CBO 2394-10 - Orientador educacional - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos programadores, avaliadores e orientadores de ensino

O profissional no cargo de Orientador educacional CBO 2394-10 Planeja, sistematiza e coordena ações de orientação educacional e profissional em instituições de ensino, acompanhando o desenvolvimento individual dos alunos, em seus aspectos cognitivos, afetivos e sociais, tendo em vista a formação integral para o exercício da cidadania Promove ações coletivas e individuais de aconselhamento e orientação para pais e alunos, atuando com docentes e equipe escolar.

Identifica necessidades educacionais específicas, implementa ações e desenvolve projetos de orientação, análise de desempenho e de práticas educacionais, orientação vocacional e de relacionamentos interpessoais, resolução de conflitos e de elaboração de proposta pedagógica Organiza e elabora documentos administrativos, pedagógicos e de acompanhamento dos alunos Atua de acordo com a legislação, seguindo princípios de qualidade, saúde e segurança no trabalho e preservação ambiental.

CBO 2394-10 é o Código Brasileiro da Ocupação de programadores, avaliadores e orientadores de ensino que pertence ao grupo dos profissionais do ensino, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Orientador educacional, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Programadores, avaliadores e orientadores de ensino CBO 2394-10 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 2394-10

  • Profissionais das ciências e das artes.
    • Programadores, avaliadores e orientadores de ensino.
      • Profissionais do ensino.

O que faz um Orientador educacional

O Orientador educacional CBO 2394-10 planeja e acompanha o desenvolvimento individual dos alunos, em seus aspectos cognitivos, afetivos e sociais, tendo em vista a formação integral para o exercício da cidadania Define estratégias para o processo de orientação, elaborando instrumentos para verificação do desempenho e da progressão dos alunos, dos resultados avaliativos, da eficácia dos processos e dos níveis de satisfação de educandos e familiares.

Implementa as etapas do processo de orientação educacional, analisando dados dos alunos, em seus aspectos cognitivos, afetivos e sociais, aplicando metodologias e procedimentos específicos para essa ação, tendo em vista a formação integral e permanente do educando, preparando-o para o pleno exercício de sua cidadania e ajudando-o a dimensionar seu espaço dentro da escola e no mundo.

Acompanha o aluno em suas necessidades específicas, realiza orientação vocacional, propõe estratégias para suprir dificuldades e para o estudo planejado Promove momentos de reflexão sobre valores, atitudes, emoções e sentimentos, por meio de estratégias individuais e coletivas.

Promove ações coletivas de orientação para pais e alunos, atuando em parceria com docentes e com a equipe escolar, considerando a necessidade de implementação de ações educacionais específicas Identifica elementos intervenientes no desenvolvimento do processo de ensino e de aprendizagem, que impactam o desempenho dos alunos, propondo soluções conjuntas com coordenadores pedagógicos e docentes.

Implementa ações e projetos de orientação educacional, em conjunto com equipe multidisciplinar de apoio ao ensino, no que se refere à análise de desempenho, às práticas didático-pedagógicas, ao currículo, à identificação de potencialidades e vocação dos alunos, ao relacionamento com a família e a comunidade, à mediação de conflitos.

Participa da elaboração do projeto pedagógico, analisando as propostas e sugerindo adequações nos processos de ensino e aprendizagem, nas práticas de avaliação, no regimento escolar Participa de estudos e discussões sobre as práticas didático-pedagógicas definidas pela escola, referentes ao currículo e metodologias de ensino, considerando sequência dos conteúdos, integração entre as áreas do conhecimento, interdisciplinaridade, contextualização, elaboração de projetos, proposição de situações-problema, tendo em vista o conceito de aprendizagem significativa.

Verifica o cumprimento da legislação educacional, do projeto pedagógico, de políticas públicas.

Administra recursos de trabalho, zelando pela preservação e condições de utilização Prospecta, seleciona, elabora e especifica materiais e recursos de trabalho Administra conflitos disciplinares e interpessoais, intercede e aplica medidas de acordo com o regimento escolar.

Identifica fatores intervenientes no processo de ensino e aprendizagem e propõe soluções para problemas detectados Implementa medidas para viabilizar o trabalho pedagógico integrado, viabilizando espaços de participação e interação da equipe Pode propor projetos para desenvolvimento de competências socioemocionais, para realização de projetos sociais, para discussão de temas em destaque.

Participa da elaboração do projeto pedagógico, levantando dados educacionais, fornecendo subsídios teóricos, considerando o contexto social, político, tecnológico e cultural Propõe ações para formação contínua dos profissionais que atuam no processo de ensino e aprendizagem, organizando grupos de estudos, pesquisando metodologias, práticas educativas e avanços científicos em diferentes áreas.

Comunica-se com objetividade e assertividade, elabora textos e documentação educacional e administrativa, como relatórios, pareceres, registros de experiências pedagógicas e de informações dos alunos Pode publicar livros, artigos e notas técnicas e realizar entrevistas Atua de acordo com a legislação vigente, com princípios de qualidade, de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

.

Funções do cargo

O funcionário CBO 2394-10 deve comunicar-se, promover a formação contínua dos profissionais, coordenar a - re construção do projeto pedagógico/instrucional, implementar execução do projeto pedagógico/instrucional, viabilizar trabalho coletivo, avaliar desenvolvimento do projeto pedagógico/instrucional, demonstrar competências pessoais.

Condições de trabalho dessas profissões

Programadores, avaliadores e orientadores de ensino atuam em atividades de ensino nas esferas públicas e privadas. São estatutários ou empregados com carteira assinada, trabalham tanto individualmente como em equipe interdisciplinar, com supervisão ocasional, em ambientes fechados e em horários diurno e noturno. Em algumas atividades podem trabalhar sob pressão, levando-os à situação de estresse.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 2394-10

O exercício dessas ocupações requer curso superior na área de educação ou áreas correlatas. O desempenho pleno das atividades ocorre após três ou quatro anos de exercício profissional.

Atividades exercidas por um Orientador educacional CBO 2394-10

Um Orientador educacional (ou sinônimo) deve avaliar instituição escolar, caracterizar perfil dos alunos, emitir pareceres, demonstrar capacidade de comunicação verbal e escrita, observar processo de trabalho no contexto escolar, realizar entrevistas, organizar encontros, congressos e seminários, elaborar textos de orientação, compreender o contexto, orientar atividades interdisciplinares/transdisciplinares, promover trocas de experiências, equalizar informações, organizar grupos de estudos, saber ouvir, criar espaços de participação/interação, trabalhar em equipe, administrar demanda por vagas, promover cursos, oficinas e orientação técnica, selecionar bibliografia, organizar os espaços e os mecanismos de participação/interação, respeitar as diversidades, construir sistema de avaliação, divulgar resultados de avaliação, selecionar referencial teórico-científico, participar de fóruns acadêmicos, políticos e culturais, estabelecer sintonia entre a política educacional do país e o projeto pedagógico da escola, acompanhar trajetória escolar do aluno, acompanhar produção dos alunos, assessorar trabalho docente, pesquisar práticas educativas, organizar reuniões com equipes de trabalho, articular ação conjunta da escola com as instituições de proteção a criança e ao adolescente, demonstrar capacidade de observação, elaborar relatórios, avaliar implementação de projetos educacionais, construir instrumentos de avaliação, administrar conflitos disciplinares entre professores e alunos, formar equipes de trabalho, avaliar processo de ensino e/ou de aprendizagem, pesquisar avanços de conhecimentos científicos em diferentes áreas, produzir material de apoio pedagógico, criar mecanismos de participação/interação, analisar desempenho das classes, levantar necessidades educacionais e sociais, administrar conflitos, estruturar os tempos pedagógicos, fiscalizar cumprimento da legislação e do projeto pedagógico, intervir na aplicação de medidas disciplinares, criar/recriar normas de convivência e procedimentos de trabalho coletivo, demonstrar pró-atividade, participar de cursos, seminários e congressos, traçar metas educacionais, registrar a produção do conhecimento sobre a prática educacional, observar desempenho das classes, fornecer subsídios para reflexão das mudanças sociais, políticas, tecnológicas e culturais, articular ação da escola com outras instituições, coletar propostas de coordenação, supervisão e orientação, demonstrar flexibilidade, planejar reuniões com equipes de trabalho, participar da elaboração e reelaboração de regimentos escolares, dimensionar os problemas, traçar objetivos educacionais, analisar execução do plano de ensino e outros regimes escolares, demonstrar criatividade, atuar em conselhos de classe e de escola, divulgar deliberações, buscar assessoria para viabilizar o projeto pedagógico/instrucional, detectar problemas educacionais, verificar cumprimento das metas, saber integrar as informações, administrar tempo, contribuir para que as decisões expressem o coletivo da equipe pedagógica e multiprofissional, publicar experiências pedagógicas, sistematizar registros administrativos e pedagógicos, propor mudanças no projeto pedagógico, levantar recursos materiais, humanos e financeiros, acompanhar desenvolvimento do trabalho docente/autor/tutor, planejar ações de operacionalização, divulgar experiências pedagógicas, avaliar desempenho profissional dos educadores, avaliar desempenho das classes/turmas, fornecer subsídios teóricos, estimular participação dos diferentes sujeitos, contextualizar historicamente a escola, coordenar projetos e atividades de recuperação de aprendizagem, averiguar consonância da concepção de avaliação com os princípios do projeto pedagógico, participar da avaliação proposta pela instituição, propor soluções para problemas educacionais detectados.

Cargos e salários CBO 2394-10 - Programadores, avaliadores e orientadores de ensino

Salário Orientador Educacional

Orientador Educacional: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Auxiliar de Orientação Educacional

Auxiliar de Orientação Educacional: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Auxiliar de Orientação Educacional CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador de Disciplina e Área de Estudo

Orientador de Disciplina e Área de Estudo: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Orientador de Disciplina e Área de Estudo CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador de Ensino

Orientador de Ensino: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Orientador de Ensino CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Escolar

Orientador Escolar: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Orientador Escolar CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Profissional

Orientador Profissional: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Orientador Profissional CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Vocacional e Profissional

Orientador Vocacional e Profissional: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Orientador Vocacional e Profissional CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Professor de Orientação Educacional

Professor de Orientação Educacional: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Professor de Orientação Educacional CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Técnico de Orientação Profissional

Técnico de Orientação Profissional: Brasil

  • 34.068
  • Brasil
  • 2.729 - 6.332
  • 37h
O profissional no cargo de Técnico de Orientação Profissional CBO 2394-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.729 e 6.332 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 34.068 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Rio de Janeiro

Orientador Educacional: Rio de Janeiro, RJ

  • 669
  • Rio de Janeiro, RJ
  • 3.405 - 7.449
  • 38h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Rio de Janeiro - RJ, ganha entre 3.405 e 7.449 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 669 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional

Orientador Educacional: Rio Grande do Sul

  • 633
  • Rio Grande do Sul
  • 2.738 - 5.975
  • 36h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Rio Grande do Sul, ganha entre 2.738 e 5.975 para uma jornada de trabalho média de 36h semanais de acordo com dados salariais de 633 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Londrina

Orientador Educacional: Londrina, PR

  • 299
  • Londrina, PR
  • 2.445 - 3.775
  • 31h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Londrina - PR, ganha entre 2.445 e 3.775 para uma jornada de trabalho média de 31h semanais de acordo com dados salariais de 299 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Fortaleza

Orientador Educacional: Fortaleza, CE

  • 369
  • Fortaleza, CE
  • 2.242 - 4.937
  • 41h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Fortaleza - CE, ganha entre 2.242 e 4.937 para uma jornada de trabalho média de 41h semanais de acordo com dados salariais de 369 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Teresina

Orientador Educacional: Teresina, PI

  • 461
  • Teresina, PI
  • 1.760 - 3.094
  • 42h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Teresina - PI, ganha entre 1.760 e 3.094 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 461 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Recife

Orientador Educacional: Recife, PE

  • 199
  • Recife, PE
  • 2.306 - 4.381
  • 41h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Recife - PE, ganha entre 2.306 e 4.381 para uma jornada de trabalho média de 41h semanais de acordo com dados salariais de 199 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional

Orientador Educacional: Rio de Janeiro

  • 1.530
  • Rio de Janeiro
  • 2.657 - 5.864
  • 36h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Rio de Janeiro, ganha entre 2.657 e 5.864 para uma jornada de trabalho média de 36h semanais de acordo com dados salariais de 1.530 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Campinas

Orientador Educacional: Campinas, SP

  • 213
  • Campinas, SP
  • 3.383 - 7.291
  • 40h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Campinas - SP, ganha entre 3.383 e 7.291 para uma jornada de trabalho média de 40h semanais de acordo com dados salariais de 213 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.
Salário Orientador Educacional Franca

Orientador Educacional: Franca, SP

  • 241
  • Franca, SP
  • 2.507 - 4.155
  • 42h
O profissional no cargo de Orientador Educacional CBO 2394-10 trabalhando em Franca - SP, ganha entre 2.507 e 4.155 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 241 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2394-10.