CBO 4211-10 - Bilheteiro de transportes coletivos - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos caixas e bilheteiros (exceto caixa de banco)

O profissional no cargo de Bilheteiro de transportes coletivos CBO 4211-10 executa rotinas operacionais relacionadas à venda de passagens em guichês, nos serviços de transporte coletivo Presta informações aos usuários e vende passagens de transporte urbano e interurbano.

Controla recursos financeiros, abrindo e fechando o caixa, registrando e conferindo numerário ou outra forma de pagamento Preenche relatórios administrativos e arquiva documentos Cumpre legislação, procedimentos da empresa e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

CBO 4211-10 é o Código Brasileiro da Ocupação de caixas e bilheteiros (exceto caixa de banco) que pertence ao grupo dos trabalhadores de atendimento ao público, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Bilheteiro de transportes coletivos, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Caixas e bilheteiros (exceto caixa de banco) CBO 4211-10 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 4211-10

  • Trabalhadores de serviços administrativos.
    • Caixas e bilheteiros (exceto caixa de banco).
      • Trabalhadores de atendimento ao público.

O que faz um Bilheteiro de transportes coletivos

O Bilheteiro de transportes coletivos CBO 4211-10 atende usuários de transportes coletivos, prestando informações sobre documentos e normas para embarque e sobre itinerários, horários, preços, locais de parada e duração de viagens Afixa tabela com informações sobre serviços em locais visíveis.

Propicia atendimento preferencial a gestantes, a idosos, a pessoas com deficiência e a outras pessoas em condições previstas em legislação.

Vende passagens de transporte coletivo urbano e interurbano em guichês, informando ao usuário o valor a ser pago e recebendo numerário ou outra forma de pagamento Pode solicitar, ao usuário, a apresentação de documento para comprovar direito a desconto ou a outro benefício.

Controla recursos financeiros, abrindo o caixa, registrando numerário ou outra forma de pagamento, conferindo o valor, examinando a autenticidade de cédulas recebidas e fechando o caixa Pode ressarcir o cliente por danos e prejuízos.

Remete numerário à tesouraria.

Controla fluxo de caixa Presta apoio na solicitação de atendimento, em caso de acidente ou emergência nos serviços de transporte.

Preenche formulários e relatórios administrativos.

Controla estoque de materiais necessários à execução do trabalho Organiza e arquiva documentos e cupons fiscais.

Funções do cargo

O funcionário CBO 4211-10 deve comunicar-se, receber valores de vendas de produtos e serviços, controlar numerários e valores, demonstrar competências pessoais, realizar atividades técnico-administrativas, prestar informações.

Condições de trabalho dessas profissões

Caixas e bilheteiros (exceto caixa de banco) atuam em diversas áreas, tais como correio e telecomunicações, comércio varejista, transportes terrestres e aéreo e atividades recreativas, culturais e desportivas. São empregados com carteira assinada, trabalham de forma individual com supervisão permanente, ou ocasional como é o caso do emissor de passagem, e em ambientes fechados. Seus horários são diurno para o atendente comercial e com revezamento de turnos para o restante. Podem trabalhar em locais subterrâneos, como é o caso do bilheteiro de transportes coletivos que trabalha no metrô. Eventualmente, os bilheteiros de transportes coletivos e os bilheteiros no serviço de diversão são expostos a ruído intenso. Podem estar sujeitos a estresse.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 4211-10

As ocupações dessa família requerem formação inicial equivalente ao ensino fundamental completo para o operador de caixa, ensino médio incompleto para o bilheteiro no serviço de diversão e ensino médio completo para os demais. É na prática, exercitando o trabalho, que o trabalhador completará sua formação. Em algumas ocupações é difícil encontrar um profissional com mais de cinco anos de experiência, como por exemplo, os bilheteiros no serviço de diversão, onde a mão de obra empregada é predominantemente de jovens em seu primeiro emprego o que implica em altas taxas de rotatividade.

Atividades exercidas por um Bilheteiro de transportes coletivos CBO 4211-10

Um Bilheteiro de transportes coletivos (ou sinônimo) deve consultar os procedimentos e normas da empresa, demonstrar conhecimentos de informática, ressarcir o cliente por danos e prejuízos, abrir o caixa, demonstrar responsabilidade, controlar fluxo de caixa, efetuar pedidos de materiais, manter-se atualizado, demonstrar honestidade, registrar entrada de produtos com valor de numerário, atender as necessidades dos clientes, registrar o preço da mercadoria e do serviço vendido, demonstrar empatia, efetuar o fechamento do caixa, preencher relatórios administrativos, demonstrar paciência, demonstrar agilidade, solicitar a apresentação de documento comprovando a idade do cliente, informar itinerários, sangrar valores do caixa, realizar pesquisa pré-venda, controlar estoque de materiais, informar o local e horário das paradas, manter sigilo profissional, ministrar cursos de treinamento e reciclagem no local de trabalho, efetuar sangria conforme limite, relacionar-se com urbanidade, demonstrar fluência verbal, verificar autenticidade das cédulas recebidas, demonstrar pontualidade, propiciar atendimento preferencial a gestantes, idosos e deficientes físicos, demonstrar assiduidade, informar ao cliente o valor a ser pago, realizar pesquisa pós-venda, orientar sobre regras e normas fixadas pela empresa, trabalhar em equipe, mostrar-se atencioso, registrar entrada de numerário, orientar clientes via telefone, informar preço de passagem, encaminhar os clientes aos setores competentes, informar o horário de atendimento ao público, informar horários de partida e chegada, afixar tabelas de preços, tarifas e prazos, demonstrar eficiência, informar documentação e normas para embarque, arquivar documentos e cupons fiscais, contar numerário, consultar código de defesa do consumidor, consultar tabela de preços, tarifas e prazos, organizar arquivos, efetuar troco, disponibilizar os produtos e serviços no guichê, anotar pedidos via telefone, participar de cursos de treinamento, solicitar atendimento em caso de acidente ou emergência, agir com ética.

Cargos e salários CBO 4211-10 - Caixas e bilheteiros (exceto caixa de banco)

Salário Agente Operacional de Estação

Agente Operacional de Estação: Brasil

  • 4.041
  • Brasil
  • 1.604 - 2.565
  • 43h
O profissional no cargo de Agente Operacional de Estação CBO 4211-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.604 e 2.565 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.041 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Bilheteiro de Transportes Coletivos

Bilheteiro de Transportes Coletivos: Brasil

  • 4.041
  • Brasil
  • 1.604 - 2.565
  • 43h
O profissional no cargo de Bilheteiro de Transportes Coletivos CBO 4211-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.604 e 2.565 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.041 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Bilheteiro de Transportes Coletivos Brasília

Bilheteiro de Transportes Coletivos: Brasília, DF

  • 37
  • Brasília, DF
  • 2.237 - 3.092
  • 43h
O profissional no cargo de Bilheteiro de Transportes Coletivos CBO 4211-10 trabalhando em Brasília - DF, ganha entre 2.237 e 3.092 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 37 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Bilheteiro de Transportes Coletivos São Paulo

Bilheteiro de Transportes Coletivos: São Paulo, SP

  • 401
  • São Paulo, SP
  • 1.636 - 2.368
  • 43h
O profissional no cargo de Bilheteiro de Transportes Coletivos CBO 4211-10 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.636 e 2.368 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 401 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Bilheteiro de Transportes Coletivos Rio de Janeiro

Bilheteiro de Transportes Coletivos: Rio de Janeiro, RJ

  • 649
  • Rio de Janeiro, RJ
  • 1.852 - 2.486
  • 43h
O profissional no cargo de Bilheteiro de Transportes Coletivos CBO 4211-10 trabalhando em Rio de Janeiro - RJ, ganha entre 1.852 e 2.486 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 649 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Agente Operacional de Estação Brasília

Agente Operacional de Estação: Brasília, DF

  • 37
  • Brasília, DF
  • 2.237 - 3.092
  • 43h
O profissional no cargo de Agente Operacional de Estação CBO 4211-10 trabalhando em Brasília - DF, ganha entre 2.237 e 3.092 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 37 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Agente Operacional de Estação Curitiba

Agente Operacional de Estação: Curitiba, PR

  • 42
  • Curitiba, PR
  • 1.909 - 2.504
  • 44h
O profissional no cargo de Agente Operacional de Estação CBO 4211-10 trabalhando em Curitiba - PR, ganha entre 1.909 e 2.504 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 42 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Agente Operacional de Estação Rio de Janeiro

Agente Operacional de Estação: Rio de Janeiro, RJ

  • 649
  • Rio de Janeiro, RJ
  • 1.852 - 2.486
  • 43h
O profissional no cargo de Agente Operacional de Estação CBO 4211-10 trabalhando em Rio de Janeiro - RJ, ganha entre 1.852 e 2.486 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 649 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.
Salário Agente Operacional de Estação São Paulo

Agente Operacional de Estação: São Paulo, SP

  • 401
  • São Paulo, SP
  • 1.636 - 2.368
  • 43h
O profissional no cargo de Agente Operacional de Estação CBO 4211-10 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.636 e 2.368 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 401 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 4211-10.