CBO 3911-40 - Analista de manutenção (equipamentos aéreos) - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos técnicos de planejamento e controle de produção

O profissional no cargo de Analista de manutenção (equipamentos aéreos) CBO 3911-40 planeja, organiza e controla os serviços de manutenção de aviões, helicópteros e outros equipamentos aeronáuticos Realiza estudos preliminares para o planejamento.

Atua no aprimoramento permanente do processo Trata e disponibiliza informações do setor de manutenção de equipamentos aeronáuticos Cumpre normas técnicas e de qualidade, procedimentos referentes à manutenção estabelecidos pelos órgãos reguladores da navegação aérea, normas e procedimentos da empresa e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

CBO 3911-40 é o Código Brasileiro da Ocupação de técnicos de planejamento e controle de produção que pertence ao grupo dos outros técnicos de nível médio, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Analista de manutenção (equipamentos aéreos), atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Técnicos de planejamento e controle de produção CBO 3911-40 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 3911-40

  • Técnicos de nível médio.
    • Técnicos de planejamento e controle de produção.
      • Outros técnicos de nível médio.

O que faz um Analista de manutenção (equipamentos aéreos)

O Analista de manutenção (equipamentos aéreos) CBO 3911-40 colabora no desenvolvimento, na implementação e na avaliação de políticas e procedimentos de manutenção Participa de grupos multidisciplinares para tomada de decisão.

Realiza os estudos preliminares para o planejamento dos serviços de manutenção, examinando problemas técnicos recorrentes com aeronaves e analisando dados estatísticos e especificações de aeronaves, para determinar padrões e estabelecer objetivos, tendo em vista a eficácia do processo de manutenção.

Desenvolve o planejamento para os serviços de manutenção de equipamentos aeronáuticos, definindo métodos, custos de manutenção e padrões ambientais Estabelece planos e programas de manutenção preventiva, preditiva e corretiva.

Faz especificação de recursos materiais, detalha recursos humanos e estima tempo para a execução da manutenção Elabora e revisa os cronogramas de manutenção.

Organiza os serviços de manutenção de equipamentos aeronáuticos, estruturando e garantindo as condições para a eficiência do processo.

Emite ordens de serviço, tendo em vista o desenvolvimento dos planos e programas de manutenção Define planos de contingência de manutenção, a fim de garantir o cumprimento de objetivos e metas de voo.

Consulta e interpreta manuais de manutenção de aviões, helicópteros e outros equipamentos aeronáuticos, para organizar e manter a conformidade do processo de manutenção.

Controla manutenção de equipamentos aeronáuticos, estabelecendo parâmetros e atuando para manter o processo dentro dos limites de controle Identifica desvios no processo de manutenção e define ações corretivas Monitora o processo de manutenção e propõe melhorias em máquinas e equipamentos utilizados, para garantir as condições de trabalho adequadas.

Recomenda métodos para melhorar a utilização de pessoal, de material e de equipamentos nos serviços de manutenção, tendo em vista a eficiência do processo Controla custos de manutenção, calculando estimativas de gastos reais com materiais, equipamentos, mão de obra – incluindo terceiros – e outros fatores Mantém registros estruturados de reparos, documentando o processo de manutenção das aeronaves.

Trata informações originárias das interações com clientes e/ou fornecedores – internos ou externos, estruturando dados para discussões sobre materiais, equipamentos e outros insumos utilizados nos trabalhos de manutenção Faz uso de sistemas de gerenciamento de informações de manutenção, podendo colaborar no aprimoramento dos programas e na implementação de soluções tecnologicamente mais avançadas.

Realiza o tratamento das informações do processo de manutenção de equipamentos aeronáuticos, definindo padrões e procedimentos para coleta, análise e tomada de decisão com base em informações Atualiza as informações Elabora gráficos e relatórios de controle.

Analisa relatórios de desempenho de equipamentos Disponibiliza informações, relatórios ou outra documentação de manutenção de equipamentos aeronáuticos, para subsidiar estudos acerca de problemas de desempenho com aeronaves Prepara documentação para realização de vistoria técnica.

Auxilia na definição das instruções de trabalho Trabalha com segurança, obedecendo a diretrizes normativas e técnicas Usa Equipamento de Proteção Individual (EPI) e cumpre normas e procedimentos da empresa, tendo em vista a segurança no trabalho.

Cumpre requisitos dos órgãos reguladores e segue os procedimentos dos manuais de fabricantes, a fim de garantir a segurança no trabalho e a segurança para quem depende da excelência na realização da manutenção de equipamentos aeronáuticos.

Funções do cargo

O funcionário CBO 3911-40 deve tratar informações, planejar manutenção de máquinas e equipamentos, planejar produção, controlar produção e/ou manutenção, trabalhar com segurança, demonstrar competências pessoais.

Condições de trabalho dessas profissões

Técnicos de planejamento e controle de produção trabalham em diversos tipos de empresas industriais, comerciais e de serviços, concentram-se nas empresas de construção, na indústria química e petroquímica, de fabricação de produtos têxteis, de celulose, papel e produtos de papel, no complexo automobilístico, dentre outras. São empregados assalariados, com carteira assinada, que se organizam em equipe, sob supervisão ocasional. Geralmente, trabalham em rodízio de turnos. Algumas das atividades que exercem podem estar sujeitas a ruídos, altas temperaturas, radiação, poeira e material tóxico.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 3911-40

O exercício dessas ocupações requer curso técnico de nível médio na área de atuação. O pleno desempenho das atividades ocorre após um ou dois anos de experiência.

Atividades exercidas por um Analista de manutenção (equipamentos aéreos) CBO 3911-40

Um Analista de manutenção (equipamentos aéreos) (ou sinônimo) deve demonstrar capacidade de criatividade, demonstrar dinamismo, especificar recursos materiais, humanos e de tempo para execução da manutenção, demonstrar capacidade de assertividade, cumprir os procedimentos dos manuais dos fabricantes, demonstrar capacidade de liderança, auxiliar na definição das instruções de trabalhos, elaborar cronograma de manutenção, elaborar gráficos e relatórios de controles, programar manutenção preventiva, preditiva e corretiva, demonstrar capacidade de raciocínio lógico, controlar custos de manutenção, demonstrar capacidade de iniciativa, propor melhorias em máquinas e equipamentos, interagir com clientes e/ou fornecedores, atualizar as informações, definir plano de contingência, demonstrar capacidade de administrar situações adversas, definir ações corretivas, propor melhorias no processo de produção e/ou de manutenção, emitir ordem de serviço, preparar documentação para realização de vistoria técnica, participar de grupos multidisciplinares para tomadas de decisões, demonstrar capacidade de trabalhar em equipe, disponibilizar informações, demonstrar senso crítico, demonstrar capacidade de visão holística, cumprir requisitos dos orgãos reguladores, demonstrar capacidade de trabalhar sob pressão, identificar desvios no processo de produção e/ou de manutenção, definir necessidade de manutenção, usar epi, analisar relatórios de performance dos equipamentos, estabelecer parâmetros de controle, cumprir normas e procedimentos da empresa.

Cargos e salários CBO 3911-40 - Técnicos de planejamento e controle de produção

Salário Analista de manutenção

Analista de manutenção: Brasil

  • 190
  • Brasil
  • 3.534 - 7.980
  • 43h
O profissional no cargo de Analista de manutenção CBO 3911-40 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.534 e 7.980 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 190 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3911-40.