CBO 6134-05 - Apicultor - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos produtores de animais e insetos úteis

O profissional no cargo de Apicultor CBO 6134-05 coordena, administra e orienta a criação de abelhas, estabelecendo criação racional, complementando alimentação das abelhas, controlando pragas e doenças, providenciando inseminação artificial de abelhas rainhas, e orientando extração de produtos apícolas, como mel, cera e veneno (apitoxina) Cria espécies de abelhas com ferrão – tais como de abelhas africanizadas – e espécies de abelhas sem ferrão – como jataí e uruçu.

Comercializa produtos apícolas Planeja atividades de criação de abelhas Administra propriedade rural.

Pesquisa e adota novas tecnologias Supervisiona equipes de trabalho, distribuindo tarefas, avaliando desempenho e desenvolvendo treinamentos Cumpre legislação referente à apicultura e à meliponicultora, normas técnicas, normas de biossegurança e vigilância sanitária e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

CBO 6134-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de produtores de animais e insetos úteis que pertence ao grupo dos produtores na exploração agropecuária, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Apicultor, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Produtores de animais e insetos úteis CBO 6134-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 6134-05

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca.
    • Produtores de animais e insetos úteis.
      • Produtores na exploração agropecuária.

O que faz um Apicultor

O Apicultor CBO 6134-05 planeja atividades de criação de abelhas, definindo uma ou mais finalidades da criação – extrações de mel, cera, própolis, pólen, geleia real e apitoxina (veneno de abelhas), e escolhendo espécie de abelhas Define a aplicação de técnicas e procedimentos manuais, semimecanizados ou totalmente mecanizados, com uso, inclusive, de sistemas automatizados.

Utiliza programas informatizados para planejamento e controle da criação.

Estabelece metas e estima custos Seleciona o local para o apiário em terreno plano e em área sombreada.

Adquire ou fabrica colmeia (ou caixa de abelhas), confirmando seu formato-padrão e as medidas das suas peças Estabelece a criação racional de abelhas, coletando colônia natural – principalmente em troncos de árvores - e colocando-a na colmeia.

Supervisiona atividades de manejo, monitorando as colmeias do apiário.

Orienta procedimentos para substituição de rainha e confirma a postura da nova, verificando a presença de ovos e larvas Acompanha a substituição dos quadros da colmeia.

Faz revisões, quando necessário, para avaliar as condições gerais das colmeias e a ocorrência de anormalidades, interferindo o mínimo possível na atividade das abelhas.

Planeja alimentação das abelhas, instalando o apiário próximo à flora apícola, conjunto de plantas usadas pelas abelhas como fonte de alimento (néctar e pólen) Pode acrescentar à flora apícola outras espécies de plantas, para que tenha garantia do florescimento em diferentes épocas do ano Estabelece forma de aproveitamento de recursos hídricos disponíveis ou constrói fonte de água para as abelhas.

Pode fornecer à colônia alimentação suplementar, como pasta “candy” Controla e combate pragas e doenças Providencia proteção contra formigas em instalações e acondiciona cera para prevenção de traças.

Cuida da situação sanitária das colmeias, para evitar a disseminação de doenças Reconhece sintomas de doenças e toma medidas imediatas, como o isolamento das colmeias atacadas e envio de amostras de material biológico a laboratórios para análise e diagnóstico precisos.

Providencia a execução de procedimentos de inseminação artificial de abelhas rainhas Faz a aquisição de rainhas e zangões geneticamente melhorados, para aperfeiçoamento do plantel de abelhas Supervisiona o manejo do apiário, orientando a colheita dos produtos das abelhas.

Monitora a realização da desoperculação e da centrifugação dos favos de mel e a execução da filtragem e da decantação do mel Verifica coleta, limpeza e secagem do pólen apícola Controla a coleta da própolis e da geleia real.

Orienta coleta e o reprocessamento da cera Confere a aplicação de técnicas apropriadas para extrair o veneno das abelhas (apitoxina) Monitora a preparação de mel e outros produtos apícolas para comercialização.

Observa a realização de pesagem, classificação, acondicionamento e armazenagem conforme normas de sanidade e segurança Comercializa mel e demais produtos apícolas Providencia a expedição e o transporte dos produtos vendidos Mantém-se atualizado, pesquisando novas tecnologias na criação de abelhas Administra propriedade rural, controlando estoques de insumos, programando logística de transporte de insumos e produtos, e gerenciando recursos financeiros.

Coordena a montagem da infraestrutura do apiário Monitora limpeza, higienização e desinfecção das instalações Seleciona equipamentos e acessórios e providencia sua manutenção Supervisiona atividades das equipes de trabalho, distribuindo tarefas e avaliando o desempenho dos trabalhadores Proporciona programas de treinamento às equipes Promove práticas – tais como arborização e proteção de nascentes da propriedade - para mitigação de danos ambientais Zela pela segurança no trabalho, usando e monitorando o uso, pela equipe, de equipamentos de proteção individual e de vestimenta apícola adequada e completa, controlando adoção de protocolos de biossegurança, e prevenindo acidentes.

Funções do cargo

O funcionário CBO 6134-05 deve demonstrar competências pessoais, manejar criação de animais e insetos Úteis, controlar pragas e doenças, produzir alimentos para animais e insetos Úteis, efetuar colheita de derivados de animais e insetos Úteis, manejar produção de derivados de animais e insetos Úteis, comercializar produção, montar instalações, administrar produção.

Condições de trabalho dessas profissões

Produtores de animais e insetos úteis trabalham por conta própria e geralmente utilizam mão-de-obra familiar. Nos picos sazonais de coleta, podem contratar mão-de-obra temporária, que trabalha sob sua supervisão. Os criadores de insetos e animais produtores de veneno executam tarefas predominantemente administrativas e da gerência do negócio. A maioria dos criatórios são estatais e se concentra em institutos de pesquisa e produtores de soro. Neste caso, o plantel é predominantemente mantido por doações e reprodução. No caso de criatórios privados, o plantel é mantido exclusivamente por meio de reprodução, existindo uma preocupação comercial com o tempo de vida dos animais. Podem trabalhar tanto a céu aberto quanto em locais fechados, durante o dia. No exercício de algumas atividades, os minhocultores podem permanecer em posições desconfortáveis por longos perídos, ao passo que os apicultores estão sujeitos à exposição de fumaça.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 6134-05

A escolaridade é hetorogênea, variando de nenhuma escolaridade para os sericultores a ensino fundamental para os apicultores e minhocultores. O conhecimento e as habilidades para a execução do trabalho são adquiridos no ambiente familiar, de geração para geração. Para os produtores de veneno, é exigido o ensino médio completo. Os apicultores levam de quatro a cinco anos para o pleno desempenho da profissão. Há ainda oferta de cursos livres, oferecidos por associações de criadores, institutos de pesquisa e instituições de formação profissional.

Atividades exercidas por um Apicultor CBO 6134-05

Um Apicultor (ou sinônimo) deve acondicionar enxames para transporte, fornecer equipamentos de segurança para manejo de animais e insetos úteis, reprocessar ceras, desinfetar equipamentos, controlar alimentação, coletar geléia real, instalar melgueiras, repor enxames, planejar produção, controlar ventilação, armazenar geléia, veneno e própolis em freezer, coletar pólen do coletor, interagir com a comunidade, armazenar mel, cera e pólen em temperatura ambiente, providenciar proteção contra formigas em instalações, instalar apiário, classificar própolis segundo tamanho e procedência, dedicar-se, definir finalidade da produção, liderar, dar provas de criatividade, trabalhar em equipe, desopercular favos de mel, decantar mel, pesar produção, centrifugar favos de mel, equipar instalações, dimensionar tamanho da criação, transportar colméias - apicultura migratória, secar pólen, dimensionar instalações, demonstrar atenção difusa, substituir quadros, monitorar postura, acondicionar rainha para transporte, preparar alimentação artificial para animais e insetos úteis, preparar material apícola, preparar colmeias para produção de geleia real, substituir rainhas, instalar coletor de veneno, produzir rainhas, revisar colméias, construir casa de mel, controlar receitas e despesas, transportar materiais, insumos e produtos, embalar produtos segundo destino, acondicionar cera para prevenção de traças, instalar coletor de própolis, pesquisar mercado, contratar mão-de-obra segundo necessidades da produção, limpar instalações, controlar luminosidade, desinfetar instalações, alocar áreas de floradas, instalar caça pólen, limpar pólen, colher favos de mel, construir depósitos de materiais e equipamentos, delegar funções, tratar doenças em colmeias, raspar própolis, filtrar mel, interagir com o meio ambiente, coletar veneno do coletor.

Cargos e salários CBO 6134-05 - Produtores de animais e insetos úteis

Salário Abelheiro

Abelheiro: Brasil

  • 75
  • Brasil
  • 1.754 - 3.209
  • 43h
O profissional no cargo de Abelheiro CBO 6134-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.754 e 3.209 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 75 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6134-05.
Salário Apicultor - Empregador

Apicultor - Empregador: Brasil

  • 75
  • Brasil
  • 1.754 - 3.209
  • 43h
O profissional no cargo de Apicultor - Empregador CBO 6134-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.754 e 3.209 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 75 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6134-05.
Salário Meleiro

Meleiro: Brasil

  • 75
  • Brasil
  • 1.754 - 3.209
  • 43h
O profissional no cargo de Meleiro CBO 6134-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.754 e 3.209 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 75 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6134-05.
Salário Proprietário - na Criação de Abelhas - Empregador

Proprietário - na Criação de Abelhas - Empregador: Brasil

  • 75
  • Brasil
  • 1.754 - 3.209
  • 43h
O profissional no cargo de Proprietário - na Criação de Abelhas - Empregador CBO 6134-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.754 e 3.209 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 75 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6134-05.
Salário Sócio-proprietário - na Criação de Abelhas - Empregador

Sócio-proprietário - na Criação de Abelhas - Empregador: Brasil

  • 75
  • Brasil
  • 1.754 - 3.209
  • 43h
O profissional no cargo de Sócio-proprietário - na Criação de Abelhas - Empregador CBO 6134-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.754 e 3.209 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 75 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6134-05.
Salário Apicultor

Apicultor: Brasil

  • 75
  • Brasil
  • 1.754 - 3.209
  • 43h
O profissional no cargo de Apicultor CBO 6134-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.754 e 3.209 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 75 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 6134-05.