CBO 2311-10 - Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos) - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos professores de nível superior na educação infantil

O profissional no cargo de Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos) CBO 2311-10 responsabiliza-se pelo cuidado e promove educação e relação ensino e aprendizagem para crianças com até 3 anos, em creches de instituições públicas e privadas Estabelece a rotina de cuidados do berçário.

Elabora cronograma para desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem das crianças Realiza atividades com vistas aos desenvolvimentos socioemocional, cognitivo e de linguagem das crianças, promovendo a imitação, a representação simbólica e o brincar Elabora recursos didáticos.

Realiza ações de acolhimento e garante ambiente seguro e saudável Registra informações referentes às etapas do processo de ensino e aprendizagem Interage com as famílias das crianças e com a comunidade.

Faz pesquisas na área de educação Cumpre legislação educacional, normas e procedimentos técnicos, e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

CBO 2311-10 é o Código Brasileiro da Ocupação de professores de nível superior na educação infantil que pertence ao grupo dos profissionais do ensino, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos), atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Professores de nível superior na educação infantil CBO 2311-10 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 2311-10

  • Profissionais das ciências e das artes.
    • Professores de nível superior na educação infantil.
      • Profissionais do ensino.

O que faz um Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos)

O Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos) CBO 2311-10 planeja os cuidados e a prática educacional, realizando avaliação diagnóstica, identificando características, necessidades e potencialidades de crianças com até 3 anos, e considerando a integração entre o cuidar, o educar e o ensinar Estabelece objetivos educacionais, de acordo com a legislação e a proposta pedagógica da escola.

Define as situações de aprendizagem e as estratégias de ensino e de avaliação.

Seleciona e elabora recursos didáticos Propõe projetos para integração com os pais e com a comunidade.

Define ações para adaptação do processo para alunos que requerem atenção especial Replaneja a prática em intervalos predefinidos ou quando necessário.

Estabelece a rotina de cuidados do berçário.

Programa as atividades diárias das crianças e elabora cronograma para o desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem Responsabiliza-se pelo cuidado e pela educação das crianças, realizando ações de acolhimento, garantindo um ambiente seguro e saudável, acompanhando-os e orientando-os nos momentos de refeições e de descanso, na higienização corporal, na troca de roupas e fraldas e nas atividades recreativas, evitando atitudes inadequadas ou inconsequentes, e intervindo em situações de risco.

Estabelece regras de conduta, limites e rotinas.

Implementa atividades e estratégias integradoras para incentivar a convivência e a interação social Intervém em situações de conflito no grupo Orienta sobre ações de segurança, higiene, hábitos alimentares e saúde.

Realiza ações e atividades com vistas aos desenvolvimentos socioemocional, cognitivo e de linguagem das crianças, construindo relacionamentos calorosos e estimulantes, promovendo a imitação, a representação simbólica e o brincar, incentivando o intercâmbio de comunicação, e expandindo a linguagem expressiva-receptiva e o vocabulário Promove a relação ensino e aprendizagem Cria situações de aprendizagem, propõe atividades – tais como artísticas, lúdicas, de canto e dança -, narra e dramatiza histórias e situações do cotidiano, levando em consideração os princípios educativos de exploração de ambientes e objetos, linguagem oral e comunicação, linguagem musical e expressão corporal, identidade e autonomia.

Avalia o processo de ensino e aprendizagem, verificando os desenvolvimentos cognitivo, psicomotor e socioafetivo da criança e aplicando estratégias, técnicas e instrumentos de avaliação, por meio de relação dialógica, observação individual e coletiva, questões orais, desenhos, pinturas, linguagem corporal, símbolos, entre outros Documenta e analisa o resultado das avaliações e define estratégias para recuperação da aprendizagem.

Elabora documentos de acompanhamento e controle do processo de ensino e aprendizagem, inclusive em meio eletrônico, tais como relatórios, registros de frequência e de aproveitamento, e fichas informativas e individuais dos alunos Faz requisição de materiais Participa de reuniões pedagógicas com a equipe escolar, tendo em vista a troca de informações e a proposição de novas ideias e práticas - administrativas e educacionais - referentes à Instituição e aos alunos.

Interage com as famílias das crianças e com a comunidade, realizando reuniões e entrevistas, prestando atendimento individual e em grupo, promovendo atividades coletivas, e participando de eventos Realiza as atividades educacionais e administrativas de acordo com normas e procedimentos técnicos Mantém os ambientes de atuação limpos e organizados e zela pela segurança no uso de espaços, equipamentos e mobiliário.

Efetua pesquisas e promove situações para autodesenvolvimento e atualização profissional, buscando novos conteúdos, atividades extracurriculares, estratégias, recursos didáticos, tecnologias educacionais, metodologias ativas, teorias e referências didático-pedagógicas.

Funções do cargo

O funcionário CBO 2311-10 deve planejar a prática educacional, organizar as atividades, interagir com a família e a comunidade, cuidar dos alunos, avaliar as práticas pedagógicas, realizar tarefas administrativas, promover a educação dos alunos, pesquisar, promover a relação ensino-aprendizagem, demonstrar competências pessoais.

Condições de trabalho dessas profissões

Professores de nível superior na educação infantil exercem suas funções em instituições de ensino, públicas ou privadas. São estatutários ou contratados na condição de trabalhadores assalariados, com carteira assinada, trabalham de forma individual, com supervisão ocasional, em ambientes fechados, geralmente no período diurno. Podem estar expostos à ação de ruído intenso, no desenvolvimento de algumas atividades.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 2311-10

O exercício dessas ocupações requer formação de nível superior na área de educação e concurso público, no caso da rede pública.

Atividades exercidas por um Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos) CBO 2311-10

Um Professor de nível superior na educação infantil (zero a três anos) (ou sinônimo) deve revisar o planejamento, acompanhar os alunos nas atividades recreativas, contar histórias, analisar situações de aprendizagem, demonstrar dinamismo, selecionar recursos didáticos, orientar sobre hábitos alimentares, dramatizar histórias e situações do cotidiano, prestar esclarecimento aos pais, preparar o ambiente para as atividades, acolher os alunos, convocar pais de alunos, construir material didático, demonstrar bom senso, reelaborar o planejamento, elaborar instrumentos de avaliação, orientar sobre noções de higiene, avaliar o desenvolvimento cognitivo, promover a convivência social - socializar, preparar adaptação de casos especiais, organizar o espaço das atividades, preencher documentos com informações dos alunos, planejar a rotina dos alunos, guardar o material, estudar casos - situações especiais, expor conteúdos, lidar com a diversidade cultural, social e econômica, preservar equipamentos, espaços e mobiliário, desenvolver atividades artísticas - pintar, modelar e desenhar, reconhecer as características do grupo e sub-grupos, agrupar os alunos, estabelecer limites, observar o comportamento dos alunos, organizar comemorações de aniversário, demonstrar alegria, encaminhar documentos e relatórios a secretaria, receber alunos novos, demonstrar disposição, ler para os alunos, demonstrar organização, demonstrar autocontrole, improvisar atividades, receber comunicados dos pais - agenda, circular, organizar o material didático, participar de eventos da comunidade, dançar, trabalhar áreas de conhecimento, criar recursos didáticos, sondar necessidades e potencialidades do grupo, passar lição de casa, rever normas de conduta com as crianças, demonstrar capacidade de compreensão oral, pesquisar recursos didáticos, demonstrar disciplina, avaliar o desenvolvimento psicomotor, estabelecer normas e regras de conduta, demonstrar flexibilidade, programar atividades extraclasses, auxiliar os alunos na colocação roupas, ministrar reuniões de pais, realizar visitas temáticas, pesquisar conteúdos, proceder a retirada da fralda - controle de esfíncter, desenvolver trabalhos coletivos, orientar os pais sobre alimentação saudável, passear com os alunos, preparar a sala, conferir material, preparar projetos pedagógicos, acompanhar momento de sono, mostrar-se atento, requisitar material, mediar situações de conflitos no grupo, participar de reuniões e encontros - coordenação, professores, preparar reunião de pais, controlar a saída de alunos, alimentar os alunos, demonstrar capacidade de tomar decisões, orientar sobre noções de segurança, organizar eventos, trocar fraldas e roupas em geral, demonstrar preparo físico, demonstrar paciência, atender pais, organizar a refeição, alfabetizar os alunos, discutir casos específicos com a coordenação, atender alunos, individualmente, promover encontros e atividades com os pais, demonstrar bom humor, pesquisar atividades extracurriculares - atividades teatrais, exposições, selecionar material, organizar a entrada e a saída dos alunos, estimar a necessidade de material, brincar com os alunos, demonstrar sensibilidade, realizar auto-avaliação, demonstrar criatividade, intervir em situações de risco para os alunos, elaborar relatórios de avaliação dos alunos, acompanhar a refeição, prestar primeiros socorros, avaliar o desenvolvimento sócio-afetivo, enviar comunicados ao pais, promover a conscientização sobre direitos e deveres da cidadania, escrever para os alunos, programar atividades diárias, definir conteúdo programático do ano letivo, demonstrar ética, registrar ocorrências, promover atividades integradoras, banhar alunos, definir critérios de agrupamentos de alunos, preparar projetos para interação com a comunidade, criar situações de aprendizagem, cantar, manter-se atualizado, participar de cursos e treinamentos profissionais, comprar material, estabelecer objetivos e metas educacionais para o grupo de alunos, corrigir trabalhos com os alunos, registrar freqüência dos alunos, documentar as observações, definir estratégias pedagógicas, proceder a retirada da mamadeira, convidar personalidades e entidades, observar a interação dos alunos, demonstrar empatia, ministrar aulas, encaminhar comunicados aos pais - avisos de atividades extraclasses, autorização de saída, registrar entrevistas com os pais, levantar bibliografia, sondar o conhecimento prévio dos alunos, estabelecer rotinas, encaminhar para atendimento médico em casos emergenciais.

Cargos e salários CBO 2311-10 - Professores de nível superior na educação infantil

Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos)

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Brasil

  • 39.836
  • Brasil
  • 3.242 - 5.955
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.242 e 5.955 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 39.836 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Creche

Professor de Creche: Brasil

  • 39.836
  • Brasil
  • 3.242 - 5.955
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Creche CBO 2311-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.242 e 5.955 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 39.836 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Jardim de Infância (nível Superior)

Professor de Jardim de Infância (nível Superior): Brasil

  • 39.836
  • Brasil
  • 3.242 - 5.955
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Jardim de Infância (nível Superior) CBO 2311-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.242 e 5.955 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 39.836 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Maternal (nível Superior)

Professor de Maternal (nível Superior): Brasil

  • 39.836
  • Brasil
  • 3.242 - 5.955
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Maternal (nível Superior) CBO 2311-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.242 e 5.955 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 39.836 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Minimaternal

Professor de Minimaternal: Brasil

  • 39.836
  • Brasil
  • 3.242 - 5.955
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Minimaternal CBO 2311-10 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.242 e 5.955 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 39.836 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Belo Horizonte

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Belo Horizonte, MG

  • 711
  • Belo Horizonte, MG
  • 3.183 - 5.170
  • 33h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Belo Horizonte - MG, ganha entre 3.183 e 5.170 para uma jornada de trabalho média de 33h semanais de acordo com dados salariais de 711 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos)

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Rio Grande do Sul

  • 1.964
  • Rio Grande do Sul
  • 2.179 - 3.616
  • 34h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Rio Grande do Sul, ganha entre 2.179 e 3.616 para uma jornada de trabalho média de 34h semanais de acordo com dados salariais de 1.964 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Campinas

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Campinas, SP

  • 341
  • Campinas, SP
  • 2.939 - 5.438
  • 31h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Campinas - SP, ganha entre 2.939 e 5.438 para uma jornada de trabalho média de 31h semanais de acordo com dados salariais de 341 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Itajaí

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Itajaí, SC

  • 176
  • Itajaí, SC
  • 2.124 - 3.032
  • 39h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Itajaí - SC, ganha entre 2.124 e 3.032 para uma jornada de trabalho média de 39h semanais de acordo com dados salariais de 176 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Ribeirão Preto

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Ribeirão Preto, SP

  • 412
  • Ribeirão Preto, SP
  • 3.315 - 4.576
  • 41h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Ribeirão Preto - SP, ganha entre 3.315 e 4.576 para uma jornada de trabalho média de 41h semanais de acordo com dados salariais de 412 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Curitiba

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Curitiba, PR

  • 397
  • Curitiba, PR
  • 2.209 - 4.096
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Curitiba - PR, ganha entre 2.209 e 4.096 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 397 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos)

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Santa Catarina

  • 2.049
  • Santa Catarina
  • 2.232 - 3.510
  • 37h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Santa Catarina, ganha entre 2.232 e 3.510 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 2.049 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Londrina

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Londrina, PR

  • 436
  • Londrina, PR
  • 2.309 - 3.643
  • 37h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Londrina - PR, ganha entre 2.309 e 3.643 para uma jornada de trabalho média de 37h semanais de acordo com dados salariais de 436 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos)

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Paraná

  • 1.887
  • Paraná
  • 2.380 - 4.677
  • 38h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Paraná, ganha entre 2.380 e 4.677 para uma jornada de trabalho média de 38h semanais de acordo com dados salariais de 1.887 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos)

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Ceará

  • 1.062
  • Ceará
  • 1.642 - 2.362
  • 43h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Ceará, ganha entre 1.642 e 2.362 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 1.062 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Porto Alegre

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Porto Alegre, RS

  • 388
  • Porto Alegre, RS
  • 2.705 - 4.613
  • 32h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Porto Alegre - RS, ganha entre 2.705 e 4.613 para uma jornada de trabalho média de 32h semanais de acordo com dados salariais de 388 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) Brasília

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Brasília, DF

  • 276
  • Brasília, DF
  • 2.727 - 4.837
  • 30h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Brasília - DF, ganha entre 2.727 e 4.837 para uma jornada de trabalho média de 30h semanais de acordo com dados salariais de 276 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.
Salário Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos)

Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos): Rio de Janeiro

  • 635
  • Rio de Janeiro
  • 2.599 - 6.006
  • 29h
O profissional no cargo de Professor de Nível Superior na Educação Infantil (Zero a Três Anos) CBO 2311-10 trabalhando em Rio de Janeiro, ganha entre 2.599 e 6.006 para uma jornada de trabalho média de 29h semanais de acordo com dados salariais de 635 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2311-10.