem, adicionando suplementos alimentares, como vitaminas, sal e volumosos.

Distribui alimentos nos comedouros Monitora a qualidade da água, em bebedouros.

Executa procedimentos sanitários.

Cuida do bem-estar, verifica o comportamento, monitora sinais vitais e fisiológicos e acompanha ciclos de vida dos caprinos, seguindo protocolos atualizados de biossegurança Auxilia na prestação de cuidados a animais feridos ou doentes, identificando e relatando doenças e problemas de saúde, coletando material biológico para exames, administrando medicamentos por via oral e fazendo curativos, sob orientação de médico-veterinário Auxilia nos procedimentos cirúrgicos, como castração, descorna e mocha.

Ajuda na aplicação de vacinas Isola animais contaminados Armazena medicamentos.

Auxilia nos processos relativos à reprodução de caprinos Escolhe reprodutores e matrizes, identifica ou induz o cio de fêmeas e organiza cruzamentos.

Em processos de inseminação artificial, auxilia na coleta de sêmen e na inseminação da fêmea Acompanha a gestação, verificando o peso de fêmea Monitora o parto e corta o umbigo do recém-nascido.

Auxilia nos processos de lactação e de desmame Fornece colostro ao recém-nascido Pode auxiliar na aplicação de técnicas modernas ou alternativas de reprodução, para melhoramento genético animal.

Realiza a ordenha, manualmente ou mecanicamente Extrai e armazena colostro para alimentação de recém-nascidos Extrai e transporta leite.

Prepara caprinos para exposição e venda, selecionando animais por raça e origem Numera, marca e pesa animais Transporta os animais para o local da exposição Abate caprinos, anotando peso do animal Retira pele e vísceras.

Retalha carcaça Descarta as partes inservíveis, de acordo com as normas ambientais Beneficia produtos caprinos, seguindo normas e preceitos da inspeção e registro federal de alimentos Pasteuriza e embala leite Produz e embala derivados do leite, da carne e outros subprodutos Pode trabalhar com sistemas mecanizados ou automatizados, aplicando princípios e práticas da pecuária de precisão Pode trabalhar com balanças e plataformas automáticas para monitoramento dos animais Pode operar máquinas, equipamentos, instrumentos e implementos automáticos Pode usar veículos agropecuários automatizados, para preparo e transporte de alimentação e para transporte de animais Pode monitorar condições físicas e fazer rastreamento de rebanhos com uso de informática, imagens e internet Esteriliza máquinas e equipamentos de ordenha e instrumentos cirúrgicos Higieniza máquinas, equipamentos e implementos agropecuários Efetua manutenção de instalações, tais como cercas, estábulos, currais e criadouros Pinta baias Limpa, higieniza e fumiga celeiros, barracas, currais e baias .

Funções do cargo

O funcionário CBO 6232-05 deve trabalhar com biossegurança, cuidar da gestação e lactação de ovinos, caprinos e suínos, abater suínos, caprinos e ovinos, aplicar medicamentos em suínos, caprinos e ovinos, ordenhar suínos, caprinos e ovinos, alimentar suínos, caprinos e ovinos, preparar suínos, caprinos e ovinos para exposição e venda, demonstrar competências pessoais, beneficiar produtos da pecuária de médio porte, controlar reprodução de suínos, caprinos e ovinos.

Condições de trabalho dessas profissões

Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte trabalham em pequenas, grandes e médias propriedades rurais de criação de ovelhas, cabras e porcos. O regime de trabalho é assalariado, com carteira assinada. Trabalham a céu aberto, em horários diurno e irregulares, sob supervisão permanente.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 6232-05

O pré-requisito mínimo de escolaridade situa-se entre quarta e sétima série do ensino fundamental. Há tendência de aumento das exigências, com ocorrência de granjas que requer em escolaridade de nível médio completo. A qualificação é obtida com o aprendizado prático no local de trabalho, com duração que varia entre um e dois anos.

Atividades exercidas por um Trabalhador da caprinocultura CBO 6232-05

Um Trabalhador da caprinocultura (ou sinônimo) deve desmamar recém-nascidos, picar capim e cana, injetar vacinas e medicamentos, numerar animais, inseminar fêmea, defumar carne, moer ossos, induzir cio de fêmeas, ensilar capim, milho e sorgo, monitorar partos, isolar animais contaminados, retirar pele, tatuar recém-nascidos, distribuir sal em comedouros, transportar leite, conduzir animais para defecagem e alimentação, matar animais por sangria, extrair leite, armazenar colostro, coar leite, escovar animais, higienizar máquinas e equipamentos, embutir carne, balancear peso de fêmea durante gestação, tosquiar animais, medicar por via oral, coletar sêmen, coletar amostras para exame, transportar animais, conservar couro em sal, castrar animais, escolher animais para abate, eliminar roedores, insetos e parasitas, escolher reprodutores e matrizes, resfriar sêmen, identificar cio de fêmeas, cercar instalações com tela, esterilizar materiais, monitorar temperatura e luminosidade, misturar leite em pó em água, fazer curativos, pesar animais, curtir esterco, pulverizar medicamentos na pele, atentar para detalhes do comportamento de animais, pintar baias, espantar aves, varrer baias com cal, efetuar rodízio de pasto, selecionar animais por raça e origem, vestir uniforme, higienizar instalações, mochar caprinos e ovinos recém-nascidos, retirar esterco, classificar concentração de ração, demonstrar responsabilidade, separar descarte de animal abatido, manipular medicamentos conforme fórmula, extrair colostro para alimentação de recém-nascidos, guardar carne e leite em locais refrigerados, controlar peso de fêmea, demonstrar agilidade em manejo de animais, diluir sêmen, demonstrar afinidade com a atividade, pasteurizar leite, monitorar qualidade de água em bebedouros, recolher sobra de ração, matar animais por choque, marcar animais, triturar milho, trigo, sorgo e soja, aparar casco, desinfetar tetas de caprinos, distribuir ração em comedouros, misturar componentes da ração, produzir queijo, armazenar medicamentos e vacinas em ambiente fechado, retalhar carcaça, secar capim para fenação, demonstrar sensibilidade com animais, pasteurizar colostro de caprinos, organizar cruzamentos, produzir iogurte, distribuir volumoso em comedouro, passar medicamentos no casco, construir apriscos, registrar data de validade do leite, distribuir água em bebedouros, armazenar medicamentos e vacinas em local refrigerado, levar animal para ordenha, distribuir leite em bebedouros e mamadeiras coletivas, remanejar amamentação de filhotes, produzir doce de leite, trabalhar em equipe, embalar leite, anotar peso do animal, demonstrar paciência, cortar umbigo de recém-nascidos, descartar jatos iniciais de leite, construir piquete, colocar animais para monta, retirar vísceras.

Cargos e salários CBO 6232-05 - Trabalhadores na pecuária de animais de médio porte

Salário Trabalhador da Caprinocultura

Trabalhador da Caprinocultura: Brasil

  • 77
  • Brasil
  • 1.566 - 2.499
  • 43h
O profissional no cargo de Trabalhador da Caprinocultura CBO 6232-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.566 e 2.499 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 77 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-05.
Salário Caprinocultor - Exclusive Conta Própria

Caprinocultor - Exclusive Conta Própria: Brasil

  • 77
  • Brasil
  • 1.566 - 2.499
  • 43h
O profissional no cargo de Caprinocultor - Exclusive Conta Própria CBO 6232-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.566 e 2.499 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 77 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-05.
Salário Retireiro (caprinos)

Retireiro (caprinos): Brasil

  • 77
  • Brasil
  • 1.566 - 2.499
  • 43h
O profissional no cargo de Retireiro (caprinos) CBO 6232-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.566 e 2.499 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 77 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6232-05.