CBO 3413-20 - Condutor de máquinas (bombeador) - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos técnicos marítimos e fluviários de máquinas

O profissional no cargo de Condutor de máquinas (bombeador) CBO 3413-20 executa a operação, a conservação e a manutenção das bombas de carga e suas instalações e mantém em condições operacionais as redes e os tanques de carga, para carregar e descarregar carga líquida das embarcações na navegação marítima da marinha mercante Prepara tanques para armazenagem e auxilia no posicionamento do navio durante atracação para carga e descarga.

Registra dados de operações de carga e descarga e dados de manutenção Controla materiais de consumo e sobressalentes utilizados nas operações Segue normas da autoridade marítima da Diretoria de Portos e Costas da Marinha do Brasil, que define capacidades das embarcações e limites em que pode atuar.

Cumpre normas de salvatagem e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho, de prevenção contra incêndios e de preservação ambiental

CBO 3413-20 é o Código Brasileiro da Ocupação de técnicos marítimos e fluviários de máquinas que pertence ao grupo dos técnicos de nível médio em serviços de transportes, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Condutor de máquinas (bombeador), atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Técnicos marítimos e fluviários de máquinas CBO 3413-20 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 3413-20

  • Técnicos de nível médio.
    • Técnicos marítimos e fluviários de máquinas.
      • Técnicos de nível médio em serviços de transportes.

O que faz um Condutor de máquinas (bombeador)

O Condutor de máquinas (bombeador) CBO 3413-20 planeja o trabalho, seguindo ordens de serviço, interpretando informações técnicas sobre as cargas e calculando volume e peso da carga, de modo a garantir a eficiência das operações Realiza operações de carga, descarga, lastro e deslastro, baldeação e preparação de tanques.

Conecta e desconecta os mangotes de carga e de descarga, por ocasião das operações de carga e descarga, colocando e retirando reduções, quando necessário.

Carrega e descarrega carga líquida da embarcação - na navegação marítima da marinha mercante -, preparando tanques para armazenagem de acordo com o tipo de carga, inspecionando condições de compartimentos de carga, e auxiliando no posicionamento da embarcação durante atracação para carga e descarga Posiciona equipamentos de prevenção de poluição.

Monitora níveis de tanques de carga líquida e aciona sistema de segurança de carga Abre e fecha compartimentos de carga.

Monitora temperatura das cargas líquidas.

Lastra e deslastra embarcação Monitora o calado da embarcação, em função de suas cargas.

Coordena abastecimento e transferências entre embarcações e terminais.

Opera, conserva e realiza a manutenção das bombas de carga e suas instalações Realiza a conservação das redes de carga e de descarga e suas válvulas, das redes de vapor no convés, das serpentinas de aquecimento dos tanques de carga, e das redes de expansão dos gases, executando os reparos que se fizerem necessários Realiza serviços de conservação da casa de bombas, solicitando trabalhadores auxiliares de acordo com as atividades e acondicionando materiais e equipamentos.

Retira água de dalas e porões Mantém as redes e os tanques de carga limpos e em condições de operação Registra dados de livro de operações de carga e descarga e dados de manutenção.

Controla, inventaria, etiqueta e requisita materiais de consumo e sobressalentes utilizados nos serviços carregamento e descarregamento de carga líquida Zela pela limpeza, conservação e manutenção do material, ferramentas e utensílios da casa de bombas e paióis e pelo equipamento de gás inerte, assinando as cautelas e responsabilizando-se pelas faltas que ocorrerem.

Coordena atividades de prevenção à poluição do meio ambiente.

Funções do cargo

O funcionário CBO 3413-20 deve controlar materiais de consumo e sobressalentes, demonstrar competências pessoais, registrar dados de seção de máquinas, coordenar serviços de seção de máquinas, carregar e descarregar carga líquida, executar serviços de conservação de seção de máquinas/casa de bombas.

Condições de trabalho dessas profissões

Técnicos marítimos e fluviários de máquinas os cargos dessa família CBO exercem suas funções em empresas de navegação e de transporte aquaviário e são contratados na condição de trabalhadores assalariados, com carteira assinada. Organizam-se em equipes de trabalho, desenvolvem as atividades com supervisão majoritariamente ocasional, podendo trabalhar em ambientes fechados (como seção de máquinas e casas de bombas) e em horários irregulares e podem permanecer em posições desconfortáveis durante longos períodos. Exercem as atividades na condição de trabalho confinado em embarcações, em regime especial de trabalho e descanso remunerado. Podem estar sujeitos a estresse devido à pressão requerida pelo trabalho, e podem estar sujeitos à ação de materiais tóxicos, ruído intenso e altas temperaturas.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 3413-20

Essas ocupações são exercidas por pessoas oriundas de escolas técnicas de Nível Médio, em áreas diversas, reconhecida pelo Ministério da Educação que passam por uma segunda formação, por meio dos cursos ministrados pela Marinha do Brasil. O pleno exercício das funções ocorre após o período de cinco anos de experiência profissional.

Atividades exercidas por um Condutor de máquinas (bombeador) CBO 3413-20

Um Condutor de máquinas (bombeador) (ou sinônimo) deve solicitar auxiliares, posicionar equipamentos de prevenção de poluição, demonstrar acuidade visual, monitorar temperatura de cargas líquidas, conectar e desconectar os mangotes de carga, requisitar reposição de materiais, monitorar níveis de tanques de carga líquida, calcular volume e peso de carga, demonstrar tolerância ao balanço - embarcação, acondicionar materiais e equipamentos, inspecionar condições de compartimentos de carga, usar e.p.i., lastrar e deslastrar embarcações, efetuar manobra de válvulas de carga e descarga, demonstrar tolerância ao trabalho em local confinado, demonstrar iniciativa, registrar dados de livro de operações de carga e descarga, demonstrar condicionamento físico, registrar dados de manutenção, demonstrar acuidade auditiva, demonstrar agilidade física, coletar amostras de carga líquida, abrir e fechar compartimentos de carga, monitorar calado de embarcações, monitorar pressão dos tanques, retirar água de dalas e porões, auxiliar no posicionamento do navio para atracação - para carga e descarga, coordenar atividades de prevenção a poluição de meio ambiente, acionar sistema de segurança de carga, preparar tanques para armazenagem segundo tipos de carga, coordenar abastecimento e transferências entre embarcações e terminais, trabalhar em equipe, inventariar materiais, demonstrar capacidade olfativa, etiquetar materiais, demonstrar tolerância a permanecer longos períodos isolados.

Cargos e salários CBO 3413-20 - Técnicos marítimos e fluviários de máquinas

Salário Condutor de Máquinas (bombeador)

Condutor de Máquinas (bombeador): Brasil

  • 50
  • Brasil
  • 3.206 - 6.337
  • 41h
O profissional no cargo de Condutor de Máquinas (bombeador) CBO 3413-20 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.206 e 6.337 para uma jornada de trabalho média de 41h semanais de acordo com dados salariais de 50 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 3413-20.