CBO 2527-05 - Analista de pcp (programação e controle da produção) - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos profissionais de planejamento, programação e controles logísticos

O profissional no cargo de Analista de pcp (programação e controle da produção) CBO 2527-05 planeja e realiza programação e controle da produção, analisando, processando e sintetizando dados e informações referentes à produção, aplicando conhecimentos dos métodos, das atividades e dos procedimentos envolvidos nos processos produtivos, identificando e selecionando sistemas de produção, selecionando e aplicando indicadores e métricas para avaliação de desempenho dos processos, dimensionando necessidades de força de trabalho, de materiais e de equipamentos, implementando a forma de sequenciamento da produção, e programando entregas com base em previsões de produção Utiliza ferramentas computacionais específicas para programação e controle da produção.

Pode supervisionar equipes Pode estimar custos de produção Cumpre normas técnicas e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

CBO 2527-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de profissionais de planejamento, programação e controles logísticos que pertence ao grupo dos profissionais das ciências sociais e humanas, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Analista de pcp (programação e controle da produção), atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Profissionais de planejamento, programação e controles logísticos CBO 2527-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 2527-05

  • Profissionais das ciências e das artes.
    • Profissionais de planejamento, programação e controles logísticos.
      • Profissionais das ciências sociais e humanas.

O que faz um Analista de pcp (programação e controle da produção)

O Analista de pcp (programação e controle da produção) CBO 2527-05 analisa, processa e sintetiza dados e informações referentes à produção Agrupa pedidos, conforme especificação, levanta informações não disponíveis, seleciona e classifica informações, e sana dúvidas com fornecedores e clientes internos ou externos.

Elabora premissas operacionais.

Analisa pedidos e solicitações de clientes - internos e externos - e, após análise, lhes encaminha respostas Planeja programação e controle da produção.

Faz consultas – de cronogramas de produção, especificações de engenharia, pedidos de clientes, e outras informações relacionadas -, para obter conhecimento de métodos, atividades e procedimentos envolvidos nos processos de produção Aplica metodologias de planejamento que permitam integrar vendas, produção e suprimentos na programação da produção.

Avalia técnicas e sistemas de planejamento que melhor se adaptam aos diferentes ramos de atividades, para aprimorar o aproveitamento de recursos e reduzir custos.

Identifica ou seleciona sistemas de produção – tais como MTS-Produção para Estoque (Make to Stock), ATO-Montagem sob Encomenda (Assemble to Order), MTO-Produção sob Encomenda (Make to Order), ETO-Engenharia sob Encomenda (Engineering to Order), entre outros, considerando as características dos produtos Leva em conta as particularidades de produtos de consumo - realizados sem compromisso de compra, produtos cujos componentes encontram-se preparados para um compromisso de compra, produtos realizados a partir do compromisso de compra de seu consumidor, produtos que dependem de encomenda personalizada (customizada) do seu consumidor, entre outras possibilidades.

Identifica características dos ambientes produtivos.

Aplica métodos estatísticos e realiza cálculos matemáticos, para detalhar processos de produção, requisitos de força de trabalho e outros fatores da produção Seleciona indicadores de produtividade, bem como outros indicadores e métricas para avaliação de desempenho dos processos de produção Realiza a programação da produção para os diversos sistemas produtivos, de acordo com plano-mestre de produção, lista de material, relatórios de controle de estoque, entre outros direcionadores de produção.

Leva em conta fatores – como disponibilidade de tempo, força de trabalho, matéria-prima, equipamentos, dentre outros - que interferem na efetividade dos processos de produção Dimensiona necessidades e verifica disponibilidade de força de trabalho, materiais e equipamentos Define equipamentos para produção, determina data e hora de produção, e estabelece metas de produção.

Implementa a forma de sequenciamento (ou roteiro) da produção – nos processos contínuos, nos processos repetitivos em massa, e nos processos repetitivos em lotes, definindo as regras de sequenciamento, conforme especificações do plano-mestre de produção e seguindo as ordens de produção liberadas Determina a quantidade de turnos e/ou dias trabalhados requeridos pela produção.

Programa entregas com base em previsões de produção Faz o controle da produção, estabelecendo o modo de acompanhamento da produção e aplicando indicadores e métricas para avaliação de desempenho dos processos produtivos Acompanha ritmo de produção, controla prazos e levanta causas do não cumprimento de metas.

Pode estimar custos de produção, economia de custos, e efeitos das mudanças de projeto do produto sobre custos da produção, para subsidiar análise, ações e controle sobre o processo produtivo Pode recomendar métodos para melhorar a utilização da força de trabalho, de equipamentos e de instalações de produção Nas atividades de planejamento, de programação e de controle da produção, utiliza ferramentas computacionais diversificadas, desde planilhas de cálculos até “softwares” específicos, como sistemas de MRP–Planejamento das Necessidades de Materiais (Manufacturing Resource Planning), ERP-Planejamento de Recursos Empresariais (Enterprise Resource Planning), entre outros.

Pode supervisionar, treinar e avaliar equipes de trabalho.

Funções do cargo

O funcionário CBO 2527-05 deve demonstrar competências pessoais, analisar dados - pedidos, planilhas, editais..., planejar a produção, materiais e inventário do estoque, dimensionar recursos requeridos pelo projeto e/ou produção, controlar produção, estoque e logística de materiais.

Condições de trabalho dessas profissões

Profissionais de planejamento, programação e controles logísticos são profissionais que trabalham com carteira assinada, de forma coletiva, com supervisão ocasional, em ambientes fechados e em período diurno.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 2527-05

Para o exercício das ocupações desta família ocupacional requer-se escolaridade de 3º grau completo, acrescida de conhecimentos de inglês intermediário e conhecimentos profundos de informática e softwares específicos. A experiência mínima é de 1 a 2 anos, porém, dependendo do setor de atuação, a experiência exigida pode chegar a 4 anos.

Atividades exercidas por um Analista de pcp (programação e controle da produção) CBO 2527-05

Um Analista de pcp (programação e controle da produção) (ou sinônimo) deve demonstrar capacidade de trabalhar em equipe, levantar as causas do não cumprimento da meta, agrupar pedidos conforme especificação, selecionar informações, definir data e hora de produção por equipamento, elaborar premissas operacionais, demonstrar capacidade de administrar conflitos, demonstrar capacidade de negociação, dar devolutiva aos fornecedores e aos clientes - interno e/ou externo, verificar disponibilidade de equipamentos, definir metas de produção, classificar informações, demonstrar capacidade de gerenciar pessoas, demonstrar capacidade analítica, acompanhar rítmo de produção, levantar informações não disponíveis, selecionar os indicadores de produtividade, dimensionar necessidades de equipamentos, verificar disponibilidade de materiais, construir indicadores de produtividade, definir equipamentos para a produção, definir prazos, demonstrar capacidade de comunicação, demonstrar capacidade de administrar o tempo, controlar prazos, demonstrar capacidade de raciocínio lógico, dimensionar necessidade de recursos humanos, elaborar relatórios, determinar quantidade de turnos e/ou dias trabalhados, verificar disponibilidade de recursos humanos, demonstrar criatividade, demonstrar capacidade de iniciativa, demonstrar capacidade de receptividade, sanar dúvidas com fornecedores e com clientes - interno e/ou externo, dimensionar necessidade de materiais.

Cargos e salários CBO 2527-05 - Profissionais de planejamento, programação e controles logísticos

Salário Analista de PCP

Analista de PCP: Brasil

  • 7.592
  • Brasil
  • 3.639 - 7.377
  • 43h
O profissional no cargo de Analista de PCP CBO 2527-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.639 e 7.377 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 7.592 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.
Salário Analista de PCP (programação e controle da produção) São Paulo

Analista de PCP (programação e controle da produção): São Paulo, SP

  • 516
  • São Paulo, SP
  • 3.638 - 6.836
  • 43h
O profissional no cargo de Analista de PCP (programação e controle da produção) CBO 2527-05 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 3.638 e 6.836 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 516 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.
Salário Analista de PCP (programação e controle da produção)

Analista de PCP (programação e controle da produção): São Paulo

  • 3.101
  • São Paulo
  • 3.698 - 6.837
  • 44h
O profissional no cargo de Analista de PCP (programação e controle da produção) CBO 2527-05 trabalhando em São Paulo, ganha entre 3.698 e 6.837 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 3.101 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.
Salário Analista de PCP (programação e controle da produção)

Analista de PCP (programação e controle da produção): Minas Gerais

  • 842
  • Minas Gerais
  • 3.452 - 6.355
  • 44h
O profissional no cargo de Analista de PCP (programação e controle da produção) CBO 2527-05 trabalhando em Minas Gerais, ganha entre 3.452 e 6.355 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 842 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.
Salário Analista de PCP (programação e controle da produção)

Analista de PCP (programação e controle da produção): Santa Catarina

  • 606
  • Santa Catarina
  • 3.534 - 6.134
  • 44h
O profissional no cargo de Analista de PCP (programação e controle da produção) CBO 2527-05 trabalhando em Santa Catarina, ganha entre 3.534 e 6.134 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 606 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.
Salário Analista de PCP (programação e controle da produção)

Analista de PCP (programação e controle da produção): Rio Grande do Sul

  • 571
  • Rio Grande do Sul
  • 3.280 - 5.650
  • 44h
O profissional no cargo de Analista de PCP (programação e controle da produção) CBO 2527-05 trabalhando em Rio Grande do Sul, ganha entre 3.280 e 5.650 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 571 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.
Salário Analista de PCP (programação e controle da produção)

Analista de PCP (programação e controle da produção): Paraná

  • 606
  • Paraná
  • 3.411 - 6.179
  • 44h
O profissional no cargo de Analista de PCP (programação e controle da produção) CBO 2527-05 trabalhando em Paraná, ganha entre 3.411 e 6.179 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 606 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2527-05.