Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais - Piso Salarial 2024, O Que Faz, Salário Odontologia

R$ 3.939,16/mês

Atualizado em

Hoje um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais ganha em média R$ 3.939,16 para uma jornada de trabalho de 38 horas semanais de acordo com pesquisa do Portal Salario junto a dados de 240 profissionais admitidos e desligados em regime CLT nos últimos 12 meses divulgados pelo Novo CAGED.

Em 2024 a remuneração para Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais pode variar entre o piso salarial mínimo de R$ 3.831,57 e o teto salarial de R$ 8.028,19, dependendo do segmento da empresa, localidade, formação, experiência na função e política de cargos e salários da empresa.

Você pode conferir logo abaixo na tabela salarial, mais dados da pesquisa como piso salarial 2024, salário mediana, salário por hora, mensal e anual para saber exatamente quanto ganha um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais.

Tópicos dessa pesquisa salarial:

Perfil Profissional

De acordo com nosso levantamento o perfil profissional mais recorrente é o de um trabalhador com 25 anos, formação superior em Odontologia, do sexo feminino que trabalha 44h semanais em empresas do segmento de Atividade odontológica com recursos para realização de procedimentos cirúrgicos de todo o Brasil.

A cidade com mais ocorrências de contratações no estado e por consequência com mais vagas de emprego para Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais é Itaja , RN.

Metodologia

Essa pesquisa salarial leva em consideração somente o salário base de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais, não entram no cálculo nenhum adicional salarial como bônus, comissões, horas extras, adicional noturno, periculosidade, insalubridade nem nada do tipo. Somente o salário base registrado em carteira e no contrato de trabalho entram na amostragem.

Os dados salariais são atualizados mensalmente de acordo com divulgação dos dados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

O que faz um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais CBO 2232-88

O Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais planeja a assistência em saúde bucal a paciente que apresente uma ou mais limitações – temporárias ou permanentes, de ordem mental, física, sensorial, emocional, de crescimento ou médica -, que impeçam a realização de atendimento em situação odontológica convencional Providencia o preparo do ambiente – em consultório ou clínica, unidade de saúde pública, hospital ou residência - onde fará o atendimento de paciente Em consultório ou clínica, orienta a retirada de obstáculos à locomoção e verifica a redução de fatores de estresse - como luz forte, sons e odores - e de tempo de espera.

Monitora a execução de assepsia dos instrumentos de trabalho e do ambiente Analisa relação de pacientes a serem atendidos no período Em cada caso, examina quadro de limitações apresentadas – além de características bucais, estratégias de condução do comportamento e cuidados especiais -, para adequação do atendimento odontológico Pode agendar reunião com acompanhante (familiar responsável ou cuidador) de paciente com determinadas limitações, antes da primeira consulta.

Verifica, então, a forma de comunicação mais adequada – verbal (adotando linguagem, técnica do “dizer-mostrar-fazer”, reforço positivo e controle de voz) ou não verbal (toque, olhar e sorriso) – com paciente Define, com acompanhante, a necessidade de restrição física (uso das mãos para limitar movimentos corporais) ou mecânica (com acessórios ou equipamentos apropriados) durante o atendimento, após esgotadas as possibilidades de evitá-la com sessões prévias de acolhimento e interação com paciente Pode avaliar, de forma individual e personalizada, a possibilidade de sedação, quando todas as demais técnicas de condução de comportamento não permitirem o atendimento odontológico seguro.

Solicita autorização para responsável por paciente, no caso de restrição ou sedação Faz o acolhimento de paciente e de acompanhante, aplicando técnicas humanizadas de abordagem Executa a anamnese Faz perguntas a paciente (e/ou acompanhante) sobre diabete, cardiopatias e outras doenças.

Levanta o uso de medicamentos Realiza exame físico, observando tecidos moles periorais e intraorais (língua, lábios, bochecha e assoalho bucal), dentes, e periodonto Verifica ocorrência de xerostomia, pelo uso constante de medicações Realiza avaliação oclusal Faz radiografias e solicita outros exames de imagem.

Define diagnóstico e prognóstico Discute o caso com profissionais de saúde envolvidos, promovendo visão multiprofissional para execução de tratamento seguro e integral, principalmente quando inclui procedimentos mais invasivos, como os realizados sob anestesia geral Fornece informações para paciente (e/ou acompanhante) sobre diagnóstico e tratamento.

Inicia o tratamento odontológico pelos procedimentos mais simples e executa os mais complexos no final, exceto em casos de urgência Orienta paciente (e/ou acompanhante) quanto à higienização bucal e às questões relacionadas à xerostomia (quando for o caso) Após o tratamento, realiza consultas de manutenção e controle da saúde bucal de paciente.

Registra procedimentos executados em prontuário odontológico Emite pareceres e laudos Participa de equipe multidisciplinar em instituições de saúde, de ensino e de pesquisas.

Aprofunda estudos e presta atenção aos pacientes que apresentam problemas especiais de saúde com repercussão em boca e estruturas anexas, bem como das doenças bucais que possam ter repercussões sistêmicas Supervisiona equipe, avaliando e orientando seu desempenho Mantém-se atualizado na sua área de atuação, analisando inovações tecnológicas Orienta o descarte de resíduos odontológicos de acordo com normas ambientais Aplica princípios de biossegurança conforme as normas vigentes, promovendo o autocuidado e a prevenção de acidentes de trabalho e de doenças ocupacionais.

Realiza com segurança processos e procedimentos, evitando riscos, efeitos adversos e danos a pacientes, a acompanhantes, a si mesmo e a demais profissionais.

Algumas funções no exercício da profissão

  • demonstrar competências pessoais;
  • comunicar-se;
  • demonstrar segurança;
  • demostrar empatia;
  • ver mais...

Salário de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais CBO 2232-88 - Série histórica

Quanto ganha um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais por região do Brasil

Quanto ganha um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais nas principais cidades

Clique em uma cidade para ver a pesquisa salarial completa para Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais na localidade
Cidade Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
37 3.210,55 3.300,70 4.988,12 17,65 10
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada uma das cidades da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outras cidades além dessas utilize a Busca Salarial.

Tabela salarial para Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais

Tabela salarial referentes ao salário base do cargo e na remuneração por períodos
Período Salário Mensal Salário Anual Salário Semanal Salário/Hora
Piso Salarial 3.832 45.979 958 20,37
Média Salarial 3.939 47.270 985 20,94
1º Quartil 2.144 25.730 536 11,40
Salário Mediana 3.636 43.632 909 19,33
3º Quartil 6.123 73.472 1.531 32,55
Teto Salarial 8.028 96.338 2.007 42,68
  • Piso Salarial: Média do salário base de acordos, convenções coletivas e dissídios coletivos com menções ao cargo de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais negociados por sindicatos e registrados no MTE;
  • Média Salarial: A soma de todos os salários dividido pelo total de salários de profissionais CBO 2232-88 da amostragem. Cálculo de média aritmética simples;
  • 1° Quartil: Primeiro quartil é o cálculo que separa 25% dos menores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Salário Mediana: Mediana é o valor que mostra o salário bem ao centro da amostragem. o cálculo separa os dados de modo que 50% dos salários informados são superiores a esse nível e 50% são inferiores;
  • 3º Quartil: Cálculo que separa 25% dos maiores salários e obtém a média salarial entre eles;
  • Teto Salarial: Corresponde aos maiores salários no cargo, observando-se ponderações e filtros exclusivos do nosso algoritmo de pesquisa salarial.

Demanda no mercado de trabalho para Odontologia

Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais é um cargo que está com demanda restrita no mercado de trabalho brasileiro nos últimos meses.

No comparativo entre os meses de Abril de 2023 e Março de 2024, tivemos uma queda de 52.63% nas contratações formais com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Dentro da pesquisa, logo abaixo, você pode conferir um gráfico completo mês a mês com o número de contratações e demissões de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais CBO 2232-88 pelo mercado de trabalho brasileiro segundo levantamento estatístico do Salario.com.br junto a dados salariais oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web nos últimos 12 meses.

Quanto ganha um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais por estado

Clique em um estado para ver a pesquisa salarial completa para Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais na localidade
UF Jornada Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial Salário/Hora Total
38 4.874,20 5.011,06 7.572,87 26,65 41
37 3.597,55 3.698,56 5.589,38 19,80 25
39 4.288,22 4.408,63 6.662,45 22,46 24
40 4.839,63 4.975,52 7.519,15 25,19 22
36 3.442,35 3.539,00 5.348,24 19,45 20
36 4.287,18 4.407,56 6.660,84 24,37 12
24 3.221,19 3.311,64 5.004,64 27,49 11
40 3.075,47 3.161,82 4.778,23 15,81 11
37 3.210,55 3.300,70 4.988,12 17,65 10
Para ver a pesquisa salarial completa para o cargo em cada um dos estados da tabela, clique nos links das localidades da lista. Para ver o salário em outros estados além desses utilize a Busca Salarial.

Tipos de empresas que mais contratam

Salários por setores de empresas
CNAE Segmento da Empresa Piso Salarial Média Salarial Teto Salarial
8630-5/04 Atividade odontológica com recursos para realização de procedimentos cirúrgicos 3.717,36 3.821,73 5.775,52
8610-1/02 Atividades de atendimento em pronto-socorro e unidades hospitalares para atendimento a urgências 5.268,61 5.416,54 8.185,64
7820-5/00 Locação de mão-de-obra temporária 6.440,97 6.621,81 10.007,08
8660-7/00 Atividades de apoio à gestão de saúde 3.379,69 3.474,58 5.250,89
8630-5/02 Atividade médica ambulatorial com recursos para realização de exames complementares 1.375,14 1.413,75 2.136,50
8610-1/01 Atividades de atendimento hospitalar 3.390,31 3.485,50 5.267,39
8690-9/99 Outras atividades de atenção à saúde humana 3.040,90 3.126,29 4.724,54
9430-8/00 Atividades de associações de defesa de direitos sociais 2.257,22 2.320,60 3.506,96
3250-7/06 Serviços de prótese dentária 4.310,18 4.431,20 6.696,56
8532-5/00 Educação superior - graduação 4.517,95 4.644,80 7.019,36
CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas). Para ver a pesquisa salarial completa para o segmento, clique nas empresas da lista. Para ver outros segmentos e pesquisas em estados e cidades específicas, utilize a nossa Pesquisa Salarial e filtre a busca por CNAE.

Quanto ganha um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais concursado

Profissionais com formação superior em Odontologia contratados para exercer o cargo de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais também podem almejar um emprego público através de concurso.

O salário de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais concursado é de R$ 4.860,54 para uma jornada de 32 horas semanais, segundo dados de 5 profissionais contratados por concúrso público para órgãos municipais, estaduais ou federais.

Sem dúvidas seguir uma carreira concursada de Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais é uma ótima pedida, já que o salário no setor público é cerca de 19% maior do que a média salarial do setor privado.

Quanto ganham profissionais de Odontologia por jornada de trabalho

Relação jornada de trabalho/salário. Filtro de amostragem com 240 profissionais admitidos e desligados. A relação abrange somente Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais CBO 2232-88 em regime integral de trabalho.

Cálculo de acordo com a carga horária mensal e salário
Total Jornada Ref. Salário Mensal Salário Hora
117 44 220 3.926,15 17,85
40 40 200 4.702,31 23,51
19 20 100 3.189,84 31,90
10 30 150 3.650,71 24,34
5 16 80 2.448,20 30,60
5 24 120 3.189,00 26,58

No Brasil, todo trabalhador contratado com carteira assinada, ou seja, numa relação de emprego, tem a jornada de trabalho estipulada no contrato de trabalho. A lei exige que fique clara, por escrito, a duração do trabalho que esse profissional terá de cumprir.

Salários por porte da empresa e nível profissional

Metodologia: Salários de 95 profissionais demitidos pelas empresas.
Porte da Empresa Júnior Pleno Sênior
Micro 3.930,19 4.199,51 4.666,68
Pequenas 4.273,63 4.542,95 5.010,11
Médias 4.207,13 4.476,44 4.943,61
Grandes Empresas 4.215,36 4.484,67 4.951,84
  • *Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais Júnior: até 4 anos;
  • *Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais Pleno: de 4 a 6 anos;
  • *Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais Sênior: acima de 6 anos na empresa até sua demissão;

Gráficos de pesquisa

Simulador de gastos da empresa com o salário mensal de um Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais

  • Salário Base: R$ 3.939,16
  • Salário-educação (3%): R$ 118,17
  • Sistema S (2%): R$ 78,78
  • INSS Patronal (20%): R$ 787,83
  • RAT - Risco Ambiental do Trabalho (1%): R$ 39,39
  • FGTS (8%): R$ 315,13
  • Férias 1/12: R$ 328,26
  • Auxílio Transporte: R$ 220,00
  • Auxílio Alimentação: R$ 440,00
  • Adicional Noturno (20%): R$ 787,83
  • Periculosidade (30%): R$ 1.181,75
  • Insalubridade (20%): R$ 288,00
  • Plano de Saúde: R$ 300,00
  • 1/3 de Férias: R$ 109,42
  • 13º Salário: R$ 328,26
  • FGTS sobre Férias: R$ 26,26
  • FGTS sobre 1/3 de Férias: R$ 8,75
  • FGTS sobre 13º: R$ 26,26
  • Aviso Prévio: R$ 328,26
  • FGTS sobre Aviso Prévio: R$ 26,26
  • Multa Rescisória FGTS: R$ 328,26

Os valores referem-se somente a uma simulação de gastos mensais proporcionais e médios do mercado de trabalho. Alguns benefícios não são pagos ao mesmo tempo. Procure seu contador para maiores detalhes.

Fique por dentro dos seus direitos trabalhistas

Gostou da pesquisa e deseja utilizá-la?

Toda essa pesquisa salarial para Cirurgião Dentista - Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais pode ser utilizada para fins acadêmicos, empresariais estratégicos e matérias em portais, sites, blogs e redes sociais desde que seja citada a fonte com um link para o site Salario.com.br.

Ainda tem dúvidas sobre a origem dos dados salariais do Salario.com.br? Leia aqui e veja também onde os dados do Salario.com.br estão sendo utilizados.

Salário e mercado de trabalho para Cirurgião Dentista – Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais