CBO 1412-05 - Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública - Salário, o que faz, descrição do cargo

CBO 1412-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública que pertence ao grupo dos gerentes de produção e operações, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública CBO 1412-05 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 1412-05

  • Membros superiores do poder público, dirigentes de organizações de interesse público e de empresas, gerentes.
    • Gerentes.
      • Gerentes de produção e operações.
        • Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública.

Descrição dos cargos da categoria Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública

Os Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública CBO 1412-05 exercem a gerência de produção nas indústrias de transformação e extração mineral, definem e implementam plano operacional, analisando a demanda de produtos, a capacidade produtiva e recursos auxiliares, elaborando plano de racionalização e redução de custos, plano de investimentos, orçamento de despesas e necessidades de matérias-primas, planejam a produção, programando mão-de-obra e paradas ou intervenções em máquinas, equipamentos e instrumentos industriais, gerenciam equipes de trabalho, administrando salários, admissões, demissões, promoções e promovendo o desenvolvimento das equipes por meio de cursos e treinamentos, asseguram e promovem o cumprimento das ações de proteção ao meio ambiente e também pelas normas de higiene e segurança no trabalho, por meio de orientações às suas equipes, desenvolvem e implantam métodos e técnicas que visam melhorar e otimizar o processo de produção, gerenciam áreas de manutenção, engenharia de processos e logística.

Condições de trabalho

Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública esses profissionais atuam em áreas ligadas à extração de minerais, comércio por atacado e intermediários do comércio, comércio varejista, exceto comércio de veículo, fabricação de produtos alimentares e bebidas e de produtos químicos. São empregados com carteira assinada e trabalham em equipes, com supervisão ocasional, em ambientes fechados e em horário diurno. Eventualmente, trabalham sob pressão, levando à situação de estresse constante.

Exigências do mercado de trabalho

Para ingressar nessa família ocupacional, o trabalhador necessita do curso superior completo. Normalmente são formados em engenharia plena ou de curta duração e afins. É recomendável mais de cinco anos de experiência profissional. O gerente de produção e operações está sempre em busca de novas tecnologias e em constante reciclagem.

Funções dos Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública CBO 1412-05

Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública devem:

  • planejar a produção;
  • assegurar as ações de preservação ambiental;
  • definir plano operacional;
  • comunicar-se;
  • promover condições de higiene e segurança no trabalho;
  • demonstrar competências pessoais;
  • implantar tecnologias e inovações;
  • gerenciar pessoas;
  • administrar a produção e operação;
  • Atividades dos cargos CBO 1412-05

    Entre as principais atribuições dos Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública CBO 1412-05 estão as de:

    • discutir com p&d e marketing o desenvolvimento de novos produtos e processos de fabricação;
    • participar da análise de tendências do mercado;
    • acompanhar auditorias internas e externas de higiene e segurança no trabalho;
    • aprovar normas e instruções;
    • fornecer informações para elaboração de planos de ações corretivas;
    • demonstrar persuasão;
    • contribuir na elaboração de descrição de cargos da equipe;
    • demonstrar capacidade para negociar;
    • administrar ações de manutenção;
    • facilitar o fluxo de informações;
    • participar de congressos, cursos, seminários....;
    • administrar ações para redução de custos de produção;
    • programar mão-de-obra;
    • viabilizar o cumprimento de normas e procedimentos;
    • apresentar sugestões para elaboração de planos de higiene e segurança no trabalho;
    • colaborar na definição e disponibilização de epi's e epc's;
    • assegurar a recuperação das áreas degradadas;
    • revisar planos de produção;
    • demonstrar disponibilidade;
    • garantir o cumprimento das normas de higiene e segurança no trabalho;
    • promover reuniões setoriais;
    • acionar planos de contingência;
    • minimizar a exposição de pessoas em áreas insalubres e de riscos;
    • garantir a ordem, limpeza e organização das áreas de trabalho (house keeping);
    • resolver conflitos;
    • apoiar as campanhas de higiene e segurança na empresa;
    • administrar contratos de serviços de terceiros;
    • administrar reclamações de clientes, consumidores e de não conformidade;
    • praticar o ´feed back´;
    • preparar plano de contingência e ações preventivas;
    • demonstrar clareza de propósitos;
    • desenvolver produtos e/ou equipamentos junto com fornecedores ou terceiros;
    • dar ´feed back´ da avaliação do pessoal da equipe;
    • investigar causas de ocorrências nas áreas de higiene e segurança no trabalho;
    • visitar empresas, fornecedores, clientes, feiras....;
    • monitorar o cumprimento de normas e procedimentos;
    • expedir correspondências;
    • administrar o resultado da qualidade no processo;
    • estimular a motivação do pessoal da equipe;
    • expedir relatórios gerenciais;
    • participar de auditorias internas e externas;
    • trabalhar voltado para resultados;
    • trabalhar em equipe;
    • definir indicadores de controle (produtividade, custo, qualidade e consumos específicos);
    • demonstrar flexibilidade;
    • administrar estoques de matérias-primas, produtos em elaboração e acabados, materiais diversos e insumos;
    • evidenciar objetividade;
    • promover treinamento e desenvolvimento do pessoal da equipe;
    • providenciar o descarte de resíduos industriais e poluentes, conforme legislação;
    • implementar planos de investimentos, racionalização e redução de custos;
    • agir com sensatez;
    • avaliar o desempenho do pessoal da equipe;
    • divulgar, no âmbito do departamento, os resultados da empresa;
    • desenvolver tecnologias em parceria com terceiros;
    • gerenciar o absenteísmo (faltas, licenças, afastamentos.....);
    • administrar fluxos de armazenagem e expedição;
    • elaborar plano de racionalização e redução de custos;
    • elaborar orçamento de despesas e necessidades de matérias-primas;
    • administrar indicadores de controle (produtividade, custo, qualidade e consumos específicos);
    • programar paradas ou intervenções em máquinas, equipamentos e inst. industriais;
    • exercer liderança;
    • analisar a capacidade produtiva e recursos auxiliares (mão-de-obra , equipamento , material , instrumento , manutenção);
    • gerenciar salários, promoções, admissões e demissões do pessoal da equipe;
    • auditar fornecedores ou terceiros;
    • apresentar soluções para eliminação de situações e áreas de risco, de insalubridade e atos inseguros;
    • demonstrar criatividade;
    • revisar manuais de procedimentos;
    • interagir com demais áreas da empresa;
    • assegurar que a emissão de poluentes não exceda os limites estabelecidos;
    • ouvir atentamente (saber ouvir);
    • delegar atribuições;
    • elaborar plano de investimentos;
    • analisar a demanda de produtos;
    • planejar necessidades de insumos, matérias-primas e materiais auxiliares;
    • atualizar-se profissionalmente;
    • identificar necessidades de treinamento e desenvolvimento do pessoal da equipe;
    • estabelecer plano de produção (tipo, quantidade, prazos);

    Cargos e salários CBO 1412-05 - Gerentes de produção e operações em empresa da indústria extrativa, de transformação e de serviços de utilidade pública

    Salário Correeiro - Empregador

    Correeiro - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Correeiro - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Gerente de Unidade de Fabricação

    Gerente de Unidade de Fabricação: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Gerente de Unidade de Fabricação CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Salineiro - Empregador

    Salineiro - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Salineiro - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Correiro - Empregador

    Correiro - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Correiro - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Gerente Industrial

    Gerente Industrial: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Gerente Industrial CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Salineiro - na Extração - Empregador

    Salineiro - na Extração - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Salineiro - na Extração - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Corrieiro - Empregador

    Corrieiro - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Corrieiro - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Joalheiro - na Fabricação - Empregador

    Joalheiro - na Fabricação - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Joalheiro - na Fabricação - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Salineiro (empregador)

    Salineiro (empregador): Brasil

    • 16.639
    • Brasil
    • 4.858 -
    • 44h
    O profissional no cargo de Salineiro (empregador) CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.858 e para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 16.639 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Curtidor - Empregador

    Curtidor - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Curtidor - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Lombilheiro - Empregador

    Lombilheiro - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Lombilheiro - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Seleiro - na Fabricação - Empregador

    Seleiro - na Fabricação - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Seleiro - na Fabricação - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Gerente de Departamento de Fabricação

    Gerente de Departamento de Fabricação: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Gerente de Departamento de Fabricação CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Marmorista - Exclusive na Extração - Empregador

    Marmorista - Exclusive na Extração - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Marmorista - Exclusive na Extração - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Sócio Proprietário de Areal - Empregador

    Sócio Proprietário de Areal - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Sócio Proprietário de Areal - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Gerente de Departamento Industrial

    Gerente de Departamento Industrial: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Gerente de Departamento Industrial CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Marmorista - na Extração - Empregador

    Marmorista - na Extração - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Marmorista - na Extração - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.
    Salário Sócio Proprietário de Pedreira - Empregador

    Sócio Proprietário de Pedreira - Empregador: Brasil

    • 26.455
    • Brasil
    • 4.557 - 13.873
    • 43h
    O profissional no cargo de Sócio Proprietário de Pedreira - Empregador CBO 1412-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 4.557 e 13.873 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 26.455 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1412-05.