CBO 2232-84 - Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos cirurgiões-dentistas

O profissional no cargo de Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial CBO 2232-84 presta assistência odontológica especializada em disfunção temporomandibular e dor orofacial, utilizando de forma integrada informações coletadas de paciente em anamnese, exame físico, exames de imagem e análise de aspectos emocionais e psicológicos para definir diagnóstico Realiza procedimentos de competência odontológica, participa em equipe multiprofissional e encaminha a outros profissionais, para tratar dores e distúrbios de sistema mastigatório, região orofacial e estruturas relacionadas.

Registra procedimentos efetuados em prontuário Executa estudos epidemiológicos, clínicos e laboratoriais de disfunções temporomandibulares Mantém-se atualizado na sua área de atuação.

Supervisiona equipe Atua com base em princípios de ética profissional Cumpre legislação, normas técnicas e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho, de biossegurança e de preservação ambiental.

CBO 2232-84 é o Código Brasileiro da Ocupação de cirurgiões-dentistas que pertence ao grupo dos profissionais das ciências biológicas, da saúde, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Cirurgiões-dentistas CBO 2232-84 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 2232-84

  • Profissionais das ciências e das artes.
    • Cirurgiões-dentistas.
      • Profissionais das ciências biológicas, da saúde.

O que faz um Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial

O Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial CBO 2232-84 planeja assistência odontológica especializada em disfunção temporomandibular e dor orofacial Orienta a realização de assepsia dos instrumentos de trabalho e do ambiente.

Faz acolhimento de paciente em consulta.

Executa anamnese, iniciando com perguntas sobre histórico pessoal e ocupacional Verifica idade, estado civil, profissão exercida, e atividades diárias estressantes.

Questiona sobre histórico médico familiar (parente com sintomatologia semelhante), sobre seu histórico médico (presença de doenças no passado e cirurgias realizadas) e sobre suas condições atuais de saúde geral (identificação de doenças reumáticas, fibromialgia, entre outras) Verifica automedicação, perguntando sobre medicamento e dosagem.

Levanta histórico odontológico, sobre procedimentos prévios realizados.

Coleta dados sobre hábitos parafuncionais de paciente, tais como mordiscar objetos (como caneta e lápis), apertar e/ou ranger os dentes durante dia e noite, e mordiscar lábios e bochechas Faz perguntas sobre qualidade do sono.

Finaliza a anamnese levantando dados sobre a queixa principal de paciente, como dor de cabeça frequente, dificuldade, dor ou limitação para abrir ou movimentar a boca, dor ou zumbido no ouvido, ou outra.

Verifica características de dor ou sintoma, perguntando sobre quando iniciou, localização, intensidade, duração, frequência, sintomas associados, e fatores de melhora e piora Realiza exame físico, para fazer avaliação da articulação temporomandibular (ATM) em relação à movimentação maxilomandibular, sensibilidade dolorosa à palpação e ruídos articulares, avaliar a musculatura cervical, examinar músculos mastigatórios, efetuar avaliação dentária e oclusal, entre outros objetivos Executa exames de imagem da articulação temporomandibular – tais como radiografia panorâmica, tomografia computadorizada de feixe cônico, e ressonância magnética – para avaliar a integridade de estruturas articulares, analisar a limitação de abertura (hipomobilidade), observar sinais de inchaço facial, entre outras indicações.

Analisa aspectos emocionais e psicológicos, observando sinais relativos a estresse, tristeza, falta de interesse em atividade diária, ansiedade, entre outros Utiliza de forma integrada as informações coletadas de paciente, para identificar fatores - tais como estresse emocional, apertamento dental noturno e traumatismos (pancadas) - que podem ter desencadeado e contribuído para manifestação da dor e da disfunção Realiza diagnóstico e prognóstico.

Pode trocar experiências com outros especialistas para elaborar diagnóstico Faz controle e tratamento das dores orofaciais e disfunções temporomandibulares, por meio de procedimentos de competência odontológica.

Executa o tratamento adequado a cada caso - tais como prescrição de medicação, uso de placa interoclusal, e aparelhos ortodônticos -, para eliminação da dor e recuperação estrutural e funcional da articulação temporomandibular Pode participar em equipe - com fisioterapeuta, fonoaudiólogo, psicólogos, entre outros - para tratamento Pode encaminhar paciente a outros profissionais, como médico neurologista – caso constate a possibilidade da ocorrência da neuralgia do trigêmeo – ou especialista em cirurgia e traumatologia bucomaxilofaciais, no caso de algumas alterações específicas na articulação temporomandibular (ATM).

Realiza acompanhamento de recuperação de paciente Registra os procedimentos executados em prontuário Elabora laudos e atestados.

Supervisiona equipe, avaliando e orientando seu desempenho Pode participar de equipe multidisciplinar especializada em estudo de dor em instituições de saúde, de ensino e de pesquisa Realiza estudos epidemiológicos, clínicos e laboratoriais das disfunções temporomandibulares que se manifestam na região orofacial.

Mantém-se atualizado na sua área de atuação, analisando inovações Aplica princípios de biossegurança, conforme as normas vigentes, promovendo o autocuidado e a prevenção de acidentes e de doenças ocupacionais.

Funções do cargo

O funcionário CBO 2232-84 deve demonstrar competências pessoais, comunicar-se.

Condições de trabalho dessas profissões

Cirurgiões-dentistas atuam nas áreas de odontologia legal e saúde coletiva, dentística, prótese e prótese maxilofacial, odontopediatria e ortodontia, radiologia, patologia, estomatologia, periodontia, traumatologia bucomaxilofacial e implantologia. Trabalham por conta própria ou como assalariados em clínicas particulares, cooperativas e empresas de atendimento odontológico e na administração pública. Exercem suas atividades individualmente e em equipe. Podem permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos, estar expostos a radiações, materiais tóxicos, ruído intenso contaminações e aos riscos de lesões por esforços repetitivos e de distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (ler-dort).

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 2232-84

As ocupações requerem, para seu exercício, formação em odontologia e registro no cro e atualização constante.

Atividades exercidas por um Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial CBO 2232-84

Um Cirurgião dentista - disfunção temporomandibular e dor orofacial (ou sinônimo) deve publicar artigos científicos, demostrar empatia, demonstrar segurança, demonstrar capacidade de contornar situações adversas, demostrar capacidade motora fina, demonstrar criatividade, demonstrar capacidade de trabalhar em equipe, demonstrar sensibilidade, demonstrar senso estético, demonstrar capacidade de inovação, demonstrar capacidade de efetuar atendimento humanizado, demonstrar organização, demostrar paciência, demonstrar habilidade manual, demostrar percepção visual, demonstrar capacidade de saber ouvir, demonstrar receptividade.

Cargos e salários CBO 2232-84 - Cirurgiões-dentistas

Salário Dtm/dof

Dtm/dof: Brasil

  • 3
  • Brasil
  • 1.702 - 3.064
  • 32h
O profissional no cargo de Dtm/dof CBO 2232-84 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.702 e 3.064 para uma jornada de trabalho média de 32h semanais de acordo com dados salariais de 3 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2232-84.
Salário Cirurgião Dentista - Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial

Cirurgião Dentista - Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial: Brasil

  • 3
  • Brasil
  • 1.702 - 3.064
  • 32h
O profissional no cargo de Cirurgião Dentista - Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial CBO 2232-84 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.702 e 3.064 para uma jornada de trabalho média de 32h semanais de acordo com dados salariais de 3 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2232-84.
Salário Dentista da Dor

Dentista da Dor: Brasil

  • 3
  • Brasil
  • 1.702 - 3.064
  • 32h
O profissional no cargo de Dentista da Dor CBO 2232-84 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.702 e 3.064 para uma jornada de trabalho média de 32h semanais de acordo com dados salariais de 3 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2232-84.
Salário Disfunção de Atm

Disfunção de Atm: Brasil

  • 3
  • Brasil
  • 1.702 - 3.064
  • 32h
O profissional no cargo de Disfunção de Atm CBO 2232-84 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.702 e 3.064 para uma jornada de trabalho média de 32h semanais de acordo com dados salariais de 3 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2232-84.
Salário Disfunção e Dor

Disfunção e Dor: Brasil

  • 3
  • Brasil
  • 1.702 - 3.064
  • 32h
O profissional no cargo de Disfunção e Dor CBO 2232-84 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.702 e 3.064 para uma jornada de trabalho média de 32h semanais de acordo com dados salariais de 3 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2232-84.