CBO 8111-05 - Moleiro (tratamentos químicos e afins) - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos operadores de equipamentos de moagem e mistura de materiais (tratamentos químicos)

O profissional no cargo de Moleiro (tratamentos químicos e afins) CBO 8111-05 opera moinhos vertical, horizontal e de bola, alimentando-os, manejando os dispositivos de comando e controlando seu funcionamento, para redução de matérias-primas ou outros materiais a partículas com finura necessária para seu emprego em tratamentos químicos e afins Realiza manutenção de primeiro nível de moinhos.

Cumpre normas técnicas e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho, de combate a incêndio e de preservação ambiental

CBO 8111-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de operadores de equipamentos de moagem e mistura de materiais (tratamentos químicos) que pertence ao grupo dos trabalhadores em indústrias de processos contínuos e outras indústrias, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Moleiro (tratamentos químicos e afins), atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Operadores de equipamentos de moagem e mistura de materiais (tratamentos químicos) CBO 8111-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 8111-05

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais.
    • Operadores de equipamentos de moagem e mistura de materiais (tratamentos químicos).
      • Trabalhadores em indústrias de processos contínuos e outras indústrias.

O que faz um Moleiro (tratamentos químicos e afins)

O Moleiro (tratamentos químicos e afins) CBO 8111-05 prepara-se para o trabalho, analisando ordem de produção Inspeciona o moinho, preparando-o para a moagem.

Seleciona peneira e tela apropriadas ao tamanho requerido das partículas.

Identifica e seleciona matérias-primas – tais como dióxidos, óxidos, carbonatos, pigmentos orgânicos e inorgânicos - e outros materiais, para moagem Opera moinho vertical, horizontal ou de bola, alimentando-o, acionando-o e manejando os dispositivos de comando, para a moagem.

Controla o funcionamento do moinho, examinando amostras do produto obtido, para assegurar-se da dimensão das partículas moídas e das demais especificações estabelecidas na ordem de produção Monitora a descarga do produto moído, registrando sua quantidade para monitorar a capacidade de produção do moinho.

Controla o atendimento dos materiais moídos aos parâmetros estabelecidos, para o seu emprego em tratamentos químicos e afins.

Realiza manutenção de primeiro nível dos moinhos, efetuando limpeza e lubrificação Requisita manutenção corretiva, quando necessário.

Conserva o local de trabalho limpo e organizado.

Mantém instrumentos e acessórios de trabalho limpos, organizados, acondicionados e em plenas condições de uso Seleciona resíduos para reciclagem, fazendo o descarte dos demais conforme procedimentos adotados pela empresa Trabalha com segurança, identificando e comunicando situações de riscos, prevenindo acidentes, utilizando equipamentos de proteção individual e participando de programas de segurança do trabalho.

.

Funções do cargo

O funcionário CBO 8111-05 deve preparar pastas, bases e concentrados para tintas, acondicionar tintas, vernizes, resinas e concentrados, trabalhar com segurança, fabricar tintas e concentrados, moer matérias-primas - dióxidos, Óxidos, carbonatos, pigmentos orgânicos e inorgânicos, preparar máquinas e equipamentos, fabricar resinas e vernizes, demonstrar competências pessoais.

Condições de trabalho dessas profissões

Operadores de equipamentos de moagem e mistura de materiais (tratamentos químicos) essas ocupações são exercidas por trabalhadores assalariados com carteira assinada, empregados em empresas do ramo de extração de minerais, fabricação de produtos químicos e construção. As atividades são realizadas de forma individual e também em células de trabalho, em ambientes fechados e a céu aberto. Os profissionais atuam sob supervisão ocasional e o horário de trabalho é em sistema de turnos fixos, diurno ou noturno. Podem estar sujeitos à ação de materiais tóxicos e ruído intenso.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 8111-05

Essas ocupações são exercidas por trabalhadores com formação de ensino fundamental completo. O exercício pleno da atividade profissional se dá, para operadores de máquina misturadeira, moleiros e operadores de concentração, em menos de um ano de experiência para operadores de britadeira, trabalhadores de fabricação de resinas e vernizes e trabalhadores de fabricação de tintas, esse período de experiência é de um a dois anos.

Atividades exercidas por um Moleiro (tratamentos químicos e afins) CBO 8111-05

Um Moleiro (tratamentos químicos e afins) (ou sinônimo) deve instalar filtro e peneira para envazamento, operar dispersor, misturador e extrusora, analisar ordem de produção, embalar tintas, vernizes e concentrados, agir com criatividade, controlar o envasamento de tintas, vernizes e concentrados, operar máquinas de envasar e embalar, manter epi em condições de uso, monitorar capacidade de produção de moinhos, regular máquina envasadora, operar moinhos, testar máquinas e equipamentos, fixar etiquetas nas embalagens, lubrificar máquinas e equipamentos, misturar componentes, com dispersor, usar equipamentos de proteção individual - epi, alimentar moinho, demonstrar senso de auto-organização, demonstrar flexibilidade, interpretar fórmulas, requisitar embalagens, inspecionar equipamentos, coletar amostras para controle de qualidade, agir com objetividade, selecionar dispersor, misturador e extrusora, agir com iniciativa, selecionar peneira e tela para moagem, demonstrar destreza manual, controlar viscosidade, brilho e fineza da tinta, especificar tanques para mistura de componentes, ajustar máquinas e equipamentos, dosar componentes da mistura, selecionar matéria-prima, participar de programas de segurança do trabalho, limpar máquinas e equipamentos, agir com responsabilidade, liderar pessoas, conferir componentes, pesar componentes, demonstrar atenção concentrada, identificar situações de riscos, selecionar recipiente para mistura, relacionar-se com outras pessoas, regular máquinas e equipamentos, solicitar a manutenção de máquinas e equipamentos, identificar matéria-prima e materiais, controlar a dimensão das partículas, classificar resíduos para reciclagem e descartes.

Cargos e salários CBO 8111-05 - Operadores de equipamentos de moagem e mistura de materiais (tratamentos químicos)

Salário Moleiro (Tratamentos Químicos e Afins)

Moleiro (Tratamentos Químicos e Afins): Brasil

  • 917
  • Brasil
  • 1.860 - 3.172
  • 43h
O profissional no cargo de Moleiro (Tratamentos Químicos e Afins) CBO 8111-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.860 e 3.172 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 917 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8111-05.
Salário Operador de Moinho (tratamentos Químicos e Afins)

Operador de Moinho (tratamentos Químicos e Afins): Brasil

  • 917
  • Brasil
  • 1.860 - 3.172
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Moinho (tratamentos Químicos e Afins) CBO 8111-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.860 e 3.172 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 917 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 8111-05.