CBO 5115-10 - Condutores de turismo - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 5115-10 é o Código Brasileiro da Ocupação de condutores de turismo que pertence ao grupo dos trabalhadores dos serviços de transporte e turismo, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Condutores de turismo CBO 5115-10 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 5115-10

  • Trabalhadores dos serviços, vendedores do comércio em lojas e mercados.
    • Trabalhadores dos serviços.
      • Trabalhadores dos serviços de transporte e turismo.
        • Condutores de turismo.

Descrição dos cargos da categoria Condutores de turismo

Os Condutores de turismo CBO 5115-10 conduzem clientes/pessoas nas atividades de turismo pesca e de aventura, tais como: rafting, escalada, trilha, balonismo, etc, operando veículos e equipamentos diversos, descrevendo características físicas, ambientais e históricas do local onde atuam. Organizam, selecionam e preparam materiais e equipamentos necessários à realização das atividades turísticas. Orientam os clientes/pessoas nos procedimentos das atividades turísticas que irão realizar, nas questões de segurança e cuidados com meio ambiente. Dão suporte a clientes/pessoas auxiliando-as, quando necessário. Auxiliam nas vendas divulgando outros tipos de atividades durante a realização dos passeios. Mantém os equipamentos em condições de uso lavando, limpando, guardando e realizando pequenos reparos.

Condições de trabalho

Condutores de turismo a maioria dos profissionais da FO trabalha como profissional autônomo e em equipe. O condutor de pesca trabalha sem supervisão e o condutor de aventura com supervisão ocasional. O trabalho é exercido, na maioria das vezes, a céu aberto, em veículos variados, em horários irregulares e, de forma presencial. Normalmente, são nativos dos locais onde atuam, portanto, possuem grande conhecimento da localidade. Há, em nível nacional, normas da ABNT para regular este seguimento do turismo.

Exigências do mercado de trabalho

O acesso ao exercício das ocupações desta FO é livre exigindo-se experiência prática em média de um ano na especialidade turística onde deverá atuar. A escolaridade mínima exigida é o ensino fundamental completo acrescido de curso de primeiros socorros. Como melhoria de qualificação para estes profissionais já se encontram em formatação alguns cursos de formação profissional.

Funções dos Condutores de turismo CBO 5115-10

Condutores de turismo devem:

  • trabalhar com segurança;
  • demonstrar competências pessoais;
  • orientar clientes/pessoas;
  • realizar manutenção de equipamentos;
  • conduzir clientes/pessoas;
  • auxiliar nas vendas de passeios;
  • dar suporte a clientes/pessoas;
  • organizar o operacional/logística;
  • Atividades dos cargos CBO 5115-10

    Entre as principais atribuições dos Condutores de turismo CBO 5115-10 estão as de:

    • utilizar epi e epc;
    • orientar sobre o uso de equipamentos;
    • elaborar agenda;
    • "apresentar aos clientes/pessoas o ""briefing"" da atividade turística";
    • providenciar alimentação e bebidas para a atividade contratada;
    • identificar a atividade turística contratada (tipo de passeio, horário...);
    • lubrificar equipamentos;
    • auxiliar clientes/pessoas na seleção do equipamento de pesca;
    • demonstrar capacidade de comunicação;
    • verificar as condições de funcionamento dos veículos para realização das atividades (embarcações/veículos terrestres...);
    • indicar locais propícios para pesca;
    • descrever fatos históricos do local/região;
    • monitorar clientes/pessoas na utilização de equipamentos de orientação (bússolas, gps, mapas...);
    • identificar quantidade de pessoas para realização da atividade turística;
    • operar equipamentos para realização de atividades turísticas;
    • selecionar locais propícios à pesca;
    • prestar primeiros socorros;
    • estabelecer parcerias;
    • verificar as condições de uso dos equipamentos de segurança;
    • apresentar as características do lugar/região aos clientes/pessoas;
    • verificar as condições e quantidades de equipamentos após o uso;
    • auxiliar clientes/pessoas na montagem do equipamento de pesca (nó, linha, isca...);
    • solicitar manutenção de equipamentos;
    • auxiliar clientes/pessoas no manuseio dos peixes (retirar da água, retirar anzol...);
    • providenciar iscas vivas;
    • decidir sobre mudança de percurso;
    • alertar para a presença de animais (ferozes, peçonhentos, insetos...);
    • alertar clientes/pessoas sobre a execução dos procedimentos de segurança;
    • definir roteiros;
    • providenciar resgate;
    • realizar pequenos reparos em equipamentos;
    • indicar outros passeios turísticos a clientes/pessoas;
    • indicar locais propícios para banhos/mergulhos;
    • demonstrar capacidade de transmitir confiança;
    • sugerir novos roteiros, rotas e trajetos;
    • orientar clientes/pessoas sobre as questões relativas à conservação do meio ambiente;
    • verificar a vida útil dos equipamentos;
    • demonstrar os procedimentos a serem adotados durante a realização da atividade;
    • demonstrar capacidade de liderança;
    • conduzir veículos para realização de atividades turísticas;
    • providenciar substituição de equipamentos;
    • dividir grupos de acordo com a atividade contratada (capacidade do equipamento/local);
    • demonstrar iniciativa;
    • preparar local para alimentação de clientes/pessoas;
    • verificar disponibilidade de equipamentos de segurança (tipo e quantidade);
    • obter dos clientes/pessoas a concordância no seguimento das regras;
    • orientar sobre as regras necessárias à realização da atividade;
    • demonstrar capacidade de tomar decisões;
    • orientar sobre os procedimentos específicos para realização da atividade;
    • demonstrar capacidade de interagir com pessoas;
    • orientar sobre os riscos;
    • demonstrar habilidade no trato com pessoas;
    • divulgar serviços turísticos (e-mail, redes sociais, revistas especializadas...);
    • orientar sobre vestimenta adequada à realização da atividade;
    • fornecer informações detalhadas sobre uma atividade turística específica;
    • selecionar equipamentos para realização da atividade turística;
    • atentar para sinais de desgaste físico e emocional;
    • definir embarcação;
    • utilizar rota de fuga e/ou emergência;
    • interpretar condições climáticas;
    • acondicionar equipamentos;
    • motivar clientes/pessoas a iniciar/concluir a atividade turística;
    • atentar para sinais de aproximação de outros veículos;
    • demonstrar capacidade de organização;
    • preparar equipamentos para a realização da atividade turística;
    • demonstrar capacidade de trabalhar em equipe;
    • lavar os equipamentos após o uso;
    • participar de eventos (feiras, palestras...);

    Cargos e salários CBO 5115-10 - Condutores de turismo

    Salário Piloteiro de Turismo de Pesca

    Piloteiro de Turismo de Pesca: Brasil

    • 57
    • Brasil
    • 1.34 - 2.435
    • 44h
    O profissional no cargo de Piloteiro de Turismo de Pesca CBO 5115-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.34 e 2.435 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 57 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5115-10.
    Salário Pirangueiro de Turismo de Pesca

    Pirangueiro de Turismo de Pesca: Brasil

    • 57
    • Brasil
    • 1.34 - 2.435
    • 44h
    O profissional no cargo de Pirangueiro de Turismo de Pesca CBO 5115-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.34 e 2.435 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 57 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 5115-10.