CBO 6320-05 - Trabalhadores florestais polivalentes - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 6320-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de trabalhadores florestais polivalentes que pertence ao grupo dos extrativistas florestais, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Trabalhadores florestais polivalentes CBO 6320-05 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 6320-05

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca.
    • Pescadores e extrativistas florestais.
      • Extrativistas florestais.
        • Trabalhadores florestais polivalentes.

Descrição dos cargos da categoria Trabalhadores florestais polivalentes

Os Trabalhadores florestais polivalentes CBO 6320-05 manejam recursos naturais. Produzem mudas, realizam manutenção de plantas e manipulam plantas medicinais. Guiam pessoas em florestas e campos e disponibilizam serviços e produtos. Trabalham seguindo normas de segurança, higiene e proteção ao meio ambiente.

Condições de trabalho

Trabalhadores florestais polivalentes atuam na agricultura e na exploração florestal como empregados com carteira assinada ou por conta própria ou autônomos. Podem atuar também na área da saúde e serviços sociais e atividades recreativas culturais e desportivas. O trabalho é individual (raizeiro), em equipe com supervisão permanente (viveirista florestal) e sem supervisão (guia florestal). Desenvolvem as suas atividades durante o dia. O raizeiro trabalha em ambiente fechado, o guia florestal e o viveirista florestal, a céu aberto. Este último permanece em posições desconfortáveis durante longos períodos, trabalha em grandes alturas e exposto à ação de materiais tóxicos. O guia florestal e o raizeiro correm o risco de ataques de animais peçonhentos e silvestres.

Exigências do mercado de trabalho

Para o exercício dessas ocupações, requer-se ensino fundamental incompleto (raizeiro e viveirista florestal) ou completo (guia florestal) e curso básico de qualificação profissional com aproximadamente duzentas horas-aula. O pleno desempenho das atividades ocorre em até cinco anos de experiência profissional.

Funções dos Trabalhadores florestais polivalentes CBO 6320-05

Trabalhadores florestais polivalentes devem:

  • guiar pessoas em florestas e campos;
  • disponibilizar serviços e produtos;
  • manejar recursos naturais;
  • manipular plantas medicinais;
  • demonstrar competências pessoais;
  • realizar manutenção de plantas;
  • Atividades dos cargos CBO 6320-05

    Entre as principais atribuições dos Trabalhadores florestais polivalentes CBO 6320-05 estão as de:

    • planejar extração de sementes e plantas;
    • aceirar áreas;
    • construir barreiras de proteção em áreas de risco;
    • indicar áreas danificadas e com riscos de acidentes;
    • planejar rodízio de trilhas;
    • conferir uso de equipamentos de segurança e proteção;
    • cercar áreas de preservação;
    • atentar-se para detalhes;
    • demonstrar senso de orientação em florestas e campos;
    • organizar atividades de grupo;
    • colocar placas de identificação em plantas;
    • vender produtos e serviços;
    • limpar trilhas e vias;
    • executar procedimentos de primeiros socorros;
    • divulgar produtos e serviços;
    • dar prova de coragem;
    • demonstrar solidariedade;
    • elaborar roteiros;
    • difundir informações de educação ambiental;
    • indicar espécies de flora e fauna;
    • monitorar grupos de passeio;
    • dar prova de resistência física;
    • demonstrar sensibilidade a natureza;
    • trabalhar em equipe;
    • dar prova de agilidade motora;
    • auxiliar em desenvolvimento de pesquisas;
    • classificar plantas;
    • localizar focos de incêndio;
    • formar grupos;
    • desobstruir trilhas e vias;
    • denunciar irregularidades ambientais;
    • organizar logística;
    • descrever roteiros;
    • guardar equipamentos e acessórios;
    • reagir diante de situações adversas;
    • auxiliar em fiscalização de irregularidades ambientais;
    • abrir picadas;
    • identificar atributos medicinais de plantas;

    Cargos e salários CBO 6320-05 - Trabalhadores florestais polivalentes

    Salário Guia Florestal

    Guia Florestal: Brasil

    • 130
    • Brasil
    • 1.541 - 2.598
    • 43h
    O profissional no cargo de Guia Florestal CBO 6320-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.541 e 2.598 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 130 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6320-05.
    Salário Condutor de Ecotrilha

    Condutor de Ecotrilha: Brasil

    • 130
    • Brasil
    • 1.541 - 2.598
    • 43h
    O profissional no cargo de Condutor de Ecotrilha CBO 6320-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.541 e 2.598 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 130 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6320-05.
    Salário Mateiro - Guia

    Mateiro - Guia: Brasil

    • 130
    • Brasil
    • 1.541 - 2.598
    • 43h
    O profissional no cargo de Mateiro - Guia CBO 6320-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.541 e 2.598 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 130 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6320-05.