CBO 8211-05 - Operadores de instalações de sinterização - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 8211-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de operadores de instalações de sinterização que pertence ao grupo dos trabalhadores de instalações siderúrgicas e de materiais de construção, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Operadores de instalações de sinterização CBO 8211-05 em todos os estados e cidades do Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 8211-05

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais.
    • Operadores de instalações de sinterização.
      • Trabalhadores de instalações siderúrgicas e de materiais de construção.

Funções

operar máquina de sinterizar, operar centro de controle, preparar amostras para análise físico-química e metalúrgica, receber matérias-primas para sinterização e alto-forno, cumprir o programa de segurança, meio ambiente e saúde, beneficiar matérias-primas para sinterização e alto-forno, organizar atividades, controlar a qualidade de matérias-primas e produtos, realizar transporte, silagem e dosagem de matérias-primas e produtos, demonstrar competências pessoais.

Atividades

interpretar resultados de produção e parâmetros operacionais, do turno anterior, distribuir o produto de acordo com as especificações estabelecidas, expressar-se verbalmente, com espontaneidade e fluidez, controlar o nível dos silos de sinterização e alto-forno, homogeneizar matérias-primas, quartear amostras, operar equipamentos de recebimento e transporte, medir a umidade da matéria-prima para processo de sinterização, corrigir não-conformidades identificadas no processo de sinterização, operar equipamento de transporte, silagem e dosagem de matéria-prima para o processo de sinterização, identificar não-conformidades inerentes ao processo de sinterização, homogeneizar amostras, remover as matérias-primas destinadas ao processo de sinterização e alto-forno, transmitir informações ao turno posterior, por meio de diálogo e relatório, pesar matérias-primas, paralisar equipamentos, quando necessário, demonstrar capacidade multifuncional, demonstrar responsabilidade, alimentar a máquina de sinterizar, cumprir plano de produção, dar destinação adequada ao material não-conforme, pulverizar amostras, realizar controle da queima superficial da mistura, executar atividade de impedimento e desimpedimento de equipamentos, preencher gráficos de acompanhamento do processo de sinterização, inspecionar carga moedora, peneirar matéria-prima, executar atividades de limpeza em equipamentos e ambiente de trabalho, operar equipamentos para controle de poluição, controlar a segregação e compactação da mistura, moer amostras, demonstrar sociabilidade, britar a matéria-prima, demonstrar flexibilidade, ensilar as matérias-primas para o processo de sinterização e alto-forno, utilizar epi e epc, tomar iniciativa, descarregar matérias-primas, controlar frente de combustão, inspecionar equipamentos, efetuar cálculo de carregamento, dosar matérias-primas para o processo de sinterização, realizar ação preventiva, confeccionar pastilhas de amostra, para análise química, separar o produto de acordo com as especificações requeridas, preencher relatórios do processo de sinterização, revisar normas e procedimentos operacionais, peneirar amostras, interpretar resultados de análises de laboratórios, elaborar normas e procedimentos operacionais, controlar estoques de matérias-primas para sinterização e alto-forno, trocar carga moedora, fazer inspeção visual da qualidade de matérias-primas e produtos, descartar resíduos conforme procedimentos de segurança e de meio ambiente, britar amostras, solicitar manutenção corretiva, conferir o cálculo da composição da mistura homogeneizada, demonstrar assertividade, controlar parâmetros operacionais do processo de sinterização, utilizar recursos de informática básica, trabalhar com segurança, iniciar ignição do forno, demonstrar criatividade.

Cargos e salários CBO 8211-05 - Operadores de instalações de sinterização

Salário Operador de Centro de Controle e Equipamentos da Sinterização

Operador de Centro de Controle e Equipamentos da Sinterização: Brasil

  • 1.615
  • Brasil
  • 2.012 - 3.730
  • 42h
O profissional no cargo de Operador de Centro de Controle e Equipamentos da Sinterização CBO 8211-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.012 e 3.730 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 1.615 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8211-05.
Salário Operador de Centro de Controle e Matéria-prima Para Sinterizar

Operador de Centro de Controle e Matéria-prima Para Sinterizar: Brasil

  • 1.615
  • Brasil
  • 2.012 - 3.730
  • 42h
O profissional no cargo de Operador de Centro de Controle e Matéria-prima Para Sinterizar CBO 8211-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.012 e 3.730 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 1.615 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8211-05.
Salário Operador de Centro de Controle

Operador de Centro de Controle: Brasil

  • 1.615
  • Brasil
  • 2.012 - 3.730
  • 42h
O profissional no cargo de Operador de Centro de Controle CBO 8211-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.012 e 3.730 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 1.615 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8211-05.
Salário Operador de Centro de Controle de Sinterização e Pátios

Operador de Centro de Controle de Sinterização e Pátios: Brasil

  • 1.615
  • Brasil
  • 2.012 - 3.730
  • 42h
O profissional no cargo de Operador de Centro de Controle de Sinterização e Pátios CBO 8211-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.012 e 3.730 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 1.615 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8211-05.
Salário Operador de Centro de Controle

Operador de Centro de Controle: São Paulo

  • 530
  • São Paulo
  • 1.987 - 3.340
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Centro de Controle CBO 8211-05 trabalhando em São Paulo, ganha entre 1.987 e 3.340 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 530 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8211-05.
Salário Operador de Centro de Controle de Sinterização e Pátios São Paulo

Operador de Centro de Controle de Sinterização e Pátios: São Paulo, SP

  • 242
  • São Paulo, SP
  • 2.043 - 3.395
  • 42h
O profissional no cargo de Operador de Centro de Controle de Sinterização e Pátios CBO 8211-05 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 2.043 e 3.395 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 242 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8211-05.