Dentista de Aparelho - Salário, O Que Faz, Piso Salarial 2024

R$ 4.233,70/mês

Atualizado em

Hoje um Dentista de Aparelho ganha em média R$ 4.233,70 para uma jornada de trabalho de 36 horas semanais de acordo com pesquisa do Portal Salario junto a dados de 101 profissionais admitidos e desligados em regime CLT nos últimos 12 meses divulgados pelo Novo CAGED.

Em 2024 a remuneração para Dentista de Aparelho pode variar entre o piso salarial mínimo de R$ 4.118,07 e o teto salarial de R$ 8.413,77, dependendo do segmento da empresa, localidade, formação, experiência na função e política de cargos e salários da empresa.

Você pode conferir logo abaixo na tabela salarial, mais dados da pesquisa como piso salarial 2024, salário mediana, salário por hora, mensal e anual para saber exatamente quanto ganha um Dentista de Aparelho.

Tópicos dessa pesquisa salarial:

Perfil Profissional

De acordo com nosso levantamento o perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 30 anos, ensino superior completo, do sexo feminino que trabalha 44h semanais em empresas do segmento de Atividade odontológica com recursos para realização de procedimentos cirúrgicos de todo o Brasil.

A cidade com mais ocorrências de contratações no estado e por consequência com mais vagas de emprego para Dentista de Aparelho é São Paulo , SP.

Metodologia

Essa pesquisa salarial leva em consideração somente o salário base de Dentista de Aparelho, não entram no cálculo nenhum adicional salarial como bônus, comissões, horas extras, adicional noturno, periculosidade, insalubridade nem nada do tipo. Somente o salário base registrado em carteira e no contrato de trabalho entram na amostragem.

Os dados salariais são atualizados mensalmente de acordo com divulgação dos dados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

O que faz um Dentista de Aparelho CBO 2232-40

O Dentista de Aparelho planeja a assistência em ortopedia funcional dos maxilares e ortodontia, orientando preparo do ambiente para atendimento de pacientes de todas as faixas etárias Acompanha a realização de assepsia dos instrumentos de trabalho e do ambiente Faz o acolhimento de pacientes em consulta.

Executa anamnese Realiza exame físico Providencia radiografias, exames fotográficos e de vídeo, ressonância magnética, tomografia computadorizada oral e facial, e outros exames complementares Ao fazer o diagnóstico de pacientes, pode constatar crescimento insuficiente da mandíbula (parte inferior da boca), crescimento em excesso da mandíbula (queixo saliente), respiração oral, estalos na articulação temporomandibular (responsável pelo movimento de abrir e fechar a boca), apinhamento de dentes de leite ou na troca de dentição, entre outros problemas que podem ser resolvidos pela ortopedia funcional dos maxilares.

Define o tratamento de ortopedia funcional dos maxilares, com base na Reabilitação Neuro-Oclusal, estabelecendo os artifícios técnicos - ajustes oclusais, pistas diretas e/ou aparelhos removíveis - necessários para remodelar as estruturas ósseas, musculares, articulares e funcionais, e para proporcionar harmonia facial e equilíbrio de funções como respiração, deglutição, mastigação e fala Inicia idealmente o tratamento de ortopedia funcional dos maxilares em crianças com dois ou três anos, embora possa diagnosticar e tratar problemas funcionais e suas consequências morfológicas em idades mais avançadas, inclusive adultos Atua para a eliminação de hábitos deletérios, como levar os dedos à boca, mordiscamento de lábios, bruxismo, entre outros.

Ao fazer o diagnóstico de pacientes, pode constatar dentes desalinhados, diastemas (espaço entre os dentes), dentes apinhados (falta de espaço), entre outros problemas que podem ser resolvidos pela ortodontia Define o tratamento ortodôntico com base em instrumentos de diagnóstico, tais como histórico médico e dentário, exame físico, moldes de gesso de dentes, e exames fotográficos e de vídeo Analisa os tipos de aparelhos ortodônticos - fixos ou móveis, mantenedores e fechadores de espaços interdentais, niveladores e reposicionadores de mandíbula, entre outros - e seleciona o mais indicado para o tratamento ortodôntico de cada paciente, para correção das estruturas dentofaciais, otimização da higiene e melhoria da estética facial Pode sugerir o uso de aparelhos com diferencial estético e/ou confeccionados com uso de tecnologia avançada, tais como aparelhos de alta transparência, aparelhos fixos autoligados, e aparelhos invisíveis fixos, instalados na face posterior dos dentes.

Orienta sobre uso e manutenção de aparelhos e sobre higiene bucal Registra procedimentos efetuados em prontuário odontológico Emite laudos técnicos e atestados Pode realizar a gestão de recursos e de processos de trabalho de consultório ou clínica Estima custos, define preços e estabelece condições de pagamento.

Supervisiona equipe, orientando seu desempenho Desenvolve ações educativas, estimulando bons hábitos de mastigação e respiração, que possibilitam o correto crescimento das arcadas e estruturas faciais Atua em equipes multiprofissionais, mantendo inter-relacionamento com especialistas de áreas afins, para o tratamento integral dos defeitos morfofuncionais da face.

Mantém-se atualizado na sua área de atuação, analisando o uso de inovações, tais como mini implantes e/ou miniplacas, e aparelhos ortopédicos funcionais e “aligners” com recursos 3D Pode participar em pesquisas nas áreas de ortopedia funcional dos maxilares e ortodontia Orienta o descarte de resíduos odontológicos de acordo com normas ambientais.

Aplica princípios de biossegurança conforme as normas vigentes, promovendo o autocuidado e a prevenção de acidentes de trabalho e de doenças ocupacionais Realiza com segurança processos e procedimentos, evitando riscos, efeitos adversos e danos a pacientes, a si mesmo e a demais profissionais.

Algumas funções no exercício da profissão

  • desenvolver pesquisas na Área odontológica;
  • preparar pacientes;
  • administrar local e condições de trabalho;
  • aplicar medidas de prevenção e promoção de saúde;
  • planejar tratamento de pacientes;
  • praticar ações de saúde coletiva;
  • demonstrar competências pessoais;
  • estabelecer diagnóstico e prognóstico;
  • realizar procedimento odontológico;
  • comunicar-se;
  • interagir com profissionais de outras Áreas;
  • relacionar sinais e sintomas clínicos com funções ocupacionais;
  • demostrar empatia;
  • disponibilizar acesso para pacientes especiais;
  • demostrar paciência;
  • avaliar perfil do paciente - psicológico, clínico, socioeconômico;
  • demostrar percepção visual;
  • praticar medidas de biossegurança;
  • realizar implantes autógenos ou exógenos;
  • elaborar projetos de pesquisa;
  • encaminhar pacientes para tratamento médico, outras especialidades e áreas afins;
  • captar fontes de financiamento de pesquisa;
  • ver mais...

Salário de Dentista de Aparelho CBO 2232-40 - Série histórica

Quanto ganha um Dentista de Aparelho por região do Brasil

Quanto ganha um Dentista de Aparelho nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Dentista de Aparelho na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
42 5.751,97 5.913,47 8.936,61 28,47 31
30 2.674,89 2.750,00 4.155,88 18,26 17
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a Busca Salarial.

Tabela salarial para Dentista de Aparelho

Tabela salarial referentes ao salário base do cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 4.118 49.417 1.030 23,13
Média Salarial 4.234 50.804 1.058 23,78
1º Quartil 2.287 27.441 572 12,85
Salário Mediana 4.100 49.200 1.025 23,03
3º Quartil 6.417 77.000 1.604 36,05
Teto Salarial 8.414 100.965 2.103 47,27
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Dentista de Aparelho negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais CBO 2232-40 da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para o cargo

Dentista de Aparelho é um cargo que está com altíssima demanda no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Abril de 2023 e Março de 2024, tivemos um aumento de 60% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Dentista de Aparelho CBO 2232-40 pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web nos últimos 12 meses.

Quanto ganha um Dentista de Aparelho por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa para Dentista de Aparelho na localidade
UF Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
41 5.665,44 5.824,52 8.802,18 28,50 32
31 2.736,84 2.813,68 4.252,12 18,22 25
31 4.876,36 5.013,28 7.576,22 32,29 18
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada um dos estados da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outros estados além desses utilize a Busca Salarial.

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial
8630-5/04 Atividade odontológica com recursos para realização de procedimentos cirúrgicos 3.924,20 4.034,39 6.096,89
8690-9/99 Outras atividades de atenção à saúde humana 2.717,13 2.793,42 4.221,50
4645-1/03 Comércio atacadista de produtos odontológicos 5.589,98 5.746,93 8.684,94
8599-6/04 Treinamento em desenvolvimento profissional e gerencial 5.270,31 5.418,29 8.188,28
5211-7/99 Depósitos de mercadorias para terceiros, exceto armazéns gerais e guarda-móveis 1.283,95 1.320,00 1.994,82
8630-5/03 Atividade médica ambulatorial restrita a consultas 6.157,61 6.330,50 9.566,84
7820-5/00 Locação de mão-de-obra temporária 7.295,17 7.500,00 11.334,23
8610-1/01 Atividades de atendimento hospitalar 4.534,68 4.662,00 7.045,35
8630-5/99 Atividades de atenção ambulatorial 5.651,32 5.810,00 8.780,25
8630-5/02 Atividade médica ambulatorial com recursos para realização de exames complementares 5.966,47 6.134,00 9.269,88
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas). Para ver a pesquisa salarial completa para o segmento, clique nas empresas da lista. Para ver outros segmentos e pesquisas em estados e cidades específicas, utilize a nossa Pesquisa Salarial e filtre a busca por CNAE.

Quanto ganha um Dentista de Aparelho por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 101 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Dentista de Aparelho CBO 2232-40 em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
49 44 220 4.731,28 21,51
14 20 100 3.475,14 34,75
13 40 200 3.921,15 19,61
10 24 120 4.152,50 34,60
6 16 80 2.221,50 27,77
4 36 180 4.488,75 24,94

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por nível profissional e porte da empresa

Metodologia: Salários de 54 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Júnior Pleno Sênior
Micro 4.213,80 4.503,26 5.005,36
Pequenas 4.368,59 4.658,05 5.160,15
Médias 4.150,05 4.439,51 4.941,61
Grandes Empresas 5.129,19 5.418,64 5.920,74
  • *Dentista de Aparelho Júnior: até 4 anos;
  • *Dentista de Aparelho Pleno: de 4 a 6 anos;
  • *Dentista de Aparelho Sênior: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Gráficos de pesquisa

Simulador de gastos da empresa com o salário mensal de um Dentista de Aparelho

  • Salário Base: R$ 4.233,70
  • Salário-educação (3%): R$ 127,01
  • Sistema S (2%): R$ 84,67
  • INSS Patronal (20%): R$ 846,74
  • RAT - Risco Ambiental do Trabalho (1%): R$ 42,34
  • FGTS (8%): R$ 338,70
  • Férias 1/12: R$ 352,81
  • Auxílio Transporte: R$ 220,00
  • Auxílio Alimentação: R$ 440,00
  • Adicional Noturno (20%): R$ 846,74
  • Periculosidade (30%): R$ 1.270,11
  • Insalubridade (20%): R$ 288,00
  • Plano de Saúde: R$ 300,00
  • 1/3 de Férias: R$ 117,60
  • 13º Salário: R$ 352,81
  • FGTS sobre Férias: R$ 28,22
  • FGTS sobre 1/3 de Férias: R$ 9,41
  • FGTS sobre 13º: R$ 28,22
  • Aviso Prévio: R$ 352,81
  • FGTS sobre Aviso Prévio: R$ 28,22
  • Multa Rescisória FGTS: R$ 352,81

Os valores referem-se somente a uma simulação de gastos mensais proporcionais e médios do mercado de trabalho. Alguns benefícios não são pagos ao mesmo tempo. Procure seu contador para maiores detalhes.

Fique por dentro dos seus direitos trabalhistas

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Dentista de Aparelho pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Dentista de Aparelho