CBO 7601-15 - Supervisores da indústria têxtil - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 7601-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de supervisores da indústria têxtil que pertence ao grupo dos trabalhadores nas indústrias têxtil, do curtimento, do vestúario e das artes gráficas, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Supervisores da indústria têxtil CBO 7601-15 em todos os estados e cidades do Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 7601-15

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais.
    • Supervisores da indústria têxtil.
      • Trabalhadores nas indústrias têxtil, do curtimento, do vestúario e das artes gráficas.

Funções

administrar a produção, otimizar processos, zelar pela segurança, assegurar a manutenção dos equipamentos, garantir a qualidade do processo produtivo, participar da administração dos custos, administrar os recursos humanos do processo produtivo, administrar materiais, demonstrar competências pessoais.

Atividades

delegar tarefas, acompanhar a inspeção de produtos, acompanhar treinamentos, participar da organização do leiaute, realizar inventário físico, levantar necessidades de treinamento, sugerir aquisição de equipamentos, acessórios e insumos, disponibilizar pessoal, administrar conflitos, tomar decisões, elaborar relatórios, participar da elaboração de custos, alocar pessoal, passar uma imagem positiva, manter-se atualizado, tomar decisões quanto a produtos não-conformes, eliminar as condições inseguras, trabalhar em equipe, gerar motivação, avaliar o desempenho, exercer liderança, manifestar comprometimento com os objetivos da empresa, analisar dados relacionados com a produção, interpretar dados relacionados com a produção, desenvolver criatividade, participar no desenvolvimento de produtos, controlar resíduos e desperdícios, participar da definição de itens de controle de manutenção, manter as condições do ambiente de trabalho, avaliar a satisfação do cliente interno, participar dos eventos de segurança, controlar a qualidade da matéria prima, desenvolver treinamento operacional, distribuir tarefas, demonstrar empatia, solicitar materiais, identificar condições inseguras, buscar informações, controlar estoque, assegurar o cumprimento das normas de segurança, aplicar técnicas de conscientização, definir perfil, reduzir custos, assegurar a capacidade de produção por produto, organizar o fluxo de produção, definir pontos e itens de controle no processo produtivo, implementar ações corretivas e preventivas, praticar gestão participativa, emitir pareceres técnicos, regular máquinas e equipamentos, disponibilizar máquinas para manutenção, saber ouvir, planejar a manutenção, testar equipamentos, acessórios e insumos, selecionar pessoal, desenvolver procedimentos de manutenção, melhorar método de trabalho, participar da elaboração de procedimentos, comunicar-se de forma clara e objetiva, solicitar peças de reposição, utilizar ferramentas de gestão, controlar a qualidade da produção, controlar a assiduidade, programar férias, controlar fluxo de materiais, controlar o volume da produção, supervisionar a manutenção, participar de auditoria do processo, definir tarefas, coordenar reuniões, controlar emoções, supervisionar a organização do ambiente.

Cargos e salários CBO 7601-15 - Supervisores da indústria têxtil

Salário Contramestre de Malharia (Industria Têxtil)

Contramestre de Malharia (Industria Têxtil): Brasil

  • 188
  • Brasil
  • 2.846 - 5.814
  • 43h
O profissional no cargo de Contramestre de Malharia (Industria Têxtil) CBO 7601-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.846 e 5.814 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 188 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7601-15.
Salário Encarregado Geral de Malharia

Encarregado Geral de Malharia: Brasil

  • 188
  • Brasil
  • 2.846 - 5.814
  • 43h
O profissional no cargo de Encarregado Geral de Malharia CBO 7601-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.846 e 5.814 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 188 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7601-15.