CBO 7734-15 - Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série) - Descrição do cargo, funções, competências e atividades exercidas pelos operadores de máquina de usinar madeira (produção em série)

O profissional no cargo de Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série) CBO 7734-15 opera máquina de usinagem de madeira, selecionado madeira para alimentar a máquina, programando a máquina, instalando e regulando ferramentas de corte na máquina, fixando acessórios na máquina, controlando parâmetros do processo, e confeccionando peças Planeja as atividades, interpretando ordens de serviço e desenhos.

Controla a qualidade do processo e dos produtos, ajustando parâmetros e variáveis do processamento, e comparando peças usinadas com características do lote e com padrão de referência Realiza manutenção básica de máquinas e equipamentos Elabora documentação técnica.

Cumpre normas e procedimentos técnicos e de qualidade e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho, de prevenção contra incêndios e de preservação ambiental

CBO 7734-15 é o Código Brasileiro da Ocupação de operadores de máquina de usinar madeira (produção em série) que pertence ao grupo dos trabalhadores das indústrias de madeira e do mobiliário, segundo o Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Confira funções, descrição do cargo de Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série), atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário pago para os Operadores de máquina de usinar madeira (produção em série) CBO 7734-15 em todo Brasil.

Divisões de categorias profissionais do CBO 7734-15

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais.
    • Operadores de máquina de usinar madeira (produção em série).
      • Trabalhadores das indústrias de madeira e do mobiliário.

O que faz um Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série)

O Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série) CBO 7734-15 planeja corte de madeira, interpretando ordens de serviço, desenhos e especificações técnicas, definindo a ordenação das etapas do processo, e verificando tipo e quantidade de peças para processamento Identifica códigos de peças e produtos.

Define a quantidade de madeiras e de outros materiais para execução das atividades.

Seleciona ferramentas e instrumentos Prepara madeiras, identificando sua qualidade e fazendo sua seleção.

Pode reaproveitar peças defeituosas Prepara a máquina de usinagem de madeira, completando nível de óleo, regulando pressão de ar das válvulas pneumáticas, programando a máquina, regulando ferramentas de corte, e fixando acessórios na máquina.

Opera máquina de usinagem de madeira - na produção em série -, posicionando e fixando a madeira na máquina, controlando parâmetros do processo, e confeccionando peças de madeira.

Orienta a acomodação das peças usinadas e confere suas medidas Controla a qualidade do processamento e dos produtos, verificando umidade da madeira, controlando e ajustando parâmetros e variáveis - como tempo de processamento e velocidade de usinagem - do processo, realizando inspeção visual do formato de peças de madeira, e conferindo furos, largura e espessura das peças processadas.

Identifica amostras de peças com características do lote e compara peças usinadas com o padrão.

Separa peças com defeitos Elabora documentação técnica, registrando etapas do processamento e preenchendo formulários de controle de produção Requisita materiais e ferramentas.

Preenche formulário de controle de produtos não conformes Conserva a área de trabalho limpa e organizada Mantém ferramentas, instrumentos e acessórios limpos, organizados, acondicionados e em plenas condições de uso e funcionamento.

Realiza manutenção básica de máquinas e equipamentos, executando sua limpeza e lubrificação Identifica falhas no funcionamento de máquinas e equipamentos e consulta manuais dos fabricantes para fazer ajustes e substituir ferramentas.

Solicita serviços de manutenção corretiva Acompanha a realização do serviço de manutenção e, ao seu término, testa o funcionamento de máquinas e equipamentos Controla desperdício de materiais, selecionando resíduos e peças defeituosas para reciclagem e reaproveitamento.

Faz o descarte de resíduos não selecionados de acordo com normas ambientais Zela pela segurança, interpretando normas de CIPA-Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e procedimentos internos Utiliza Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC).

Empilha peças de madeira conforme limites de segurança, desobstruindo acessos e corredores.

Funções do cargo

O funcionário CBO 7734-15 deve demonstrar competências pessoais, elaborar documentação técnica, trabalhar com segurança, realizar manutenção básica de máquinas e equipamentos, operar máquinas de usinar madeira - produção em série, preparar máquinas para processamento de madeiras - produção em série, programar atividades para a fabricação de peças de madeira, preparar madeiras e insumos, controlar qualidade do processamento de peças e de produtos de madeira.

Condições de trabalho dessas profissões

Operadores de máquina de usinar madeira (produção em série) atuam na fabricação de móveis como empregados com carteira assinada. O trabalho é presencial, realizado de forma individual, sob supervisão ocasional, em ambiente fechado e por rodízio de turnos (diurno/noturno). Trabalham em posições desconfortáveis durante longos períodos e permanecem expostos a materiais tóxicos e a ruído intenso.

Exigências do mercado de trabalho para o CBO 7734-15

Para o exercício dessas ocupações requer-se ensino fundamental concluído e curso básico de qualificação profissional de duzentas a quatrocentas horas-aula. O pleno desempenho das atividades ocorre entre um e dois anos de experiência profissional.

Atividades exercidas por um Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série) CBO 7734-15

Um Operador de máquina de usinagem de madeira (produção em série) (ou sinônimo) deve preencher formulário de produtos não conformes, controlar tempo de processamento de madeiras, identificar máquinas e equipamentos em manutenção, definir quantidades de peças para o processamento, selecionar madeiras, separar resíduos para reciclagem, requisitar materiais e ferramentas, regular pressão de ar das válvulas pneumáticas, verificar umidade da madeira, separar peças com defeitos, identificar amostras com características do lote, preencher formulários de controle de produção, relacionar-se com superiores e subordinados, comparar peças usinadas, pintadas e prensadas com o padrão, preencher solicitações de manutenção, limpar máquinas, ferramentas e filtros, promover autodesenvolvimento, desobstruir acessos e corredores, usar epi e epc, determinar a ordenação das etapas do processo, registrar etapas do processo de produção, conferir medidas das peças, completar nível de óleo das máquinas, demonstrar responsabilidade, fixar acessórios das máquinas, conferir peças processadas - encaixes, furos, largura, espessura, fixar madeiras nas máquinas, interpretar ordens de serviço, inspecionar, visualmente, cor e formato de peças e produtos de madeira, controlar parâmetros do processo de fabricação, substituir ferramentas, testar funcionamento de máquinas e equipamentos, consultar manuais dos fabricantes, planejar corte das peças, posicionar madeiras na máquina, lubrificar máquinas, manifestar flexibilidade, dar provas de coordenação motora, identificar qualidade de madeiras, identificar falhas em máquinas e equipamentos, tomar iniciativa, regular ferramentas de corte, codificar ferramentas conforme máquinas, empilhar peças de madeira conforme limites de segurança, interpretar normas de cipa e procedimentos internos, definir a quantidade de madeira, ajustar máquinas e ferramentas, interpretar desenhos, demonstrar auto-organização, manter atenção concentrada, orientar acomodação das peças usinadas, abastecer máquinas com madeiras, programar máquinas, limpar área de trabalho, identificar códigos de peças e produtos, evidenciar dinamismo, reaproveitar peças defeituosas.

Cargos e salários CBO 7734-15 - Operadores de máquina de usinar madeira (produção em série)

Salário Operador de Seccionadeira na Usinagem de Madeira

Operador de Seccionadeira na Usinagem de Madeira: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Seccionadeira na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie)

Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie): Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie) CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Fingirjoint

Operador de Fingirjoint: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Fingirjoint CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira

Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Confeccionar Palitos

Operador de Máquina de Confeccionar Palitos: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Confeccionar Palitos CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira

Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquinas de Confeccionar Fósforo

Operador de Máquinas de Confeccionar Fósforo: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Máquinas de Confeccionar Fósforo CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Perfiladeira

Operador de Perfiladeira: Brasil

  • 4.422
  • Brasil
  • 1.952 - 3.345
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Perfiladeira CBO 7734-15 trabalhando no Brasil, ganha entre 1.952 e 3.345 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 4.422 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie)

Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie): São Paulo

  • 722
  • São Paulo
  • 2.130 - 3.339
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie) CBO 7734-15 trabalhando em São Paulo, ganha entre 2.130 e 3.339 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 722 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie)

Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie): Paraná

  • 902
  • Paraná
  • 1.992 - 3.066
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie) CBO 7734-15 trabalhando em Paraná, ganha entre 1.992 e 3.066 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 902 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie) São Paulo

Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie): São Paulo, SP

  • 69
  • São Paulo, SP
  • 1.926 - 2.937
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie) CBO 7734-15 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.926 e 2.937 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 69 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie)

Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie): Santa Catarina

  • 1.111
  • Santa Catarina
  • 1.925 - 2.929
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Usinagem de Madeira (Produção em Serie) CBO 7734-15 trabalhando em Santa Catarina, ganha entre 1.925 e 2.929 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 1.111 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira São Paulo

Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira: São Paulo, SP

  • 69
  • São Paulo, SP
  • 1.926 - 2.937
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.926 e 2.937 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 69 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira

Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira: São Paulo

  • 722
  • São Paulo
  • 2.130 - 3.339
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando em São Paulo, ganha entre 2.130 e 3.339 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 722 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira

Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira: Paraná

  • 902
  • Paraná
  • 1.992 - 3.066
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Lixadeira na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando em Paraná, ganha entre 1.992 e 3.066 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 902 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira São Paulo

Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira: São Paulo, SP

  • 69
  • São Paulo, SP
  • 1.926 - 2.937
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando em São Paulo - SP, ganha entre 1.926 e 2.937 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 69 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira Curitiba

Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira: Curitiba, PR

  • 391
  • Curitiba, PR
  • 1.804 - 2.597
  • 43h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando em Curitiba - PR, ganha entre 1.804 e 2.597 para uma jornada de trabalho média de 43h semanais de acordo com dados salariais de 391 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.
Salário Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira

Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira: São Paulo

  • 722
  • São Paulo
  • 2.130 - 3.339
  • 44h
O profissional no cargo de Operador de Máquina de Produção na Usinagem de Madeira CBO 7734-15 trabalhando em São Paulo, ganha entre 2.130 e 3.339 para uma jornada de trabalho média de 44h semanais de acordo com dados salariais de 722 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 7734-15.