CBO 3182-15 - Desenhista técnico naval - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos desenhistas técnicos da mecânica

O profissional no cargo de Desenhista técnico naval CBO 3182-15 elabora desenhos técnicos navais de artefatos mecânicos de embarcações, coletando e interpretando dados de requisitos do projeto, de especificações técnicas, de materiais e de outros fatores, realizando cálculos, e utilizando programas computacionais de apoio e/ou instrumentos manuais e materiais de desenho Pode elaborar o desenho técnico a partir de informações da representação em três dimensões (3D) dos artefatos.

Planeja o trabalho, definindo cronograma e meios de execução do desenho Acompanha fabricação e montagem dos artefatos desenhados Pode elaborar desenhos técnicos navais para manuais de referência e publicações técnicas.

Cumpre legislação, normas técnicas, procedimentos de qualidade e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

CBO 3182-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de desenhistas técnicos da mecânica que pertence ao grupo dos técnicos de nível médio das ciências físicas, químicas, engenharia, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Desenhista técnico naval, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Desenhistas técnicos da mecânica CBO 3182-15 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 3182-15

  • Técnicos de nível médio.
    • Desenhistas técnicos da mecânica.
      • Técnicos de nível médio das ciências físicas, químicas, engenharia.

O que faz um Desenhista técnico naval

O Desenhista técnico naval CBO 3182-15 planeja o trabalho, levando em consideração o cronograma geral da área ou do projeto – ao qual se vinculam as atividades de elaboração do desenho técnico naval, estabelecendo as prioridades e estimando o tempo de execução do desenho Define os meios computacionais e/ou manuais a serem empregados nos trabalhos e elabora o cronograma específico de execução do desenho.

Coleta os dados necessários à elaboração do desenho técnico naval, estudando as características do projeto, identificando interfaces com áreas envolvidas no projeto, e levantando informações básicas e informações complementares junto às áreas de interface, a fim de atender aos requisitos de projeto em todas as etapas de elaboração do desenho.

Consulta tabelas, gráficos, normas técnicas e outras fontes Identifica o material – das peças ou dos conjuntos que integram os artefatos mecânicos de embarcações a serem desenhados – e identifica a aplicabilidade do projeto.

Identifica inovações tecnológicas na área naval e seus reflexos nos elementos de composição do desenho Elabora croquis, com o auxílio de instrumentos de medição e materiais de desenho, para fazer estudo prévio do desenho definitivo.

Elabora desenhos técnicos detalhados de estruturas, componentes, equipamentos, sistemas e outros artefatos mecânicos de embarcações, utilizando programas computacionais de apoio e/ou instrumentos manuais e materiais de desenho.

Utiliza programas do tipo CAD-Desenho Assistido por Computador (Computer Aided Design) e os recursos – de hardware e de software – associados a essas ferramentas Pode executar o desenho técnico naval a partir de informações da representação de artefatos mecânicos de embarcações em três dimensões (3D), utilizando ferramentas computacionais integradas de representação em 3D e de simulações.

Na execução do desenho, aplica normas para desenho técnico e realiza os cálculos necessários à execução do desenho, tais como cálculo das dimensões, das superfícies, do volume, do peso e do centro de gravidade de cada peça.

Pode utilizar recursos de software para auxílio ao cálculo Efetua cálculos para estabelecer relações entre as diferentes partes do artefato mecânico de embarcação desenhado, dimensionando os elementos parciais em escalas adequadas Executa a representação de todos os elementos do desenho com precisão técnica, clareza e nitidez.

Detalha desenho de conjunto e desenho de montagem Elabora lista de peças de conjunto Confere o desenho e submete o esboço elaborado à apreciação do autor do projeto, consultando-o sobre possíveis correções ou alterações, para efetuar os ajustes necessários.

Elabora o desenho definitivo, registrando comentários, instruções gerais e informações sobre materiais, processos e técnicas de fabricação e montagem Faz cópias do desenho, por meio de plotters, impressoras eletrônicas ou máquinas copiadoras de diferentes tecnologias.

Acompanha fabricação e montagem dos artefatos mecânicos de embarcações desenhados, assistindo o executante na fabricação e conferindo as peças, os conjuntos e a montagem em relação ao desenho Pode detectar erros, propor modos de corrigi-los e sugerir melhorias Elabora relatórios de acompanhamento dos trabalhos.

Pode alterar desenhos, em função de mudanças de projeto, adequação às normas ou outras demandas Pode elaborar desenhos para manuais de referência e publicações técnicas a fim de descrever a operação e a manutenção de artefatos mecânicos de embarcações Identifica os desenhos para arquivo.

Organiza os arquivos dos desenhos em substratos de papel ou similares e em meios eletrônicos Controla a distribuição de cópias dos desenhos Conserva o local de trabalho limpo e organizado.

Controla luminosidade do ambiente e verifica as condições ergonômicas Destina adequadamente os resíduos gerados Mantém equipamentos e instrumentos de trabalho em plenas condições de uso e funcionamento Zela pela segurança, atuando na prevenção de acidentes e utilizando equipamentos de proteção individual.

Funções do cargo

O funcionário CBO 3182-15 deve planejar o trabalho, produzir desenho, coletar dados do projeto, executar desenhos, utilizando meios manuais e eletrônicos, demonstrar competências pessoais, acompanhar o processo de execução e montagem.

Condições de trabalho dessas profissões

Desenhistas técnicos da mecânica esses trabalhadores atuam em empresas ligadas à fabricação de artigos de borracha e plástico e de produtos de metal (máquinas e equipamentos), metalurgia básica, fabricação e montagem de veículos automotores, reboques e carrocerias e de máquinas, aparelhos e materiais elétricos. São empregados com carteira e se organizam em equipes, com supervisão ocasional. Trabalham em ambientes fechados e em horários diurnos, podendo passar longos períodos em posições desconfortáveis e sob pressão.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 3182-15

Dos titulares da ocupação exige-se, para ingresso nas empresas, escolaridade mínima equivalente ao ensino médio incompleto, de um a dois anos de experiência anterior na função e curso básico de qualificação de mais de quatrocentas horas-aula.

Atividades exercidas por um Desenhista técnico naval CBO 3182-15

Um Desenhista técnico naval (ou sinônimo) deve organizar arquivos manuais e eletrônicos dos desenhos, atuar com espírito de iniciativa, atuar buscando desenvolvimento profissional, representar o desenho com clareza e nitidez, fazer identificação nos desenhos para arquivo, concentrar-se no trabalho, usar o sistema de desenho assistido por computador - cad, estimar o tempo de execução de desenho, assimilar informações e inovações, trabalhar em equipe, identificar condições de risco que comprometam a integridade física de pessoas e da empresa, elaborar relatórios, aplicar normas técnicas, consultar tabelas, gráficos e normas técnicas, assistir o executante no processo de fabricação, seguir normas de segurança e de preservação ambiental, interessar-se por novos conhecimentos, atuar com espírito de liderança, tomar decisões, mostrar visão espacial, controlar a distribuição das cópias dos desenhos, elaborar lista de peças de conjunto, usar ferramentas manuais de desenho, agir com responsabilidade, identificar o material da peça a ser desenhada, comunicar-se positivamente e com objetividade, calcular o peso e o centro de gravidade de cada peça, agir com criatividade, fazer leitura e interpretação de desenhos, conferir a montagem das peças em relação ao desenho, estabelecer prioridades, utilizar recursos de informática, detalhar desenho de conjunto e montagem, conferir a peça em relação ao desenho, identificar interfaces com áreas envolvidas no projeto, fazer cálculos necessários para execução de desenhos, agir com senso crítico, expressar-se tecnicamente com clareza, levantar informações técnicas com as áreas de interface, agir com autocontrole, trabalhar de forma organizada, fazer cópias por plotagem ou copiadora, revisar o desenho após liberação pelo responsável, modificando-o e corrigindo-o, identificar a aplicabilidade do projeto, definir os meios de execução do desenho, atender aos requisitos preestabelecidos, conferir desenhos, definir cronograma de execução, fazer croquis, com auxíio de instrumentos de medição, cumprir o cronograma geral, detectar erros, propor melhorias.

Cargos e salários CBO 3182-15 - Desenhistas técnicos da mecânica

Salário Desenhista Técnico Naval

Desenhista Técnico Naval: Brasil

  • 67
  • Brasil
  • 4.879 - 9.984
  • 40h
O profissional no cargo de Desenhista Técnico Naval CBO 3182-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.879 e 9.984 para uma jornada de trabalho média de 40h semanais de acordo com dados salariais de 67 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3182-15.