CBO 8481-15 - Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 8481-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores artesanais na conservação de alimentos que pertence ao grupo dos trabalhadores artesanais na agroindústria, na indústria de alimentos e do fumo, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos CBO 8481-15 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 8481-15

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais.
    • Trabalhadores da fabricação de alimentos, bebidas e fumo.
      • Trabalhadores artesanais na agroindústria, na indústria de alimentos e do fumo.
        • Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos.

Descrição dos cargos da categoria Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos

Os Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos CBO 8481-15 preparam local de trabalho para processamento de alimentos, inspecionando ambiente, organizando e higienizando equipamentos e utensílios. Preparam máquinas para processamento de alimentos, selecionando, acoplando e desacoplando peças e utensílios, testando e regulando máquinas. Preparam fornos, matérias-primas e ingredientes. Processam produtos alimentícios, misturando, salgando e lavando carnes, embutindo e cozendo salsichas. Embalam e armazenam produtos alimentícios. Trabalham em conformidade a normas e procedimentos técnicos e de qualidade, segurança, higiene, saúde e preservação ambiental.

Condições de trabalho

Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos atuam na fabricação de produtos alimentares como empregados com carteira assinada. O trabalho é individual, sob supervisão ocasional, em ambiente fechado e no horário diurno. Podem desenvolver sua atividades por conta própria ou como autônomos (como ocorre com o salsicheiro) com total autonomia em relação às condições de trabalho.

Exigências do mercado de trabalho

Para o exercício dessas ocupações requer-se a quarta série do ensino fundamental e prática profissional no posto de trabalho. O pleno desempenho das atividades ocorre com aproximadamente um ano de experiência profissional.

Funções dos Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos CBO 8481-15

Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos devem:

  • embalar produto (salsichas, linguiças, carnes e pescados);
  • preparar as máquinas para processamento de alimentos;
  • processar produto;
  • preparar matéria-prima e ingredientes;
  • armazenar produto;
  • preparar o local de trabalho para processamento de alimentos;
  • demonstrar competências pessoais;
  • Atividades dos cargos CBO 8481-15

    Entre as principais atribuições dos Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos CBO 8481-15 estão as de:

    • manter salsichas, linguiças, carnes e pescados em temperatura ambiente;
    • organizar os utensílios;
    • atuar em equipe;
    • higienizar o ambiente;
    • demonstrar dinamismo;
    • regular as máquinas;
    • verificar aspectos físicos e sensoriais;
    • misturar carnes e ingredientes;
    • inspecionar o ambiente;
    • registrar irregularidades;
    • pesar salsichas, linguiças, carnes e pescados;
    • demonstrar senso crítico;
    • colocar data de fabricação, validade e lote;
    • acoplar peças e utensílios;
    • limpar carnes e pescados;
    • demonstrar iniciativa;
    • selecionar peças e utensílios;
    • pesar carnes, pescados e ingredientes;
    • verificar data de validade;
    • solicitar ação corretiva e preventiva;
    • requisitar carnes, pescados e ingredientes;
    • agir com ética;
    • acionar as máquinas;
    • demonstrar criatividade;
    • desidratar pescados;
    • demonstrar flexibilidade às mudanças;
    • desacoplar peças e utensílios;
    • realizar controle de qualidade de salsichas, linguiças, carnes e pescados;
    • requisitar material para embalagem;
    • colocar salsichas, linguiças, carnes e pescados na câmara fria;
    • salgar carnes e pescados;
    • definir carnes, pescados e ingredientes;
    • fechar a vácuo salsichas, linguiças, carnes e pescados;
    • lavar carnes, pescados e embutidos;
    • grampear salsichas, linguiças, carnes e pescados;
    • colocar salsichas, linguiças, carnes e pescados em cabides;
    • ensacar salsichas, linguiças, carnes e pescados;
    • testar as máquinas;
    • encaixotar salsichas, linguiças, carnes e pescados;
    • higienizar equipamentos e utensílios;
    • receber carnes, pescados e ingredientes;
    • colocar na estufa ou forno;
    • empilhar salsichas, linguiças, carnes e pescados;

    Cargos e salários CBO 8481-15 - Trabalhadores artesanais na conservação de alimentos

    Salário Cozedor de Salsichas

    Cozedor de Salsichas: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Cozedor de Salsichas CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Encarregado de Frios

    Encarregado de Frios: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Encarregado de Frios CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Enchedor de Lingüiças

    Enchedor de Lingüiças: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Enchedor de Lingüiças CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Enchedor de Salame

    Enchedor de Salame: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Enchedor de Salame CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Fiambreiro na Conservação de Alimentos

    Fiambreiro na Conservação de Alimentos: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Fiambreiro na Conservação de Alimentos CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Lingüiceiros na Conservação de Alimentos

    Lingüiceiros na Conservação de Alimentos: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Lingüiceiros na Conservação de Alimentos CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salameiro na Conservação de Alimentos

    Salameiro na Conservação de Alimentos: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Salameiro na Conservação de Alimentos CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salsicheiro (fabricação de Lingüiça

    Salsicheiro (fabricação de Lingüiça: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Salsicheiro (fabricação de Lingüiça CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares)

    Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares): Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares) CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salsicheiros na Conservação de Alimentos

    Salsicheiros na Conservação de Alimentos: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Salsicheiros na Conservação de Alimentos CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Auxiliar de Salsicheiro

    Auxiliar de Salsicheiro: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Auxiliar de Salsicheiro CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Cortador de Salsichas

    Cortador de Salsichas: Brasil

    • 5.200
    • Brasil
    • 1.494 - 2.658
    • 44h
    O profissional no cargo de Cortador de Salsichas CBO 8481-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.494 e 2.658 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 5.200 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares) São Paulo

    Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares): São Paulo, SP

    • 94
    • São Paulo, SP
    • 1.862 - 3.173
    • 44h
    O profissional no cargo de Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares) CBO 8481-15 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.862 e 3.173 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 94 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares)

    Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares): Minas Gerais

    • 549
    • Minas Gerais
    • 1.297 - 1.361
    • 44h
    O profissional no cargo de Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares) CBO 8481-15 trabalhando em Minas Gerais, ganha entre 1.297 e 1.361 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 549 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares)

    Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares): Santa Catarina

    • 827
    • Santa Catarina
    • 1.517 - 1.593
    • 44h
    O profissional no cargo de Salsicheiro (Fabricação de Linguiça Salsicha e Produtos Similares) CBO 8481-15 trabalhando em Santa Catarina, ganha entre 1.517 e 1.593 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 827 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Auxiliar de Salsicheiro São Paulo

    Auxiliar de Salsicheiro: São Paulo, SP

    • 94
    • São Paulo, SP
    • 1.862 - 3.173
    • 44h
    O profissional no cargo de Auxiliar de Salsicheiro CBO 8481-15 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.862 e 3.173 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 94 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Cortador de Salsichas Contagem

    Cortador de Salsichas: Contagem, MG

    • 129
    • Contagem, MG
    • 1.243 - 1.827
    • 44h
    O profissional no cargo de Cortador de Salsichas CBO 8481-15 trabalhando em Contagem - MG, ganha entre 1.243 e 1.827 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 129 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.
    Salário Encarregado de Frios

    Encarregado de Frios: São Paulo

    • 897
    • São Paulo
    • 1.562 - 1.640
    • 44h
    O profissional no cargo de Encarregado de Frios CBO 8481-15 trabalhando em São Paulo, ganha entre 1.562 e 1.640 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 897 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8481-15.