CBO 6301-05 - Supervisor da aquicultura - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos supervisores na área florestal e aquicultura

O profissional no cargo de Supervisor da aquicultura CBO 6301-05 supervisiona atividades de aquicultura, examinando a qualidade da água, controlando a densidade populacional da criação, monitorando a alimentação, controlando o índice de conversão alimentar, acompanhando a desova, controlando a sanidade da criação, orientando o controle de pragas e de predadores, verificando as causas de mortalidade, monitorando a despesca, e controlando o transporte da produção Monitora padrões de qualidade dos processos e da produção.

Planeja as atividades, programando etapas de criação Administra recursos humanos, materiais e financeiros Supervisiona equipes de trabalho, avaliando desempenho e promovendo treinamentos.

Elabora documentação Cumpre legislação, normas técnicas de aquicultura e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

CBO 6301-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de supervisores na área florestal e aquicultura que pertence ao grupo dos pescadores e extrativistas florestais, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Supervisor da aquicultura, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Supervisores na área florestal e aquicultura CBO 6301-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 6301-05

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca.
    • Supervisores na área florestal e aquicultura.
      • Pescadores e extrativistas florestais.

O que faz um Supervisor da aquicultura

O Supervisor da aquicultura CBO 6301-05 planeja as atividades de aquicultura, programando as etapas da criação Analisa metas e estabelece estratégias para atingi-las.

Verifica a disponibilidade de insumos, providenciando aquisição dos faltantes.

Pode participar de estudo da adequação do tipo de criação às características da região onde se realiza Supervisiona a execução das atividades programadas, monitorando o manejo da criação.

Controla a qualidade da água, fazendo sua medição e examinando se está adequada para o cultivo da espécie escolhida Verifica o povoamento de tanques de larvas e alevinos, controlando a densidade populacional da criação.

Supervisiona a alimentação da criação e controla a conversão alimentar.

Monitora a desova Controla a sanidade da criação e examina as causas de mortalidade.

Orienta o controle de pragas e de predadores.

Acompanha a despesca, tomando medidas para minimizar o estresse causado à criação Controla o transporte, verificando a forma de acondicionamento da produção e as condições de higiene do veículo Controla a qualidade dos processos e do produto da criação e verifica a satisfação do cliente.

Administra as atividades de criação, fazendo - em sistemas informatizados - o controle da produção, de estoques de insumo e do uso de máquinas e equipamentos Controla o armazenamento das rações em silos bem ventilados e, se ensacadas, em lugar seco e arejado, evitando o aparecimento de fungos Controla as condições de armazenamento da produção.

Monitora o funcionamento de máquinas e equipamentos, acompanhando lubrificação, providenciando peças de reposição e inspecionando serviços de manutenção preventiva e corretiva Realiza administração financeira, controlando despesas e disponibilidade de recursos financeiros.

Administra pessoal, participando de processos de seleção, de contratação e de demissão, distribuindo tarefas, verificando frequência e pontualidade, e definindo escala de férias e folgas Supervisiona o trabalho da equipe, avaliando desempenho e verificando necessidade de treinamentos Promove cursos e prepara materiais didáticos referentes às técnicas de trabalho, ao uso correto de máquinas e equipamentos, às normas de segurança no trabalho, e ao bem-estar da criação.

Orienta a equipe de trabalho nas atividades diárias Realiza palestras e reuniões Elabora documentação, tais como prestação de contas e relatórios de produção e de controle de qualidade.

Elabora orçamentos Promove práticas para mitigação de danos ambientais, reaproveitando sobras e descartando resíduos e embalagens vazias de insumos de acordo com normas ambientais Zela pela segurança no trabalho, usando e monitorando o uso, pela equipe, de equipamentos de proteção individual, e prevenindo acidentes.

Pode prestar primeiros socorros.

Funções do cargo

O funcionário CBO 6301-05 deve administrar mão-de-obra da Área florestal e aqüicultura, providenciar manutenção de equipamentos florestais e de aqüicultura, elaborar documentação da Área florestal e aqüicultura, controlar produção florestal e de aqüicultura, demonstrar competências pessoais, treinar pessoal da Área florestal e aqüicultura, supervisionar manejo e produção florestal e de aqüicultura, planejar atividades florestais e de aqüicultura.

Condições de trabalho dessas profissões

Supervisores na área florestal e aquicultura trabalham em médias e grandes empresas de silvicultura, exploração florestal, pesca e aqüicultura ou em outros serviços relacionados com essas atividades, em regime assalariado, com carteira assinada. Nas pequenas empresas, as atividades de supervisão são absorvidas pelos próprios produtores e seus familiares. Trabalham a céu aberto, em horários diurnos, em condições normais de trabalho.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 6301-05

O exercício dessas ocupações requer curso técnico de nível médio na aréa florestal, piscicultura ou em áreas afins. Normalmente participam de cursos e treinamentos ligados à área de atuação. Estão organizados em equipe, muldisciplinar sob supervisão permanente de engenheiros.

Atividades exercidas por um Supervisor da aquicultura CBO 6301-05

Um Supervisor da aquicultura (ou sinônimo) deve supervisionar destino final de embalagens de defensivos e insumos, supervisionar alimentação da criação, medir rendimento de equipamentos, medir rendimento de mão-de-obra, selecionar mão-de-obra, supervisionar despesca, efetuar pagamentos, elaborar gráficos, ensinar técnicas de segurança, verificar satisfação do cliente, intermediar relação empresa-comunidade, realizar palestras e reuniões, monitorar lubrificação de máquinas e equipamentos, supervisionar transporte da produção, intermediar relação patrão-empregado, programar consumo de insumos, participar de cursos de aperfeiçoamento, respeitar meio-ambiente, inspecionar manutenção de equipamentos, supervisionar desova, solicitar manutenção preventiva, elaborar relatórios de controle de qualidade, solicitar substituição de equipamentos, monitorar vida útil de peças e equipamentos, medir qualidade da água, elaborar orçamentos, ensinar uso de máquinas e equipamentos, programar povoamento de tanques de larvas e alevinos, elaborar relatórios de pessoal, solicitar peças de reposição e lubrificantes, adaptar-se a mudanças, orientar funcionários, liderar equipes, programar manejo da criação, ensinar técnicas de trabalho, supervisionar uso de máquinas e equipamentos, contratar mão-de-obra, controlar sanidade da criação, programar alimentação da criação, programar desova, distribuir tarefas, programar transporte da produção, supervisionar controle de pragas e predadores, elaborar relatórios de produção, verificar uso de equipamentos de proteção individual, identificar falhas em peças e equipamentos, indicar funcionários para cursos de aperfeiçoamento, trabalhar em equipe, solicitar assistência técnica, controlar armazenamento da produção, controlar estoques de insumos, medir produtividade por área, supervisionar povoamento de tanques de larvas e alevinos, guiar pessoas em visitas técnicas, supervisionar dosagem de insumos, supervisionar manejo da criação, prestar contas, definir escala de férias e folgas, controlar eficácia de insumos, elaborar planilhas, manifestar dinamismo, programar despesca, planejar controle de pragas e predadores, controlar causa de mortalidade de produção, controlar conversão alimentar, controlar densidade populacional da criação, demitir mão-de-obra, controlar causa de falhas em equipamentos, verificar freqüência e pontualidade de funcionários, preparar material didático.

Cargos e salários CBO 6301-05 - Supervisores na área florestal e aquicultura

Salário Supervisor da Aquicultura

Supervisor da Aquicultura: Brasil

  • 310
  • Brasil
  • 3.612 - 8.868
  • 43h
O profissional no cargo de Supervisor da Aquicultura CBO 6301-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.612 e 8.868 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 310 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6301-05.
Salário Encarregado da Aqüicultura

Encarregado da Aqüicultura: Brasil

  • 310
  • Brasil
  • 3.612 - 8.868
  • 43h
O profissional no cargo de Encarregado da Aqüicultura CBO 6301-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.612 e 8.868 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 310 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6301-05.