CBO 2629-05 - Designer de interiores de nível superior - Salário, Piso Salarial, Descrição do Cargo

CBO 2629-05 é o Código Brasileiro da Ocupação de designer de interiores de nível superior que pertence ao grupo dos profissionais de espetáculos e das artes, segundo a tabela CBO divulgada pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia (antigo MTE - Ministério do Trabalho).

Nesta página você pode ver as funções desempenhadas pelo cargo, descrição de atividades principais, atribuições, mercado de trabalho, piso salarial médio, jornada de trabalho, faixa salarial, dados salariais oficiais atualizados para a função, bem como o salário médio pago para os Designer de interiores de nível superior CBO 2629-05 em todo Brasil ou categorizados por estados e cidades brasileiras.

Divisões de categorias profissionais do CBO 2629-05

  • Profissionais das ciências e das artes.
    • Comunicadores, artistas e religiosos.
      • Profissionais de espetáculos e das artes.
        • Designer de interiores de nível superior.

Descrição dos cargos da categoria Designer de interiores de nível superior

Os Designer de interiores de nível superior CBO 2629-05 projetam e executam de forma criativa e científica soluções para espaços interiores residenciais, comerciais e institucionais, visando a estética, a eficiência, a segurança, a saúde e o conforto. Pesquisam produtos, materiais e equipamentos para elaboração e execução de projetos de interiores.

Condições de trabalho

Designer de interiores de nível superior o trabalho é exercido predominantemente por autônimos, em horário variável, de forma individual e em equipe, sem supervisão. O campo de atuação desse profissional tem experimentado grande expansão nos anos recentes. Seus serviços vem sendo demandados na concepção e montagem de ambientes diversificados: residenciais, industriais, comerciais, seviços financeiros, serviços de saúde, serviços de educação, serviços culturais, administração municipais e estaduais, dentre outros.

Exigências do mercado de trabalho

Essa ocupação é exercida por profissional de nível superior nas áreas de Arquitetura e Decoração.

Funções dos Designer de interiores de nível superior CBO 2629-05

Designer de interiores de nível superior devem:

  • elaborar projeto executivo;
  • demonstrar competências pessoais;
  • elaborar anteprojeto;
  • conceituar o projeto;
  • pesquisar produtos, materiais e equipamentos;
  • acompanhar a execução da obra;
  • elaborar estudo preliminar;
  • analisar proposta de trabalho;
  • executar o projeto;
  • promover o consumo;
  • Atividades dos cargos CBO 2629-05

    Entre as principais atribuições dos Designer de interiores de nível superior CBO 2629-05 estão as de:

    • demonstrar poder de persuasão;
    • definir conceito e partido do projeto;
    • ser capaz de atender as necessidades do cliente;
    • criar móveis considerando ergonomia;
    • realizar cotação ou concorrência de produtos e serviços;
    • demonstrar capacidade de aplicação de técnicas de representação gráfica;
    • proporcionar atrativos sensoriais no ambiente para promover bem-estar;
    • criar soluções para portadores de necessidades especiais;
    • definir programas de necessidades;
    • participar de grupos de especialistas para avaliar produtos e materiais;
    • apresentar estudo preliminar ao cliente;
    • criar espaços ou ambientes utilizando novos produtos;
    • destacar atrativos sensoriais na distribuição dos objetos para estimular o consumo;
    • pesquisar contexto social e histórico da obra;
    • contribuir para o desenvolvimento de produtos, materiais e equipamentos;
    • demonstrar capacidade de técnicas de informática;
    • gerenciar obra ou projeto;
    • supervisionar cronograma;
    • fazer ajustes ao projeto quando necessário;
    • elaborar memorial descritivo;
    • participar do lançamento de novos produtos;
    • elaborar cronograma físico e financeiro;
    • adequar as alterações do projeto ao espaço;
    • adaptar materiais para criação de ambientes;
    • locar pontos de lógica;
    • representar espaço criado graficamente;
    • demonstrar domínio técnico, tecnológico e científico;
    • definir formas, texturas e cores;
    • sugerir eventuais modificações ao projeto arquitetônico;
    • orçar projeto;
    • realizar levantamento e análise do espaço;
    • criar ambiente favorável ao consumo;
    • participar de exposição e mostras;
    • elaborar proposta de honorários;
    • testar produtos, materiais e equipamentos;
    • orientar a execução específica de materiais e serviços;
    • definir ocupações do espaço;
    • representar graficamente o projeto para execução;
    • coordenar as diferentes equipes de trabalho;
    • identificar os procedimentos e atividades a serem executadas;
    • prestar consultoria na sua área e áreas afins;
    • diagnosticar problemas;
    • pesquisar o tema e o perfil do usuário;
    • elaborar planilha e especificação de materiais e equipamentos;
    • especificar os materiais e equipamentos a serem utilizados considerando normas de higiene;
    • definir materiais e equipamentos;
    • manter-se atualizado à respeito da aplicação de materiais e equipamentos;
    • exercer liderança;
    • definir soluções de conforto ambiental;
    • planejar espaços;
    • realizar entrevistas com o cliente para definir necessidades funcionais e técnicas;
    • criar ambientes temáticos e estéticos;
    • estabelecer interfaces gerenciando projetos complementares;
    • pesquisar materiais;
    • locar pontos hidráulicos;
    • avaliar possibilidades e limites técnicos do espaço a ser trabalhado;
    • elaborar organograma;
    • avaliar prazos;
    • analisar os dados levantados;
    • elaborar a solução criativa para o espaço;
    • projetar a locação de pontos luminotécnicos;
    • selecionar fornecedores;
    • ter formação de nível superior;
    • estabelecer cláusulas do contrato de trabalho;
    • aplicar conceito ergonômico;
    • ser capaz de realizar pesquisas;
    • locar pontos de telefonia;
    • demonstrar ética profissional;
    • divulgar trabalhos na mídia;
    • elaborar proposta de trabalho;
    • manter-se atualizado com as tendências de mercado;
    • estar capacitado para promover bem-estar, saúde e segurança;
    • avaliar a pós ocupação do espaço;
    • realizar entrevistas com cliente para identificar intenções;
    • elaborar fluxograma;
    • ser capaz de transmitir informações culturais para o cliente;
    • adaptar projetos às normas da abnt;
    • pesquisar materiais que garantam a preservação ambiental;
    • comunicar-se com diferentes públicos;
    • pesquisar as necessidades específicas das diferentes áreas do espaço a ser planejado;
    • locar pontos de ar condicionado;
    • interagir com projetos complementares;
    • representar graficamente o espaço redimensionado;
    • avaliar limites orçamentários;
    • demonstrar capacidade de captar os objetivos do cliente;
    • criar peças especiais;
    • supervisionar os processos construtivos;
    • avaliar resultado do projeto junto ao cliente;
    • montar espaços que destaquem o produto;
    • contratar serviço de mão-de-obra especializada (pintor, eletricista etc);
    • levantar normas e legislação;
    • ser capaz de ministrar aulas;
    • locar pontos elétricos;
    • estabelecer colaboração com outros profissionais (engenheiros, arquitetos, paisagistas);
    • apresentar o anteprojeto ao cliente;

    Cargos e salários CBO 2629-05 - Designer de interiores de nível superior

    Salário Decorador de Interiores

    Decorador de Interiores: Brasil

    • 450
    • Brasil
    • 3.146 - 8.008
    • 42h
    O profissional no cargo de Decorador de Interiores CBO 2629-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.146 e 8.008 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 450 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2629-05.
    Salário Designers de Ambientes

    Designers de Ambientes: Brasil

    • 450
    • Brasil
    • 3.146 - 8.008
    • 42h
    O profissional no cargo de Designers de Ambientes CBO 2629-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.146 e 8.008 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 450 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2629-05.
    Salário Designers de Interiores

    Designers de Interiores: Brasil

    • 450
    • Brasil
    • 3.146 - 8.008
    • 42h
    O profissional no cargo de Designers de Interiores CBO 2629-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.146 e 8.008 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 450 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2629-05.
    Salário Planejador de Interiores

    Planejador de Interiores: Brasil

    • 450
    • Brasil
    • 3.146 - 8.008
    • 42h
    O profissional no cargo de Planejador de Interiores CBO 2629-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.146 e 8.008 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 450 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2629-05.
    Salário Decorador de Interiores de Nível Superior

    Decorador de Interiores de Nível Superior: Brasil

    • 450
    • Brasil
    • 3.146 - 8.008
    • 42h
    O profissional no cargo de Decorador de Interiores de Nível Superior CBO 2629-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.146 e 8.008 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 450 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2629-05.
    Salário Ambientador

    Ambientador: Brasil

    • 450
    • Brasil
    • 3.146 - 8.008
    • 42h
    O profissional no cargo de Ambientador CBO 2629-05 trabalhando no Brasil, ganha entre 3.146 e 8.008 para uma jornada de trabalho média de 42h semanais de acordo com dados salariais de 450 colaboradores registrados em regime CLT. Clique e confira a pesquisa salarial completa do cargo CBO 2629-05.