CBO 7165-15 - Pastilheiro - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos aplicadores de revestimentos cerâmicos, pastilhas, pedras e madeiras

O profissional no cargo de Pastilheiro CBO 7165-15 realiza o assentamento de pastilhas - de vidro, porcelana, cerâmica ou de outro material - em paredes, pisos e fachadas de edificações, corrigindo defeitos em superfície a ser revestida, aplicando juntas entre as placas de pastilhas, estabelecendo os pontos de referência dos revestimentos e aplicando rejunte, conforme estabelecido em projeto Planeja o trabalho, programando as etapas do serviço.

Prepara o local do trabalho, organizando o espaço Verifica a qualidade do trabalho executado Pode remover revestimentos cerâmicos.

Cumpre normas técnicas, normas de qualidade e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

CBO 7165-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de aplicadores de revestimentos cerâmicos, pastilhas, pedras e madeiras que pertence ao grupo dos trabalhadores da indústria extrativa e da construção civil, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Pastilheiro, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Aplicadores de revestimentos cerâmicos, pastilhas, pedras e madeiras CBO 7165-15 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 7165-15

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais.
    • Aplicadores de revestimentos cerâmicos, pastilhas, pedras e madeiras.
      • Trabalhadores da indústria extrativa e da construção civil.

O que faz um Pastilheiro

O Pastilheiro CBO 7165-15 planeja o trabalho, programando as etapas do serviço Lê e interpreta plantas.

Mede a área de serviço e calcula a quantidade dos materiais.

Faz a especificação de tipos de ferramentas e materiais Determina traço das argamassas e estuda a paginação das peças.

Orça o serviço Pode usar BIM - Modelagem da Informação da Construção (Building Information Modeling), para conhecimento do projeto e para posterior registro das atividades executadas.

Prepara o local do trabalho, limpando e organizando o espaço.

Verifica as condições de uso dos equipamentos, testando seu funcionamento Faz a paginação das peças de revestimento.

Estoca materiais.

Protege o local do serviço Corrige defeitos em superfície a ser revestida, executando emboço em superfícies horizontais e verticais e fazendo o contrapiso Prepara as argamassas.

Espalha camadas de argamassa sobre área a ser revestida Assenta as pastilhas em paredes, pisos e fachadas Corta peças para arremates, fixando-as.

Alivia tensões entre as placas de pastilhas – acomodando movimentação estrutural, alterações térmicas, entre outras, aplicando juntas de tipo estrutural, de assentamento, de movimentação e de dessolidarização, conforme descrito em projeto ou em ordens de serviço Aplica rejunte em paredes, pisos e fachadas.

Limpa o rejuntamento Estabelece os pontos de referência do revestimento com pastilhas, identificando os pontos de nível do revestimento e conferido prumo e esquadro Identifica o gabarito (galga) do revestimento.

Examina a planeza do revestimento Fixa as mestras, conforme estabelecido em projeto Pode remover placas de pastilhas, quando necessário.

Verifica a qualidade do trabalho executado, considerando as especificações técnicas definidas no projeto Faz revisão final com o cliente ou com o supervisor da obra Mantém máquinas, equipamentos, ferramentas, instrumentos e acessórios de trabalho limpos, organizados, acondicionados e em plenas condições de uso e funcionamento.

Controla estoque de materiais, podendo requisitar reposição Controla desperdícios de material Seleciona materiais reutilizáveis e faz o descarte de resíduos de acordo com as normas ambientais Zela pela segurança, prevenindo incêndios e acidentes Utiliza Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC).

Pode prestar primeiros socorros.

Funções do cargo

O funcionário CBO 7165-15 deve demonstrar competências pessoais, revestir superfícies com cerâmicas, pastilhas, azulejos, mármores, granitos, pedras decorativas..., preparar o local do trabalho, planejar o trabalho, estabelecer os pontos de referência dos revestimentos.

Condições de trabalho dessas profissões

Aplicadores de revestimentos cerâmicos, pastilhas, pedras e madeiras atuam como assalariados, com carteira assinada ou como autônomos, prestando serviços no ramo da construção civil. Realizam o trabalho de forma individual, sob supervisão ocasional de mestres ou encarregados de obras. Trabalham em posições desconfortáveis em grandes alturas e em lugares fechados ou abertos. Estão sujeitos a inalação de pó e podem se expor a riscos ao furar e cortar material.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 7165-15

Para o exercício dessas ocupações requer-se escolaridade que varia entre quarta e sétima séries do ensino fundamental e ensino fundamental completo. Curso básico profissionalizante oferecido por instituições especializadas, com carga horária até duzentas horas-aula, exceto para os Rejuntadores de revestimentos. O exercício pleno das atividades, varia também entre um ou dois anos de experiência profissional.

Atividades exercidas por um Pastilheiro CBO 7165-15

Um Pastilheiro (ou sinônimo) deve medir a área de serviço, corrigir defeitos na superfície a ser revestida, programar as etapas do serviço, conferir o prumo do revestimento, fixar as mestras, demonstrar capacidade de trabalhar em alturas, executar contrapiso, identificar defeitos das etapas anteriores, preparar as argamassas, identificar gabarito - galga do revestimento, executar emboço, limpar o rejuntamento, identificar as características dos materiais, determinar traço das argamassas, demonstrar destreza manual, proteger local do serviço, assentar revestimento cerâmico, demonstrar atenção a detalhes, especificar tipos de ferramentas, conferir a planeza do revestimento - reguar, especificar os equipamentos de proteção individual e coletivo, ler e interpretar plantas, trabalhar em equipe, providenciar suprimento de materiais, paginar as peças de revestimento, cumprir normas de segurança, estocar materiais, cortar peças para arremates, estudar a paginação das peças, especificar materiais, verificar condições de uso dos equipamentos, identificar os pontos de nível do revestimento, demonstrar capacidade de organização, calcular quantidade dos materiais, limpar local de trabalho, organizar local de trabalho, cumprir normas e procedimentos técnicos do fabricante, utilizar equipamentos de proteção individual e coletivo, assentar pastilhas, aplicar juntas especiais - movimentação e dessolidarização, conferir o esquadro do revestimento, orçar o serviço, demonstrar capacidade de esmero, aplicar rejunte em paredes, pisos e fachadas.

Cargos e salários CBO 7165-15 - Aplicadores de revestimentos cerâmicos, pastilhas, pedras e madeiras

Salário Calceteiro (pastilheiro)

Calceteiro (pastilheiro): Brasil

  • 856
  • Brasil
  • 2.260 - 3.677
  • 43h
O profissional no cargo de Calceteiro (pastilheiro) CBO 7165-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.260 e 3.677 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 856 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7165-15.
Salário Colocador de Cerâmica

Colocador de Cerâmica: Brasil

  • 856
  • Brasil
  • 2.260 - 3.677
  • 43h
O profissional no cargo de Colocador de Cerâmica CBO 7165-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.260 e 3.677 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 856 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7165-15.
Salário Colocador de Cerâmica (pastilhas)

Colocador de Cerâmica (pastilhas): Brasil

  • 856
  • Brasil
  • 2.260 - 3.677
  • 43h
O profissional no cargo de Colocador de Cerâmica (pastilhas) CBO 7165-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.260 e 3.677 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 856 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7165-15.
Salário Piseiro (pastilhas)

Piseiro (pastilhas): Brasil

  • 856
  • Brasil
  • 2.260 - 3.677
  • 43h
O profissional no cargo de Piseiro (pastilhas) CBO 7165-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.260 e 3.677 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 856 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7165-15.
Salário Pastilheiro

Pastilheiro: Brasil

  • 856
  • Brasil
  • 2.260 - 3.677
  • 43h
O profissional no cargo de Pastilheiro CBO 7165-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 2.260 e 3.677 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 856 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7165-15.