CBO 1238-05 - Diretor de manutenção - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos diretores de manutenção

O profissional no cargo de Diretor de manutenção CBO 1238-05 dirige atividades da área de manutenção em empresa pública ou privada, considerando diretrizes determinadas pelo diretor geral – e, em corporações, pelo conselho de administração – e levando em conta estratégias, metas e ações definidas no planejamento estratégico Implanta atividades e rotinas de manutenção, estabelecendo técnicas, procedimentos e instruções.

Prospecta negócios e coordena projetos de terceirização de serviços de manutenção Estabelece condições de qualidade, definindo indicadores de desempenho e avaliando a satisfação do cliente Administra a força de trabalho e os recursos financeiros e materiais.

Propõe orçamento e analisa custos associados à área de manutenção Pesquisa, introduz e desenvolve inovações tecnológicas Cumpre legislação, normas técnicas e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental.

CBO 1238-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de diretores de manutenção que pertence ao grupo dos dirigentes de empresas e organizações (exceto de interesse público), segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Diretor de manutenção, atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Diretores de manutenção CBO 1238-05 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 1238-05

  • Membros superiores do poder público, dirigentes de organizações de interesse público e de empresas, gerentes.
    • Diretores de manutenção.
      • Dirigentes de empresas e organizações (exceto de interesse público).

O que faz um Diretor de manutenção

O Diretor de manutenção CBO 1238-05 prepara-se para análise do planejamento estratégico da empresa, acompanhando a conjuntura econômica, analisando o mercado, e avaliando tecnicamente a concorrência Participa de reuniões com a direção geral da empresa, para discussão das metas e do conjunto integrado de ações que constam no planejamento estratégico, contribuindo para assegurar as condições adequadas na realização de atividades empresariais – em decorrência da diminuição de paradas por falhas ou defeitos - e a lucratividade prevista nas operações.

Analisa relatórios de inspeção de equipamentos e instalações, acompanha mapeamento de problemas potenciais e repetitivos em temas de manutenção e analisa falhas e ocorrências significativas, a fim de obter subsídios para o processo de planejamento da manutenção.

Implanta atividades e rotinas de manutenção, estabelecendo técnicas, procedimentos e instruções Acompanha cumprimento do plano de manutenção.

Aprova plano de parada de equipamentos e instalações para manutenção Aprova especificações de materiais, equipamentos e serviços.

Aprova reparos e trocas de equipamentos.

Prospecta negócios na área de manutenção para empresas de qualquer segmento, incluindo o agronegócio, o transporte de cargas e a construção civil Coordena os projetos de terceirização de serviços de manutenção, de acordo com demandas de clientes, definindo escopo, dimensionando equipes e estimando custos.

Estabelece condições de qualidade, definindo indicadores de desempenho e avaliando a satisfação do cliente com os serviços de manutenção.

Define critérios para elaboração de orçamentos de atividades de manutenção e propõe orçamento para a área Analisa custos associados à área, cotejando com estratégias e políticas de manutenção adotadas, com o objetivo de reduzir ao mínimo o custo do ciclo de vida de cada ativo objeto de manutenção Administra a força de trabalho da área de manutenção, definindo atribuições de gerências e critérios para admissão de funcionários.

Aprova contratação de funcionários Avalia desempenho da equipe e promove programas de desenvolvimento de pessoas Administra recursos financeiros e materiais.

Aprova compras e autoriza pagamentos Aprova critérios para estoques da área de manutenção.

Desenvolve e qualifica fornecedores Propõe investimentos em modernização de equipamentos e participa na definição de projetos referentes a novas tecnologias Pesquisa inovações tecnológicas e novos equipamentos, em função das necessidades da área de manutenção, incluindo tecnologias de detecção de falha que usam modelos de aprendizado de máquina, redes, inteligência artificial e elementos de sensoriamento associados aos componentes, equipamentos e sistemas passíveis de manutenção.

Introduz e desenvolve inovações na área de manutenção, avaliando utilização de sistemas digitais, tecnologias de automação e conectividade entre equipamentos Organiza sistemas de manutenção lastreados em técnicas preditivas, com apoio de tecnologias de ponta, para permitir melhoria efetiva de processos de manutenção Pode fazer uso ou impulsionar a utilização de “softwares” que auxiliam nas atividades de gestão de serviços de manutenção, compreendendo sistemas analíticos, CMMS- Sistema Computadorizado de Gestão da Manutenção (Computerized Maintenance Management System), entre outros.

Reúne-se com gerentes executivos e supervisores para avaliação das atividades Apresenta à direção da empresa, periodicamente, relatórios de acompanhamento das atividades, para mostrar o alcance de objetivos e metas Desenvolve ações para integração da empresa com a comunidade externa.

Atua de acordo com normas de conformidade legal e jurídica Aprimora condições de segurança, adaptando equipamentos e instalações às normas Controla cumprimento de normas ambientais Organiza corpo consultivo para estudar e implantar medidas para prevenir possíveis situações de risco no trabalho.

Funções do cargo

O funcionário CBO 1238-05 deve administrar recursos humanos, aprimorar condições de segurança, qualidade, saúde e meio ambiente, demonstrar competências pessoais, coordenar projetos de terceirização, promover mudanças tecnológicas, planejar serviços de manutenção, gerenciar recursos, implementar atividades de manutenção.

Condições de trabalho dessas profissões

Diretores de manutenção exercem suas funções em empresas dos mais variados ramos de atividades. São contratados na condição de empregados com carteira assinada. Atuam em equipe, sob supervisão ocasional, em ambientes fechados, no período diurno. No desempenho de algumas atividades, podem trabalhar sob pressão, levando-os à situação de estresse.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 1238-05

Essa ocupação é exercida por pessoas com escolaridade de ensino superior, podendo ser requerido curso superior de nível tecnológico (tecnólogo) em área correlata. O desempenho pleno das funções ocorre após o período de cinco anos de experiência profissional.

Atividades exercidas por um Diretor de manutenção CBO 1238-05

Um Diretor de manutenção (ou sinônimo) deve promover treinamento e capacitação, acompanhar legislação de interesse da área, propor programa de treinamento e capacitação, analisar empresas concorrentes, demonstrar expressão verbal, acompanhar auditorias internas e externas, controlar padrões técnicos de manutenção, definir critérios para admissão de funcionários, reconhecer desempenho da equipe, participar de eventos - seminários, palestras, feiras, analisar mercado, avaliar resultados, analisar relatórios, controlar qualidade de fornecedores, acompanhar indicadores de desempenho de áreas produtivas, definir escopo de projetos, introduzir inovações na área de manutenção, trabalhar com segurança, verificar nível de satisfação da equipe, adaptar máquinas, equipamentos e instalações às normas, analisar projetos, propor política de terceirização de serviços, estabelecer metas operacionais, liderar equipes, aprovar reparo e troca de equipamentos, demonstrar expressão escrita, aprovar projetos, pesquisar inovações tecnológicas, demonstrar espírito empreendedor, desenvolver fornecedores, zelar pela segurança, qualidade, saúde e meio ambiente, participar do planejamento de grandes reparos, controlar cumprimento de normas, administrar conflitos, pesquisar novos equipamentos, explicitar metas e indicadores, analisar custos, estabelecer normas para cumprimento das políticas de segurança, qualidade, saúde e meio ambiente, propor orçamento da área, promover atitudes e medidas preventivas, negociar índices de disponibilidade de equipamentos, autorizar pagamentos, definir indicadores de desempenho, participar na definição de novos projetos, aprovar procedimentos e instruções de manutenção, aprovar compras, propor políticas de segurança, qualidade, saúde e meio ambiente, aprovar especificações de materiais, equipamentos e serviços, atualizar-se profissionalmente, acompanhar cumprimento do plano de manutenção, analisar relatórios de inspeção de máquinas, equipamentos e instalações, coordenar implantação de recomendações de assistências técnicas, propor investimentos em modernização de equipamentos, dimensionar equipe, estimar custos, demonstrar ganhos com serviço de manutenção terceirizada, definir critérios para redução de perdas, implantar atividades e rotinas de manutenção, aprovar técnicas de manutenção, desenvolver inovações em manutenção, promover rotação de postos de trabalho, interpretar necessidade do cliente, acompanhar análise de equipamentos-chave, trabalhar sob pressão, reavaliar recursos para manutenção de nível de produção, avaliar desempenho da equipe, otimizar uso de recursos financeiros e materiais, analisar experiências anteriores, estimular integração das equipes, aprovar organograma funcional, qualificar fornecedores, supervisionar serviços contratados, analisar falhas e ocorrências significativas, negociar programação de paradas, verificar satisfação do cliente, monitorar aplicação de manual de qualidade dos serviços, otimizar processos e recursos energéticos, monitorar áreas e equipamentos estratégicos, converter estratégias em planos, acompanhar conjuntura econômica, definir prêmios de produtividade, monitorar atualização de documentação técnica, demonstrar criatividade, revelar visão sistêmica, acompanhar implantação de melhorias propostas, auditar cumprimento de normas, acompanhar trabalhos de comissão de garantia da qualidade, aprovar plano de parada de máquinas, equipamentos e instalações, acompanhar cumprimento de orçamentos, orientar trabalho da equipe, aprovar contratação de funcionários, aprovar critérios para estoques da área de manutenção, trabalhar em equipe multifuncional, motivar equipe, prospectar negócios, discutir projetos com clientes, definir política de manutenção, acompanhar desenvolvimento de projeto, incentivar surgimento de novas idéias, acompanhar mapeamento de problemas potenciais e repetitivos, definir critérios para elaboração de orçamentos, tomar decisões, focar resultados, definir atribuições de gerências.

Cargos e salários CBO 1238-05 - Diretores de manutenção

Salário Diretor de Manutenção

Diretor de Manutenção: Brasil

  • 382
  • Brasil
  • 11.732 - 39.713
  • 42h
O profissional no cargo de Diretor de Manutenção CBO 1238-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 11.732 e 39.713 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 382 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1238-05.
Salário Diretor de Operações e Manutenção

Diretor de Operações e Manutenção: Brasil

  • 382
  • Brasil
  • 11.732 - 39.713
  • 42h
O profissional no cargo de Diretor de Operações e Manutenção CBO 1238-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 11.732 e 39.713 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 382 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 1238-05.