CBO 5141-15 - Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 5141-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores nos serviços de administração de edifícios que pertence ao grupo dos trabalhadores nos serviços de administração, conservação e manutenção de edifícios e logradouros, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios CBO 5141-15 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 5141-15

  • Trabalhadores dos serviços, vendedores do comércio em lojas e mercados.
    • Trabalhadores dos serviços.
      • Trabalhadores nos serviços de administração, conservação e manutenção de edifícios e logradouros.
        • Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios.

Descrição dos cargos da categoria Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios

Os Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios CBO 5141-15 zelam pela segurança das pessoas e do patrimônio de edifícios de apartamentos, edifícios comerciais, igrejas e outros. Atendem e controlam a movimentação de pessoas e veículos no estacionamento, recebem objetos, mercadorias, materiais, equipamentos, conduzem o elevador, realizam pequenos reparos. Prestam assistência aos religiosos, ornamentam a igreja e preparam vestes litúrgicas.

Condições de trabalho

Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios são trabalhadores assalariados, com carteira assinada. Trabalham em ambiente fechado e a céu aberto. Organizam-se em equipe e são supervisionados permanentemente ou ocasionalmente, dependendo do serviço executado. Trabalham em horários diurnos, noturnos e em regime de rodízio de turno.

Exigências do mercado de trabalho

O exercício dessas ocupações requer ensino fundamental. Os profissionais aprendem a profissão no próprio emprego.

Funções dos Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios CBO 5141-15

Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios devem:

  • prestar assistência aos religiosos;
  • zelar pela segurança das pessoas e do patrimônio;
  • ornamentar a igreja;
  • comunicar-se;
  • preparar vestes litúrgicas;
  • demonstrar competências pessoais;
  • atender pessoas;
  • administrar serviços de zeladoria;
  • Atividades dos cargos CBO 5141-15

    Entre as principais atribuições dos Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios CBO 5141-15 estão as de:

    • controlar material litúrgico;
    • lidar com o público;
    • trocar velas e toalhas nos altares;
    • tratar as pessoas sem discriminação;
    • adaptar-se à clientela variada;
    • verificar fechamento de portas e janelas;
    • operar aparelhos de comunicação;
    • demonstrar espírito de equipe;
    • intervir com discrição;
    • preparar o material litúrgico;
    • guardar as vestes;
    • solicitar reparos na igreja;
    • selecionar as vestes de acordo com o calendário;
    • manter-se atualizado;
    • prevenir incêndios;
    • lavar as vestes;
    • demonstrar educação;
    • dirigir autos;
    • dar provas de destreza manual;
    • inspecionar as condições das vestes;
    • transmitir recados e avisos;
    • selecionar flores para ornamentação;
    • observar movimentação de pessoas dentro da igreja;
    • relatar avarias nas instalações;
    • expressar-se com clareza;
    • aplicar normas de combate a incêndios;
    • testar o equipamento de som;
    • anunciar o início das celebrações;
    • manter postura;
    • demonstrar controle emocional;
    • identificar pessoas;
    • acionar polícia e corpo de bombeiros;
    • demonstrar desinibição;
    • executar consertos nas vestes;
    • supervisionar o trabalho da equipe de apoio nas cerimônias;
    • conter tumultos;
    • demonstrar gentileza;
    • passar as vestes;
    • atender às solicitações dos sacerdotes e ministros;
    • acompanhar a movimentação de pessoas;
    • recolher o material litúrgico após as celebrações;
    • colocar flores nos altares;
    • prestar primeiros socorros;
    • limpar bancos, altares e espaço interno da igreja;
    • dar provas de atenção;
    • demonstrar asseio;
    • instalar luminosos natalinos;
    • dar provas de honestidade;
    • acender e apagar lâmpadas;
    • dispor o material litúrgico para celebração;
    • manter estoque de vinhos, velas, hóstias e materiais de limpeza;
    • demonstrar senso de responsabilidade;
    • agir de forma prestativa;
    • selecionar as leituras conforme calendário;
    • organizar-se;
    • solicitar polícia, corpo de bombeiros e atendimento hospitalar;
    • advertir pessoas;

    Cargos e salários CBO 5141-15 - Trabalhadores nos serviços de administração de edifícios

    Salário Sacristão

    Sacristão: Brasil

    • 533
    • Brasil
    • 1.302 - 2.219
    • 41h
    O profissional no cargo de Sacristão CBO 5141-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.302 e 2.219 para uma jornada de trabalho média de 41h semanais de acordo com dados salariais de 533 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5141-15.
    Salário Fiscal de Capela

    Fiscal de Capela: Brasil

    • 533
    • Brasil
    • 1.302 - 2.219
    • 41h
    O profissional no cargo de Fiscal de Capela CBO 5141-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.302 e 2.219 para uma jornada de trabalho média de 41h semanais de acordo com dados salariais de 533 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5141-15.