Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados - Salário, O Que Faz, Piso Salarial 2024

R$ 3.264,68/mês

Atualizado em

Hoje um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados ganha em média R$ 3.264,68 para uma jornada de trabalho de 44 horas semanais de acordo com pesquisa do Portal Salario junto a dados de 4.690 profissionais admitidos e desligados em regime CLT nos últimos 12 meses divulgados pelo Novo CAGED.

Em 2024 a remuneração para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados pode variar entre o piso salarial mínimo de R$ 3.175,52 e o teto salarial de R$ 6.312,70, dependendo do segmento da empresa, localidade, formação, experiência na função e política de cargos e salários da empresa.

Você pode conferir logo abaixo na tabela salarial, mais dados da pesquisa como piso salarial 2024, salário mediana, salário por hora, mensal e anual para saber exatamente quanto ganha um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados.

Tópicos dessa pesquisa salarial:

Perfil Profissional

De acordo com nosso levantamento o perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 41 anos, ensino médio completo, do sexo masculino que trabalha 44h semanais em empresas do segmento de Fabricação de calçados de couro de todo o Brasil.

A cidade com mais ocorrências de contratações no estado e por consequência com mais vagas de emprego para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados é Nova Serrana , MG.

Metodologia

Essa pesquisa salarial leva em consideração somente o salário base de Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados, não entram no cálculo nenhum adicional salarial como bônus, comissões, horas extras, adicional noturno, periculosidade, insalubridade nem nada do tipo. Somente o salário base registrado em carteira e no contrato de trabalho entram na amostragem.

Os dados salariais são atualizados mensalmente de acordo com divulgação dos dados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

O que faz um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados CBO 7604-05

O Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados elabora plano de trabalho para a produção de calçados e de artefatos de couro, verificando metas de produção por linha de produto Estabelece alocação de recursos materiais e de equipe de trabalho Define leiaute das instalações, conforme produto.

Controla o recebimento de matérias-primas Elabora mostruário de padrões de peças Supervisiona a produção de calçados e de artefatos de couro, conduzindo a equipe para atingir as metas preestabelecidas Coordena todos os processos do setor, tomando decisões, orientando a equipe para execução das atividades, realizando controle visual da produção, e eliminando pontos de gargalo (pontos críticos), para que a fabricação dos produtos seja feita dentro dos prazos predeterminados.

Mantém integração com todos os setores relacionados à produção Avalia planilhas de produção Realiza controle de qualidade da produção, seguindo as normas e as especificações referentes a cada produto.

Seleciona pessoal conforme complexidade do produto e interage com equipe de trabalho para a melhoria de processos Assegura o padrão de qualidade, analisando gráficos de testes e ensaios de matérias-primas e produtos Analisa resultados do controle de qualidade Promove cursos e palestras sobre qualidade, incentivando a valorização da marca e do produto da empresa.

Facilita a integração com clientes internos e externos, verificando suas necessidades Monitora relacionamento com clientes, realizando atendimento específico de acordo com suas demandas Participa de eventos relacionados ao setor Administra custos, no sentido de cumprir previsão estabelecida no planejamento Elabora planilha de controle de custos e faz análises de custo-benefício.

Controla nível de retrabalho e a rotatividade da equipe de trabalho Realiza campanhas de redução de custos e desperdícios Pode utilizar “software” específico para controle de custo.

Administra pessoal, aplicando legislação trabalhista, colaborando com o processo de recrutamento e seleção de pessoal, fazendo alocação da equipe de trabalho, controlando nível de absenteísmo, e planejando férias da equipe Orienta a equipe de trabalho sobre normas e procedimentos da empresa Supervisiona equipe de trabalho, exercendo liderança e administrando conflitos.

Motiva a equipe, oportunizando seu crescimento profissional e propiciando bem-estar no ambiente de trabalho Organiza reuniões para prestar informações profissional e social e para propiciar a integração da equipe Acompanha a realização de tarefas, apresentando retorno à equipe sobre o trabalho realizado.

Avalia o desempenho da equipe, identificando as necessidades de treinamento Promove programações de treinamento para a equipe de trabalho Instrui a equipe de trabalho na utilização de máquinas e equipamentos conforme especificações Organiza a rotatividade do uso das máquinas e dos equipamentos Pode instruir a equipe na utilização de sistemas de produção automatizados.

Pode orientar a equipe no uso de máquinas e sistemas a laser ou baseados em tecnologias de manufatura auxiliada por computador Monitora condições de funcionamento de máquinas e equipamentos Elabora programa de manutenção preventiva e providencia, quando necessário, serviço de manutenção corretiva de máquinas e equipamentos Assegura a limpeza, a higiene e a organização do local de trabalho Monitora a identificação e a classificação de resíduos - sólidos e líquidos – dos processos de produção, providenciando sua segregação e destinação Proporciona condições de segurança no ambiente de trabalho, providenciando os dispositivos de segurança em máquinas e equipamentos, informando sobre as áreas de risco e fazendo sua sinalização, e disseminando informações sobre saúde e segurança no trabalho Conscientiza a equipe sobre a importância do uso de equipamentos de proteção individual Prepara e encaminha relatório sobre ocorrência de acidente.

Algumas funções no exercício da profissão

  • atingir as metas de produção;
  • facilitar a integração com clientes internos e externos;
  • conservar máquinas e equipamentos;
  • proporcionar condições de segurança no ambiente de trabalho;
  • supervisionar a produção;
  • controlar a qualidade da produção;
  • administrar custos;
  • gerir recursos humanos;
  • demonstrar competências pessoais;
  • buscar atualização tecnológica;
  • incentivar a prática de polivalência na empresa;
  • controlar nível de absenteísmo;
  • realizar campanhas de redução de custos e desperdícios;
  • conduzir equipe para atingir objetivos pré-determinados;
  • promover cursos e palestras sobre qualidade;
  • manter integração com todos os setores da produção;
  • organizar a rotatividade do uso das máquinas e equipamentos;
  • informar colaboradores sobre áreas de risco na empresa;
  • providenciar sinalização das áreas de risco;
  • ver mais...

Salário de Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados CBO 7604-05 - Série histórica

Quanto ganha um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados por região do Brasil

Quanto ganha um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
44 2.832,39 2.911,91 4.400,57 13,30 684
44 3.381,26 3.476,20 5.253,34 15,83 354
44 3.655,83 3.758,48 5.679,93 17,10 284
44 2.838,94 2.918,65 4.410,75 13,27 181
44 2.753,97 2.831,30 4.278,74 12,89 149
44 2.892,77 2.973,99 4.494,39 13,56 145
44 3.285,27 3.377,51 5.104,20 15,37 139
44 3.214,72 3.304,98 4.994,58 15,05 137
44 3.368,99 3.463,58 5.234,27 15,79 130
44 3.187,62 3.277,12 4.952,48 14,91 117
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a Busca Salarial.

Tabela salarial para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados

Tabela salarial referentes ao salário base do cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 3.176 38.106 794 14,48
Média Salarial 3.265 39.176 816 14,88
1º Quartil 2.238 26.862 560 10,20
Salário Mediana 3.000 36.000 750 13,68
3º Quartil 4.814 57.772 1.204 21,95
Teto Salarial 6.313 75.752 1.578 28,78
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais CBO 7604-05 da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para o cargo

Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados é um cargo que está em baixa no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Junho de 2023 e Maio de 2024, tivemos uma queda de 4.88% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados CBO 7604-05 pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web nos últimos 12 meses.

Quanto ganha um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados na localidade
UF Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
44 3.341,81 3.435,64 5.192,04 15,64 1.613
44 2.802,60 2.881,29 4.354,30 13,16 860
44 3.123,44 3.211,14 4.852,77 14,61 803
44 3.138,96 3.227,09 4.876,88 14,68 499
44 3.274,30 3.366,24 5.087,16 15,43 460
44 2.934,61 3.017,01 4.559,39 13,76 175
44 5.269,31 5.417,26 8.186,73 24,72 49
44 2.370,87 2.437,44 3.683,53 11,08 46
44 3.135,25 3.223,28 4.871,11 14,67 46
44 4.324,66 4.446,09 6.719,06 20,21 40
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada um dos estados da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outros estados além desses utilize a Busca Salarial.

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial
1531-9/01 Fabricação de calçados de couro 3.302,13 3.394,85 5.130,40
1533-5/00 Fabricação de calçados de material sintético 3.455,60 3.552,63 5.368,84
1531-9/02 Acabamento de calçados de couro sob contrato 2.770,43 2.848,22 4.304,31
1539-4/00 Fabricação de calçados de materiais 3.192,91 3.282,56 4.960,71
1540-8/00 Fabricação de partes para calçados, de qualquer material 2.799,15 2.877,75 4.348,94
1532-7/00 Fabricação de tênis de qualquer material 3.073,54 3.159,84 4.775,24
1521-1/00 Fabricação de artigos para viagem, bolsas e semelhantes de qualquer material 2.887,54 2.968,61 4.486,26
1412-6/01 Confecção de peças do vestuário 3.001,23 3.085,50 4.662,90
4782-2/01 Comércio varejista de calçados 2.669,57 2.744,53 4.147,61
1529-7/00 Fabricação de artefatos de couro 3.003,49 3.087,82 4.666,41
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas). Para ver a pesquisa salarial completa para o segmento, clique nas empresas da lista. Para ver outros segmentos e pesquisas em estados e cidades específicas, utilize a nossa Pesquisa Salarial e filtre a busca por CNAE.

Quanto ganha um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 4.690 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados CBO 7604-05 em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
4.503 44 220 3.282,23 14,92
63 43 215 2.815,87 13,10
37 40 200 2.399,27 12,00
22 36 180 2.432,27 13,51
10 42 210 3.937,40 18,75
6 37 185 3.038,22 16,42

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por nível profissional e porte da empresa

Metodologia: Salários de 2.878 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Nível I Nível II Nível III
Micro 3.255,37 3.478,58 3.865,76
Pequenas 3.209,27 3.432,47 3.819,65
Médias 3.460,86 3.684,06 4.071,24
Grandes Empresas 3.616,49 3.839,69 4.226,87
  • *Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados Nível I: até 4 anos;
  • *Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados Nível II: de 4 a 6 anos;
  • *Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados Nível III: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Gráficos de pesquisa

Simulador de gastos da empresa com o salário mensal de um Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados

  • Salário Base: R$ 3.264,68
  • Salário-educação (3%): R$ 97,94
  • Sistema S (2%): R$ 65,29
  • INSS Patronal (20%): R$ 652,94
  • RAT - Risco Ambiental do Trabalho (1%): R$ 32,65
  • FGTS (8%): R$ 261,17
  • Férias 1/12: R$ 272,06
  • Auxílio Transporte: R$ 220,00
  • Auxílio Alimentação: R$ 440,00
  • Adicional Noturno (20%): R$ 652,94
  • Periculosidade (30%): R$ 979,40
  • Insalubridade (20%): R$ 288,00
  • Plano de Saúde: R$ 300,00
  • 1/3 de Férias: R$ 90,69
  • 13º Salário: R$ 272,06
  • FGTS sobre Férias: R$ 21,76
  • FGTS sobre 1/3 de Férias: R$ 7,25
  • FGTS sobre 13º: R$ 21,76
  • Aviso Prévio: R$ 272,06
  • FGTS sobre Aviso Prévio: R$ 21,76
  • Multa Rescisória FGTS: R$ 272,06

Os valores referem-se somente a uma simulação de gastos mensais proporcionais e médios do mercado de trabalho. Alguns benefícios não são pagos ao mesmo tempo. Procure seu contador para maiores detalhes.

Fique por dentro dos seus direitos trabalhistas

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Supervisor de Acabamento de Confecção de Calçados