CBO 5143-30 - Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 5143-30 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações que pertence ao grupo dos trabalhadores nos serviços de administração, conservação e manutenção de edifícios e logradouros, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações CBO 5143-30 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 5143-30

  • Trabalhadores dos serviços, vendedores do comércio em lojas e mercados.
    • Trabalhadores dos serviços.
      • Trabalhadores nos serviços de administração, conservação e manutenção de edifícios e logradouros.
        • Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações.

Descrição dos cargos da categoria Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações

Os Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações CBO 5143-30 executam serviços de manutenção elétrica, mecânica, hidráulica, carpintaria e alvenaria, substituindo, trocando, limpando, reparando e instalando peças, componentes e equipamentos. Conservam vidros e fachadas, limpam recintos e acessórios e tratam de piscinas. Trabalham seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e proteção ao meio ambiente.

Condições de trabalho

Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações trabalham em companhias e órgãos de limpeza pública, em condomínios de edifícios, em empresas comerciais e industriais, como assalariados e com carteira assinada, as atividades são realizadas em recintos fechados ou a céu aberto. Trabalham individualmente ou em equipe, com ou sem supervisão permanente. O horário de trabalho é variado, ou em regime de rodízio de turnos. Algumas das atividades podem ser exercidas em grandes alturas,ou em posições desconfortáveis por longos períodos, com exposição a ruído intenso e a poluição dos veículos.

Exigências do mercado de trabalho

Para o exercício das ocupações requer-se ensino fundamental completo ou prática profissional no posto de trabalho.

Funções dos Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações CBO 5143-30

Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações devem:

  • executar manutenção hidráulica;
  • trabalhar com segurança;
  • limpar recintos e acessórios;
  • executar serviços de manutenção elétrica e mecânica;
  • preparar trabalho;
  • demonstrar competências pessoais;
  • tratar piscinas;
  • realizar manutenção de carpintaria e alvenaria;
  • Atividades dos cargos CBO 5143-30

    Entre as principais atribuições dos Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações CBO 5143-30 estão as de:

    • trocar equipamentos de iluminação;
    • avaliar tipo de superfície a ser trabalhada;
    • repor cerâmica (azulejos, pastilhas e pisos);
    • trocar filtros;
    • contornar situações adversas;
    • verificar qualidade de produtos químicos e de limpeza;
    • trabalhar em equipe;
    • demonstra resistência física;
    • demonstrar agilidade;
    • classificar equipamentos e tubulação;
    • solicitar equipamentos e materiais;
    • limpar filtros;
    • demonstrar equilíbrio físico;
    • preparar produtos;
    • esfregar borda, paredes e fundo da piscina;
    • avaliar turbidez e cor da água;
    • demonstrar capacidade de trabalhar em alturas;
    • montar balancim;
    • reconhecer limitações pessoais;
    • submeter-se a cursos de capacitação e qualificação;
    • adicionar produtos químicos a água;
    • avaliar grau de sujidade;
    • medir ph, cloro, dureza e alcalinidade da água;
    • diluir produtos (químicos e de limpeza);
    • trocar areia do filtro;
    • demonstrar controle emocional;
    • selecionar produtos e material;
    • utilizar epi;
    • demonstrar destreza manual;
    • isolar área para manutenção e limpeza;
    • montar cadeirinha;
    • varrer pisos;
    • relatar avarias nas instalações;
    • consertar instalação hidráulica;
    • cobrir piscina;
    • medir temperatura da água;
    • avaliar tipo de sujeira;
    • demonstrar prudência;
    • demonstrar iniciativa;
    • registrar parâmetros de qualidade da água;
    • verificar nível da água;
    • inspecionar local a ser trabalhado;
    • verificar funcionamento de instalação hidráulica;
    • aspirar fundo da piscina;
    • usar uniforme;
    • limpar equipamentos hidráulicos;
    • montar andaime;
    • verificar validade de produtos químicos e de limpeza;
    • operar equipamentos;
    • demonstra paciência;
    • remover sujeira;
    • controlar o estoque de material;
    • verificar funcionamento de equipamentos e instalações elétricas e de iluminação;
    • peneirar água da piscina;
    • dosar produtos químicos;
    • solicitar compra de produtos químicos e de limpeza;

    Cargos e salários CBO 5143-30 - Trabalhadores nos serviços de manutenção de edificações

    Salário Limpador de Piscinas

    Limpador de Piscinas: Brasil

    • 3.692
    • Brasil
    • 1.357 - 2.255
    • 43h
    O profissional no cargo de Limpador de Piscinas CBO 5143-30 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.357 e 2.255 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 3.692 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Piscineiro

    Piscineiro: Brasil

    • 3.692
    • Brasil
    • 1.357 - 2.255
    • 43h
    O profissional no cargo de Piscineiro CBO 5143-30 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.357 e 2.255 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 3.692 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Limpador de Piscinas Goiânia

    Limpador de Piscinas: Goiânia, GO

    • 43
    • Goiânia, GO
    • 1.348 - 2.120
    • 43h
    O profissional no cargo de Limpador de Piscinas CBO 5143-30 trabalhando em Goiânia - GO, ganha entre 1.348 e 2.120 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 43 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Limpador de Piscinas São Paulo

    Limpador de Piscinas: São Paulo, SP

    • 138
    • São Paulo, SP
    • 1.501 - 2.400
    • 43h
    O profissional no cargo de Limpador de Piscinas CBO 5143-30 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.501 e 2.400 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 138 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Limpador de Piscinas

    Limpador de Piscinas: São Paulo

    • 914
    • São Paulo
    • 1.46 - 1.532
    • 43h
    O profissional no cargo de Limpador de Piscinas CBO 5143-30 trabalhando em São Paulo, ganha entre 1.46 e 1.532 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 914 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Limpador de Piscinas Rio de Janeiro

    Limpador de Piscinas: Rio de Janeiro, RJ

    • 205
    • Rio de Janeiro, RJ
    • 1.37 - 1.935
    • 42h
    O profissional no cargo de Limpador de Piscinas CBO 5143-30 trabalhando em Rio de Janeiro - RJ, ganha entre 1.37 e 1.935 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 205 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Piscineiro Rio de Janeiro

    Piscineiro: Rio de Janeiro, RJ

    • 205
    • Rio de Janeiro, RJ
    • 1.37 - 1.935
    • 42h
    O profissional no cargo de Piscineiro CBO 5143-30 trabalhando em Rio de Janeiro - RJ, ganha entre 1.37 e 1.935 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 205 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Piscineiro

    Piscineiro: São Paulo

    • 914
    • São Paulo
    • 1.46 - 1.532
    • 43h
    O profissional no cargo de Piscineiro CBO 5143-30 trabalhando em São Paulo, ganha entre 1.46 e 1.532 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 914 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.
    Salário Piscineiro São Paulo

    Piscineiro: São Paulo, SP

    • 138
    • São Paulo, SP
    • 1.501 - 2.400
    • 43h
    O profissional no cargo de Piscineiro CBO 5143-30 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.501 e 2.400 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 138 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5143-30.