CBO 9102-05 - Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 9102-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular que pertence ao grupo dos supervisores em serviços de reparação e manutenção mecânica, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular CBO 9102-05 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 9102-05

  • Trabalhadores em serviços de reparação e manutenção.
    • Trabalhadores em serviços de reparação e manutenção mecânica.
      • Supervisores em serviços de reparação e manutenção mecânica.
        • Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular.

Descrição dos cargos da categoria Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular

Os Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular CBO 9102-05 supervisionam diretamente as atividades de uma equipe de mantenedores de veículos leves ou pesados. Planejam manutenções e reparos de veículos, controlam a qualidade dos processos e provêem recursos para a manutenção e reparação veicular. Registram informações técnicas e administrativas em fichas e relatórios. Supervisionam as atividades, incentivando a equipe para que as mesmas sejam desenvolvidas em conformidade às normas e procedimentos técnicos, de qualidade, segurança e preservação ambiental.

Condições de trabalho

Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular trabalham em empresas ou departamentos de transporte terrestre, concessionárias e oficinas mecânicas de veículos leves e pesados, como empregados assalariados com carteira assinada. Organizam-se em equipe, sob supervisão ocasional de uma gerência. Podem atuar em locais fechados ou abertos, geralmente em horários irregulares e expostos a ruídos no ambiente de trabalho.

Exigências do mercado de trabalho

O exercício dessas ocupações requer formação técnica de nível médio em mecânica veicular ou áreas afins. O exercício pleno das atividades profissionais ocorre após cinco anos de atuação na área.

Funções dos Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular CBO 9102-05

Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular devem:

  • supervisionar equipes de trabalho;
  • trabalhar com segurança e de acordo com normas ambientais;
  • controlar a qualidade dos processos de manutenção e reparação veicular;
  • coordenar atividades de manutenção e reparação veicular;
  • registrar informações técnico-administrativas;
  • planejar manutenção e reparação veicular;
  • prover recursos para manutenção e reparação veicular;
  • demonstrar competências pessoais;
  • Atividades dos cargos CBO 9102-05

    Entre as principais atribuições dos Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular CBO 9102-05 estão as de:

    • liderar equipe;
    • atualizar-se profissionalmente;
    • estimar tempo de manutenção e reparação;
    • analisar a necessidade de substituição de peças e ferramentas;
    • demonstrar sociabilidade;
    • preparar reuniões;
    • programar visitas técnicas;
    • buscar informações para soluções de problemas;
    • relacionar itens de manutenção e de substituição de peças;
    • destinar materiais e resíduos para reciclagem;
    • incentivar equipes de trabalho;
    • identificar necessidades de treinamento;
    • propor melhorias em etapas de processos para redução de custos e tempo de manutenção;
    • demonstrar confiança;
    • testar veículos;
    • auditar processos de manutenção e reparação;
    • verificar disponibilidade de mão-de-obra, peças, componentes e ferramental;
    • comunicar-se;
    • participar da elaboração de relatórios de custos de manutenção e reparação veicular;
    • definir rotinas de trabalho;
    • controlar emissão de poluentes;
    • avaliar, tecnicamente, candidatos a vagas de emprego na empresa;
    • requisitar suprimentos em caráter emergencial;
    • divulgar boletins de informações técnicas;
    • distribuir ordens de serviço;
    • aprovar requisições de materiais e peças;
    • demonstrar autocontrole;
    • reduzir número de falhas na manutenção corretiva;
    • analisar índices de incidências de falhas;
    • elaborar plano de manutenção preventiva de acordo com manual do fabricante;
    • arquivar processos técnicos;
    • monitorar a utilização do uso de equipamentos de proteção individual (epi);
    • estabelecer interfaces com outros departamentos;
    • buscar inovações;
    • monitorar o cumprimento de normas;
    • avaliar desempenho da equipe;
    • utilizar equipamentos de proteção individual;
    • elaborar escalas de férias e plantão de trabalho;
    • analisar relatórios de manutenção e reparação;
    • programar suprimentos de insumos;
    • controlar horas trabalhadas;
    • participar de treinamentos de prevenção e combate a incêndios;
    • identificar causas de defeitos e falhas;
    • requisitar, para arquivo, manuais e catálogos técnicos de fornecedores;
    • participar da identificação de áreas de riscos de acidentes;
    • demonstrar flexibilidade;
    • demonstrar dinamismo;
    • demarcar área de trabalho;
    • especificar máquinas, peças, equipamentos e ferramentas;
    • selecionar materiais para descarte;
    • demonstrar criatividade;
    • especificar mão-de-obra;
    • interpretar desenhos, memoriais descritivos, catálogos, manuais e normas técnicas;
    • treinar equipes de trabalho;
    • demonstrar capacidade de compreensão de termos técnicos em língua estrangeira;
    • demonstrar iniciativa;
    • sugerir melhorias no desenvolvimento de serviços e produtos de fabricantes;
    • emitir relatórios técnicos;
    • conferir a organização do local de manutenção e reparo de veículos;
    • definir prioridades de atendimento;
    • controlar absenteísmo da equipe;
    • adequar material didático para treinamento da equipe;
    • determinar substituição de peças e ferramentas;
    • inspecionar desligamento de equipamentos no final do expediente;
    • participar da análise ergonométrica dos locais de trabalho;
    • emitir pareceres técnicos sobre compra de materiais, equipamentos e ferramentas;
    • avaliar índices de retrabalho;
    • manter bom relacionamento interpessoal;
    • orientar funcionários da equipe na realização das atividades;
    • prestar socorro mecânico externo em situação de emergência;
    • elaborar cronogramas;
    • analisar ordens de serviços, relatórios de defeitos e avarias;
    • coordenar reuniões;
    • informar-se a respeito dos problemas existentes no veículo;
    • registrar resultados de serviços terceirizados;
    • indicar funcionários para atualização técnica;
    • contatar fornecedores;

    Cargos e salários CBO 9102-05 - Supervisores em serviços de reparação e manutenção veicular

    Salário Supervisor da Manutenção e Reparação de Veículos Leves

    Supervisor da Manutenção e Reparação de Veículos Leves: Brasil

    • 2.410
    • Brasil
    • 2.213 - 5.122
    • 44h
    O profissional no cargo de Supervisor da Manutenção e Reparação de Veículos Leves CBO 9102-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.213 e 5.122 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 2.410 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 9102-05.
    Salário Supervisor de Manutenção de Veículos de Passeio

    Supervisor de Manutenção de Veículos de Passeio: Brasil

    • 2.410
    • Brasil
    • 2.213 - 5.122
    • 44h
    O profissional no cargo de Supervisor de Manutenção de Veículos de Passeio CBO 9102-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.213 e 5.122 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 2.410 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 9102-05.